adplus-dvertising

Este Também não é Um Tesourinho Contratual

Porque o número de candidato que se encontra no curso/habilitação também é o do Diretor do Agrupamento como aconteceu em Oliveira de Azeméis.

Sei que andamos todos nervosos e com suspeitas de meio mundo, mas procurem filtrar melhor a informação que me enviam, caso contrário deixarei de publicar estes posts, sob pena de estarem a ser divulgados falsos tesourinhos.

 

 

 

maia

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2014/09/este-sim-e-um-tesourinho-contratual/

8 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • atónito on 25 de Setembro de 2014 at 19:57
    • Responder

    mas o que vem a ser isto? Já não há decoro, é tudo à descarada! Oxalá que haja alguém da comunicação social a ver isto e que divulgue para o resto do país para todos verem o quanto corrupto está o ensino. Devia haver uma lei que penalizasse fortemente quem faz este tipo de contratações!

    • Susana on 25 de Setembro de 2014 at 20:09
    • Responder

    VERGONHA!!!!!!!! E, assim, fazem os docentes deslocarem-se kms e kms para possíveis entrevistas de pura “fachada! Uma perfeita “fantochada”!!!! Isto é sério, deverá ser crime, é , realmente, muito grave….

      • JPB on 25 de Setembro de 2014 at 21:06
      • Responder

      Verdade!!! Mesmo aquelas ofertas que não apresentam o numero de candidato, estes tipos colocam estas ofertas só por questões de formalidade. Depois convocam para entrevista do faz de conta, pois a oferta já está reservada para um determinado candidato/a. Pura falácia, é só gozar mas qualquer dia lixam-se!

    • atónito on 25 de Setembro de 2014 at 20:52
    • Responder

    Contratam um licenciado do grupo 620 -educação física- para a função de psicólogo. Ou será que é psicólogo e concorre erradamente nos outros concursos ao grupo 620? Ou será que é licenciado em educação física e também é licenciado em psicologia? Ou será que este Sérgio é o genro do sr diretor?… que receba entretanto financiamento por parte do governo para pagar estes vencimentos, dinheiro dos contribuintes, tá claro! Nem quero imaginar o grau de proficiência destes apoios psicológicos. Isto devia ir à comunicação social! O sistema tá podre! Inacreditável!

    • Susana on 25 de Setembro de 2014 at 22:28
    • Responder

    O mesmo acontece nos Centros de Emprego, abrem ofertas já destinadas para o candidato x ou h. Toda a gente sabe e ninguém faz nada… Safa-se só quem tem “amigos do croquete” . Não há justiça nem transparência. Portugal “país de brandos costumes” só se for na impunidade.

    • Professor Anónimo on 25 de Setembro de 2014 at 22:48
    • Responder

    Olá Arlindo.

    Após uma pesquisa pelo nº de utilizador e obter o respectivo nome consegui descobrir que afinal este caso também corresponde à colocação indevida do nº do Director.
    Factos que podem comprovar neste dois documentos:

    http://www.dgrhe.min-edu.pt/docs/2013-Q-NCOLC-DEF/ListaQ_Ncoloc_Def_grupo620.pdf

    https://dre.pt/application/dir/pdf2sdip/2013/07/128000000/2113421134.pdf

    A questão que coloco é: O que se passa com o SIGRHE para acontecerem estes erros???
    Logo dois. Ambos os directores colocaram o seu nº de utilizador por lapso? Foi coincidência ou a plataforma estará com erros?

    1. Já retifiquei o post e vou apagar os comentários feitos com base numa informação errada. Parece que a plataforma assume automaticamente o número de candidato do diretor.

    • Arnesto on 25 de Setembro de 2014 at 23:21
    • Responder

    Arlindo e “colaboradores”: óque pane leiragem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: