20 de Abril de 2021 archive

Agenda Para Dia 24 de Abril

Mesmo que na resposta ao pedido de informação da Comissão de Educação, Ciência, Juventude e Desporto não tenha sido feito qualquer referência ao autor da petição.  🙂

 

Ação Nacional de Luta alterada para 24 de abril

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2021/04/agenda-para-dia-24-de-abril/

Hoje a Petição n.º 199 (Mobilidade Interna) Foi à Comissão de Educação

Hoje a Petição Nº 199/XIV/2 foi à Comissão de Educação, Ciência, Desporto e Juventude e foram ouvidos os seguintes peticionários:

Gisela Luísa Vasconcelos de Almeida (Peticionária)
Lígia Violas (Peticionária)
Paulo Fazenda (Peticionário)
Sílvia Silva (Peticionária)
Esta petição, subscrita com 6304 assinaturas, pede a anulação da decisão do Ministério da Educação em entregar apenas horários completos na Mobilidade Interna.
Esta é mais uma iniciativa individual de um conjunto de professores que optou por seguir com uma petição para inverter uma decisão da Administração Central.
Também o STOP colocou uma providência cautelar sobre este assunto, e que aqui no Blog já demos conta.
Logo que tenha mais alguma informação sobre a audição de hoje dos peticionários deixarei a informação no Blog.

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2021/04/hoje-a-peticao-n-o-199-mobilidade-interna-foi-a-comissao-de-educacao/

Respostas, ao pedido de informação sobre a petição, da ANDAEP e da FENPROF

 

A ANDAEP e a FENPROF  já deram as suas respostas ao pedido de informação da Petição Nº 216/XIV/2, “Pelo fim das Vagas no Acesso ao 5.º e 7.º Escalão“. 

Fica a análise feita por um dos nossos leitores:

ANDAEP – surpreendeu-me, ou talvez não, pelo seu conteúdo e tomada de posição pública.
FENPROF – tentativa de sobrevivência política pelo recurso ao autoelogio, da posição de juiz em causa própria, do subterfúgio ao ‘berramos primeiro’, pelo desdém do não reconhecimento do mérito de um movimento de professores na apresentação de proposta à AR (que se aproxima já das 20.000 assinaturas), bem patente no que sintetiza a sua posição final sobre esta questão e que aqui transcrevo: «a Federação admite que a Assembleia da República possa ter de levar à adoção de uma medida legislativa que determine a obrigatoriedade de as vagas para progressão ao 5º e 7º escalões em 2021 correspondam ao número de docentes que irão integrar as listas de progressão a estes dois escalões.»

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2021/04/422312/

80 ALUNOS, 16 PROFESSORES E 15 FUNCIONÁRIOS EM ISOLAMENTO

MELGAÇO: 80 ALUNOS, 16 PROFESSORES E 15 FUNCIONÁRIOS EM ISOLAMENTO

Quatro turmas, num total de cerca de 80 alunos, quinze funcionários, e dezasseis professores do agrupamento de escolas de Melgaço, estão em isolamento profilático. A notícia, que está a ser avançada pelo Jornal de Notícias (JN), da conta ainda de que a medida abrange também os familiares próximos dos visados, foi decretada pela Direção-Geral da Saúde.

Segundo aquele jornal, foi recentemente detetado um caso confirmado de COVID-19 numa docente.

No entanto, em declarações ao JN, a subdiretora do Agrupamento de Escolas, Alzira Domingues, considera que a medida imposta pela Direção-Geral da Saúde (DGS) foi “exagerada”. Isto porque a escola ficou a funcionar com “apenas quatro funcionários”.

Já quanto aos professores, conta ainda o JN, o problema acabou por encontrar solução no ensino à distância.

Recorde-se que o concelho de Melgaço sofreu na passada sexta-feira um disparo no aumento de casos ativos de infeção por COVID-19. De dois passou para nove, de acordo com o mais recente relatório epidemiológico da Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM) datado desse mesmo dia.

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2021/04/80-alunos-16-professores-e-15-funcionarios-em-isolamento/

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: