adplus-dvertising

Afinal quem diz verdade? Quem assume a responsabilidade?

Chegou-nos por email este desabafo… depois da ministra Temido ter afirmado que está disposta a ultrapassar a linha ténue e decretar quarentena obrigatória…

Ministra da Saúde esteve no Parlamento a explicar aos deputados o que está a ser feito – e o que pode ser feito – para combater o covid-19. Marta Temido diz que o quadro legal não é totalmente claro, mas que se for preciso decretar medidas de isolamento obrigatório não fugirá às responsabilidades.

Segue-se o desabafo:

“A campanha política continua! Ouvimos na TV os ministros em uníssono a pregar que os trabalhadores do público ou privado, que estiveram em zonas de risco do coronavírus/COVID-19, não serão penalizados em caso de quarentena a nível de vencimento. No entanto existem algumas dificuldades em passar esta mensagem. A Saúde 24 continua a ler a cartilha e nada diz nem ninguém assume. Já a Delegação de Saúde diz que se deve ir trabalhar, pois o despacho agora saído sobre o assunto, segundo o Delegado de Saúde, só em caso de ida ao hospital é que passa a vigorar. Até lá nada feito!

Claro que o trabalhador deve fazer prova do local onde esteve. Até porque há sempre quem se aproveite da desgraça alheia.

A quarentena é feita para salvaguarda de todos e funciona como prevenção. A interrupção da mesma e a deslocação para o trabalho (mas promovendo o distanciamento social e evitando o contacto físico!!) pode funcionar como um eventual meio de propagação e a ser assim quem assume? O Delegado de Saúde? Bem sei que para o Governo seria muito melhor todos os trabalhadores nesta situação meterem baixa médica, mas será racional. Quem querem enganar? Sejam honestos, não brinquem com as palavras e de forma clara e transparente esclareçam a sociedade.”

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/03/afinal-quem-diz-verdade-quem-assume-a-responsabilidade/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: