Está o circo montado nas escolas por causa dos Manuais Escolares…

 

Na sequência das recentes notícias difundidas pela comunicação social, solicita-me o Senhor Diretor-Geral, Dr. João Gonçalves, que transmita a seguinte orientação:

 

A  votação de hoje, realizada na especialidade, terá ainda de ser aprovada à posteriori,  neste contexto, ainda não é aplicável no imediato. Assim, os procedimentos devem continuar a ser operacionalizados conforme previsto até receberem informação da nossa parte, o que só acontecerá, naturalmente, quando a proposta passar a Lei, e caso isso venha mesmo a acontecer.

Ou seja, vão as escolas recolher os manuais e depois ficarem com eles sem os entregarem aos alunos?

O circo está montado…

“Balha adeus”…

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2020/07/esta-o-circo-montado-nas-escolas-por-causa-dos-manuais-escolares/

11 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. Pior ainda: no caso de os manuais ser e. Devolvidos aos alunos em setembro, que garantia há de que vão receber os “seus” manuais?

    • Brigas on 1 de Julho de 2020 at 10:41
    • Responder

    Isto vai passar a lei.

    Escolas normais não recolhem os manuais para depois os terem de devolver. Trabalho a dobrar.

    Escolas que lambem rabos do ME recolhem manuais e estão a cagar-ssssswee para o trabalho que dão aos profs e operacionais.

      • Mondego on 1 de Julho de 2020 at 13:13
      • Responder

      Subscrevo as suas palavras.. Já estão a enviar instruções para continuarem a receber os manuais

    • fernandasobralinho on 1 de Julho de 2020 at 11:18
    • Responder

    Se essa informação está a ser enviada às escolas é uma prova que a nossa democracia é uma ficção.
    Ontem e hoje já foram aprovadas na assembleia várias propostas de diferentes áreas, seria um disparate aprovarem uma coisa e na sexta-feira, na votação do texto final, aprovarem outra…segundo dá a entender um diretor-geral que o que foi aprovado não vai ser aprovado…este não era o que pertencia a um sindicato? Virou bem a casaca…Faz o que ele diz…

    • Matilde on 1 de Julho de 2020 at 11:33
    • Responder

    “O circo está montado…”

    O circo não é de agora, o circo sempre esteve montado… Efectivamente, só vão mudando os palhaços…

    Isto é apenas mais uma amostra do espírito “caceteiro” que domina na actual governação…

    A Democracia só é válida desde que concordem com eles, se não concordarem prevalecem sempre as consequências de índole ressabiada…

    (E os verdadeiros palhaços que me perdoem, porque esses têm uma profissão muito digna e respeitosa…).

    • Atento on 1 de Julho de 2020 at 12:12
    • Responder

    .
    o Senhor Diretor-Geral, Dr. João Gonçalves……..ehhehehheehhehe…talvez quizessem dizer o senhor borra-botas……..

    Mais um reles Licenciado com cartão do Partido Socialista que foi para Diretor Geral da DGEST….foi diretor da escola profissional do Marco de Canavezes, depois foi para Delegado da DGEST Norte e agora saltou para diretor geral …..o que importa é ter cartão partidário…..

    NOJO!…….
    .

    • Mondego on 1 de Julho de 2020 at 13:11
    • Responder

    É a democracia que “temos” um verdadeiro nojo. Esse João Gonçalves é um qualquer que não merece respeito de ninguém. Um trepador..

      • Atento on 1 de Julho de 2020 at 18:00
      • Responder

      .
      Um labrego com cartão do Partido Socialista. Tudo cargos para os amigos (digo, para os camaradas). É este NOJO a democracia que existe em Portugal.

      Ainda falam do António de Oliveira Salazar?????….Tenham VERGONHA!…..

      Esta gajada da “democracia” delapidou Portugal….deixou-nos uma das maiores dividas públicas da Europa.

    • Pedro C on 1 de Julho de 2020 at 14:18
    • Responder

    Professor = fantoche das jogadas políticas.

    Seremos todos carneiros também?

    • Filipe Rocha on 1 de Julho de 2020 at 14:54
    • Responder

    Na minha escola ja estao recolhidos!

    • LuisP on 2 de Julho de 2020 at 10:15
    • Responder

    Se dúvidas houvesse sobre a nossa “democracia”…
    E por que cargas de água uma comunicação de um DG se sobrepõe a uma Lei, aprovada no Parlamento, a que faltam apenas duas formalidades?
    Quando é do interesse de alguém, as leis entram em vigor antes até de serem aprovadas, através de simples despachos ou mesmo notas, que contrariam diplomas em vigor…
    Se haverá recuperação de aprendizagens, qual o problema em fazer a recolha e, de imediato, a distribuição dos manuais, em outubro? Ainda se poupa o trabalho de os armazenar! E porque, afinal, não é uma prioridade do Ministério.
    A verdade é que o custo, para o Estado, é, no máximo, de 10%, eventualmente atenuados por descontos de quantidade, digo eu. Façam as contas: sendo os encarregados de educação a comprar os manuais, têm direito a dedução de 30% no IRS. Vezes 3 anos de reutilização prevista…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: