Aberto o Pedido da Mobilidade por Doença

Na aplicação SIGHRE encontra-se já disponível o pedido da Mobilidade por Doença.

Se o prazo efetivamente terminar amanhã presumo que muitos docentes não irão concluir este processo de Upload dos documentos e submissão do pedido.
Na página principal da DGAE não há ainda qualquer alusão a esta fase da MPD.

É nesta fase que também já escolhem a escola/agrupamento para onde pretendem pedir a MPD.

 

image

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/06/aberto-o-pedido-da-mobilidade-por-doenca/

68 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • José on 1 de Junho de 2015 at 11:21
    • Responder

    Eu bem dizia que era antes da saída dos resultados do concurso interno. Em 2013 já foi assim. Boa sorte a todos. José

    • José on 1 de Junho de 2015 at 11:38
    • Responder

    Arlindo,
    Espero estar enganado, mas será que amanhã não termina tudo? Ou seja o pedido de MpD terminar no dia de amanhã?

    1. Estou com o pressentimento que fizeram de propósito e que termina amanhã, José. Assim os colegas que estariam à espera de entrar no interno já não poderão submeter, porque não têm todos os dados que são solicitados no pedido da mobilidade por doença. Para além disso, apanham outras pessoas desprevenidas, que não se apercebem que a aplicação abriu hoje, para logo fechar amanhã e, como no aviso de abertura diz que é até 2 de junho ainda têm suporte legal para nos mandarem a um sítio feio…

        • Paulo on 1 de Junho de 2015 at 12:07
        • Responder

        “Assim os colegas que estariam à espera de entrar no interno já não poderão submeter, porque não têm todos os dados que são solicitados no pedido da mobilidade por doença”

        Lara, desculpe mas não percebi… poderia explicar, s.f.f. ?

          • José on 1 de Junho de 2015 at 12:24

          Fácil Paulo,
          Os contratados que esperam vincular e estariam interessados em pedir mobilidade por doença, já não o podem fazer. pelo menos nesta fase.

          • Alfredo Nunes Mendes on 1 de Junho de 2015 at 12:47

          Colega José, poderei escolher a mesma escola onde estou destacado por doença à dois anos, além dos 4 anteriores por afetação?

          • ZARE on 1 de Junho de 2015 at 12:51

          Sim, pode, é esse o meu caso

          Boa sorte

          • Alfredo Nunes Mendes on 1 de Junho de 2015 at 12:55

          Colega ZARE, já submeteu o seu pedido? Sou QZP e estou afeto a este agrupamento desde o concurso de 2009 até 2013. Nos anos letivos imediatamente a seguir, isto é, 2013/2014 e 2014/2015 mantive-me no mesmo agrupamento, só que por MPD. Posso efetivamente escolher o mesmo agrupamento. Obrigado.

          • José on 1 de Junho de 2015 at 13:03

          Veja o que pergunta no 3.5.1

          • José on 1 de Junho de 2015 at 13:01

          O colega e qzp ou qa? Se for qzp até tem no ponto 3.5.1 uma pergunta relacionada.

          Acho que pode pedir.
          Boa sorte

          • Bruno Cruz on 1 de Junho de 2015 at 14:44

          Nesse caso, tal como no ano transato, só podem concorrer na segunda fase…

          • José on 1 de Junho de 2015 at 16:01

          Pois…..
          O problema é que nada indica que haverá outro momento…..

          • Paulo on 1 de Junho de 2015 at 21:11

          Obrigado, José !

          • Lara on 1 de Junho de 2015 at 13:05

          Porque no pedido pede o QZP de provimento e a escola de provimento/colocação e se o o concurso interno/externo ainda não saiu e há colegas que estão a aguardar entrar no quadro, já não poderão pedir mobilidade por doença, nesta fase (e este ano, não está prevista, ainda outra…), porque não podem preencher algo que ainda não se lhes aplica. Espero que depois permitam que concorram depois. Boa sorte a todos.

          • Paulo on 1 de Junho de 2015 at 21:10

          Obrigado, Lara !

    2. Novo artigo com a nota informativa II. Termina dia 5 de Junho.

        • José on 1 de Junho de 2015 at 14:15
        • Responder

        Obrigado Arlindo.
        Um abraço

  1. Só falta pedir para alguém rever e, submeter… Boa sorte aos colegas.

    • José on 1 de Junho de 2015 at 12:19
    • Responder

    Submetido. não deixem para amanhã, se puderem fazer hoje.
    O conselho que deixo aos colegas que vinculem agora e não possam pedir a mobilidade por ainda não reunirem a condição de vinculado, façam uma exposição sobre a vossa situação, com os respetivos comprovativos.
    Dirijam-na ao senhor Secretário de estado, com conhecimento da Diretora Geral da DGAE.
    Boa sorte a todos.
    José

  2. Finalmente!!

    • Cristina on 1 de Junho de 2015 at 13:21
    • Responder

    Desculpem a minha ignorância mas imagem um colega que tentou mudar de escola no concurso interno e, caso consiga, não necessita de pedir MpD. Deve concorrer agora na mesma? E se ficar colocado na escola que pretendia?

    1. Estou com o mesmo problema!

      • José on 1 de Junho de 2015 at 14:18
      • Responder

      Vocês só complicam.
      Se tal acontecer, claro que a Dgae resolve….
      Penso que a MpD será anulada se por sorte ficar no mesmo conselho da escola para onde vai pedir mobilidade.
      Se ficar num conselho vizinho, prevalece a MpD.
      Boa sorte.

      1. Não acredito! Olhem os erros. Não se admirem que depois digam que somos todos iguais, a mesma palavra escrita duas vezes com o mesmo erro. José, desculpe mas não se admite…

          • José on 2 de Junho de 2015 at 9:37

          Pois não Ana. e acredite que não sou de dar erros. É o que dá escrever num smartphone….

      2. Que erro!!!!
        no mesmo concelho…….
        A pressa tem destas coisas… e escrever num telemóvel também.
        Desculpem.

    • Jmoreira on 1 de Junho de 2015 at 13:21
    • Responder

    Sendo QZP, no relatório da mobilidade por doença, respondo SIM ou NÃO na pergunta: existe necessidade de mudança de concelho?

    1. Aí a resposta é sempre sim, é também o meu caso, desde que a doença se inclua no despacho.

        • Luís Filipe Fonseca on 1 de Junho de 2015 at 19:57
        • Responder

        Desculpa Bri. Podes explicar por que razão é sempre sim? é que eu tenho muitas dúvidas em relação a essa questão. Explicando:

        Sou QZP, moro em Braga e pretendo ficar em MpD em Braga também, onde tenho ficado desde 2009 em MpD. No meu caso, eu não pretendo mudar de concelho de colocação, suponho. Será que estou errado? Esclareça-me por favor!!!

          • JMoreira on 1 de Junho de 2015 at 21:39

          Também gostava de saber concretamente o que responder. O DGAE não me conseguiu esclarecer. Estou na mesma situação Luís Filipe Fonseca

          • Ana on 1 de Junho de 2015 at 22:19

          O ano passado houve muita gente que lhe veio o pedido indeferido por causa dessa questão, claro que não é sempre sim, depende das situações! Informem-se bem junto de quem lhes possa responder com certezas…

          • Bri on 1 de Junho de 2015 at 22:50

          Esse assunto foi falado várias vezes aqui – http://www.arlindovsky.net/2015/05/abriu-a-mobilidade-por-doenca/#disqus_thread
          Essas são as informações que tenho. Já agora e aproveitando, diz que tem ficado em mpd desde 2009, como fez o ano passado nessa questão do concelho? Respondeu sim ou não?

          • José on 2 de Junho de 2015 at 9:45

          Luís,
          Penso que por causa dessas situações, a DGAE colocou a pergunta 3.5.1
          No entanto é pertinente a pergunta: que se coloca no RM? Será que ao colocar não, será deferido, tendo em conta que a resposta no 3.5.1 será sim?
          Eu quero acreditar que sim, mas será melhor ligar para Lisboa.
          Boa sorte.

          • Luís Filipe Fonseca on 2 de Junho de 2015 at 10:55

          Daí eu interpretar que NAO quero mudar de concelho… estou neste momento a ligar para a DGAE. Vamos ver o que me dizem. Obrigado José

          • Luís Filipe Fonseca on 2 de Junho de 2015 at 12:58

          Já liguei José. E a resposta é sempre SIM, segundo LX. Obrigado José

          • MC on 2 de Junho de 2015 at 11:20

          Penso que a resposta é sempre SIM porque a lei apenas permite pedir mobilidade por doença para escolas de outro concelho.

    2. No relatório médico tem de ser sempre sim, caso contrário é indeferido.

    • Cristina on 1 de Junho de 2015 at 14:08
    • Responder

    Boa tarde, como é a primeira vez que peço, tenho dúvidas no uplowd dos documentos.É fácil de fazer? como se faz? Agradeço desde já o esclarecimento.

      • José on 1 de Junho de 2015 at 14:20
      • Responder

      Cristina,
      Quando estiver a fazer o pedido, na fase final do mesmo, fala na submissão dos documentos. Tem de inserir um a um, para o caso de ter mais do que um.
      Se tiver duvidas, mande mail. serafimfiles@gmail.com
      Boa sorte

        • Cristina on 1 de Junho de 2015 at 17:23
        • Responder

        José agradeço a sua disponibilidade,mas a minha dúvida consiste no seguinte: eu tenho de digitalizar os documentos e enviá-lo fazendo o uplowd, a própria aplicação «ajuda» nessa tarefa certo?

    • Cristina on 1 de Junho de 2015 at 17:40
    • Responder

    Boa tarde , alguém me pode ajudar a fazer o uplowd dos documentos , cheguei à fase de colocar os anexos e não sei fazer o resto…..

    1. Cristina,
      Tem de fazer a digitalização dos documentos todos separados. relatório médico a um lado, …. e assim sucessivamente.
      Quando está na parte de anexar, carrega em novo. Abre uma janela e seleciona o documento. depois carrega em submeter. O documento fica logo anexado.
      Se tiver outro documento, repete a operação.
      Alguma duvida mande mail.
      Boa sorte

    • Tiago on 1 de Junho de 2015 at 19:16
    • Responder

    Uma dúvida existencial, estou confuso por causa da possibilidade de 2 fases:
    O docente QZP que esteja atualmente colocado por Mobilidade Interna na escola para onde pretende pedir MPD (num concelho fora do QZP de origem), pode pedir a MPD agora ou vai ser indeferida?
    É que os campos da aplicação acabam por resumir os dados da seguinte forma: “docente colocado/provido (não por MPD) no mesmo concelho para o qual pretende pedir MPD” (palavras minhas).

    Muito obrigado mesmo. Tiago

    • Luís Filipe Fonseca on 1 de Junho de 2015 at 19:53
    • Responder

    Gostaria de saber se devo assinalar a resposta SIM ou a resposta NÃO na segunda questão do Relatório Médico?

    Sou QZP, colocado este ano em Braga, quero manter-me em Braga.

    Alguem esclarece?

      • JMoreira on 1 de Junho de 2015 at 21:41
      • Responder

      Mesma situação!

        • Luís Filipe Fonseca on 1 de Junho de 2015 at 21:43
        • Responder

        Pois JMOREIRA. O pior é que ouvem-se sempre duas versões. A minha interpretação leva-me para o Não, mas depois aparece outro tipo de opiniões e ficamos como o maluco em cima da ponte… se souberes de algo dá uma apitadela. amanha ligarei para o DGAE
        filipe.fonseca@live.com.pt

          • JMoreira on 1 de Junho de 2015 at 22:04

          Eu já liguei para o Dgae há uns dias e disseram-me para esperar… entretanto já perguntei a outros colegas na mesma situação.

          • Rosa on 1 de Junho de 2015 at 23:01

          Resposta da DGAE o ano passado quando eu queria ficar na mesma escola do ano anterior (colocação por concurso interno), «Se colocar não na mudança de concelho não é aceite o pedido» É uma injustiça, mas este ano parece-me que as regras são as mesmas. Quem está a pedir pela primeira vez MPD tem que colocar obrigatoriamente SIM na mudança de concelho. Quem pede pela segunda vez e quer ficar na mesma escola, coloca SIM também porque a mudança refere-se à escola de há 2 anos atrás.
          Resumindo, o NÃO é só para enfeitar a folha…

          • Lara on 1 de Junho de 2015 at 23:16

          Mas que raio de pergunta mais parva?! Primeiro, esta pergunta só deveria aparecer para quem concorre a primeira vez e é QA/QE. Para todos os restantes casos já nem deveria aparecer! Maldita questão!

          • Rosa on 1 de Junho de 2015 at 23:48

          Só para ver a parvoíce Lara, eu sou QZP de Bragança e afins, mas como abriram o concurso a outros qzps eu consegui ficar perto de casa por 4 anos, numa escola que gostava bastante. Passados estes 4 anos, fiquei doente e para não correr o risco de voltar para Bragança, pedi MPD e queria ficar na mesma escola. Ora, qualquer pessoa inteligente pensaria que o meu pedido seria para sair do meu QZP…mas não! O ministério considerou a última escola onde fui colocada por concurso como a minha escola de afetação. Por isso, nunca mais poderei voltar para lá porque tenho que mudar de concelho…

    1. Se as regras não mudaram em relação ao ano passado, tem que colocar sim na mudança de concelho. Sendo a primeira vez que pede, terá mesmo que colocar uma escola de um concelho diferente, se já pediu o ano passado, coloca SIM na mesma, mas pode ficar na mesma escola.

        • Luís Filipe Fonseca on 1 de Junho de 2015 at 23:51
        • Responder

        Pois, mas eu estou à 3 anos na mesma escola e à seis colocado no concelho de Braga em MpD. No ano passado coloquei sim e foi.me indeferido o pedido. Foi uma luta até novembro para resolver o problema.
        Se bem entendi, este ano somos retirados do CI, logo não teremos escola de colocação,afetação, tal como nos anos anteriores, ou estou errado?

          • Rosa on 2 de Junho de 2015 at 0:05

          Este vai ser o 3º ano que vou pedir MpD, a escola referência para a mudança de concelho é a última que fiquei por concurso e o mesmo deve acontecer consigo. Coloquei sim na mudança de concelho nestes últimos 2 anos e coloquei neste também. Fiquei sempre na mesma escola e tenciono ficar para o ano também.
          Seremos retirados das listas, não destas, mas das próximas.

          • Faty on 2 de Junho de 2015 at 0:08

          A rosa é qzp ou qa?

          • Rosa on 2 de Junho de 2015 at 0:08

          QZP

          • Faty on 2 de Junho de 2015 at 0:11

          Mas a sua última escola de colocação não pertence ao mesmo concelho da escola onde está agora em MPD, pois não?

          • Rosa on 2 de Junho de 2015 at 0:12

          Não, tive que mudar de concelho porque não me permitiam ficar no mesmo

          • Faty on 2 de Junho de 2015 at 0:16

          E este ano vai ser permitido???
          Tenho lido aqui algumas respostas que me levam a pensar que a resposta à nova questão do formulário assim permite….

          • Rosa on 2 de Junho de 2015 at 0:20

          Continuo a ter como referência a escola que tem o meu processo, o que coloquei o ano passado é o que vou colocar este ano. O que se passa por aí são interpretações diferentes quanto ao ponto 3.5.1. Tente informar-se sobre isso antes de responder.

          • Faty on 2 de Junho de 2015 at 0:22

          Obrigada Rosa.
          Vou tentar informar-me.

    • Paulo on 1 de Junho de 2015 at 22:00
    • Responder

    Boa noite, sou docentes de carreira provido em quadro das Regiões Autónomas,qual a unidade orgânica para a qual formulo o pedido de mobilidade por doença?

    1. A escola para onde quer ir…

        • Paulo on 1 de Junho de 2015 at 23:32
        • Responder

        Obrigado !!

    2. Paulo,
      Não se esqueça que tem de fazer o upload de toda a documentação das RA. E por toda a documentação entende-se toda aquela que é necessária para validar o pedido e própria de quam vem das RA..
      A escola valida tudo o que é relacionado com o pedido (tem de apresentar todos aqueles documentos de quem vem das RA) e a DGAE valida o relatório médico.
      Pode sempre entregar depois em mão na escola, mas penso que se não fizer upload de tudo a DGAE pode causar problemas…..
      Boa sorte
      José

  3. É mesmo uma grande confusão!
    Vamos ver o meu caso.
    Sou qzp.
    Ano passado o meu pedido de MPD foi indeferido porque estava a pedir a mobilidade para a mesma escola onde tinha sido colocada por concurso, ou seja, a questão do mesmo concelho. Depois retiraram-me da mobilidade interna e fiquei nessa mesma escola.
    Agora a questão é:
    essa colocação do ano anterior será considerada mobilidade por doença? No entanto, foi indeferida…
    Posso pedir MPD para outra escola deste mesmo concelho?
    Ou Tenho obrigatoriamente pedir para a mesma escola onde tenho estado?

    Agradeço a quem saiba responder a estas dúvidas.

      • José on 2 de Junho de 2015 at 10:00
      • Responder

      Está nessa escola de que forma? Se a MpD foi indeferida, está lá em mobilidade interna?
      Como é possível ser retirada da MI se a MpD foi indeferida?
      Algo não bate certo….

        • Luís Filipe Fonseca on 2 de Junho de 2015 at 11:06
        • Responder

        Olá Faty
        A mim aconteceu-me algo do género. Ou seja, o meu pedido de MpD foi indeferido numa primeira fase, mas pedi recurso. Até obter resposta do recurso fiquei a aguardar na escola onde tinha sido colocado no ano letivo anterior, ou seja, na mesma escola para onde pedi MpD. O meu recurso veio deferido em novembro, obtendo apenas aí a colocação em Mpd.
        Talvez lhe tenha acontecido o mesmo, não sei

      1. José, efetivamente o meu pedido de MPD foi indeferido e retiraram-me da mobilidade interna, pois não fui colocada em lado nenhum. Como era do quadro e a escola tinha indicado na aplicação que tinha componente letiva, fiquei na mesma escola (escola de colocação por mobilidade interna (2011) e por MPD (2012)).
        Aconteceu o mesmo a muitos colegas!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: