A frente de batalha contra a desgraça sempre teve lugar na escola.

Sempre tive essa noção, em caso de crise é na escola que se vê, em primeiro lugar, a desgraça a acontecer. São as crianças e jovens, os primeiros a deixar notar o que se passa em casa. Se olharmos com atenção verificamos a mudança de rotinas, de lanches, de pequenos pormenores que na maioria das vezes passam ao lado da restante sociedade. É na escola que a fome vem morrer.

Este ano não é diferente, esta crise vai afetar muitos que até agora ajudavam e, agora, são eles que necessitam de ajuda.

Alunos que ajudavam colegas carenciados são quem agora precisa de apoio

Alunos de famílias de classe média, que antes participavam em campanhas de solidariedade, são agora quem precisa dessa ajuda e algumas escolas receiam não conseguir acudir a todos.

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/12/a-frente-de-batalha-contra-a-desgraca-sempre-teve-lugar-na-escola/

2 comentários

    • Matilde on 27 de Dezembro de 2020 at 10:33
    • Responder

    Infelizmente, tudo isso é verdade e, previsivelmente, irá agravar-se nos próximos meses…

    Em 12 de Dezembro, quando aqui escrevi isto: Também há heróis desconhecidos, mas com um rosto e com um nome, foi exactamente com o objectivo de alertar para este problema…

    Cabe-nos a todos, e cada um de nós, estar atento ao que se vai passando em cada escola e tentar encontrar, com outras pessoas, as melhores soluções para o problema…

    (http://www.arlindovsky.net/2020/12/tambem-ha-herois-desconhecidos-mas-com-um-rosto-e-com-um-nome/)

    • António on 27 de Dezembro de 2020 at 23:44
    • Responder

    O estado social seria bom…. não fosse o caso de este servir para os corruptos, os muito ricos e apenas os muito pobres, então a classe que média que trabalha, e que cada vez tem menos rendimentos ao fim do mês, que contribua, que pague tudinho, até ao tutano!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: