A ESCOLA DE ONTEM MORREU – João Viegas

A ESCOLA DE ONTEM MORREU

Mas afinal qual é o problema da escola nos dias que passam? Nenhum!
A escola de hoje já não é a escola de ontem, não porque esta tenha mudado, está lá, tem lá os seus professores, prontos e disponíveis. Tem lá as suas salas de aulas e os seus quadros, agora brancos quando eram negros de fria ardósia. Mas morreu, perdeu as suas funções vitais.
Qual a razão porque falam tantos de tantos problemas como a indisciplina, os alunos , os pais…?
A escola de ontem, morreu, já não existe porque não tem o seu publico-alvo, este já não existe ou está em vias de…
Esta, a nova, agora é diferente, quer resolver problemas diferentes e graves, coisa que a defunta não tinha tempo para perder com estes fenómenos novos. Mas, por mais voltas que se dê a escola e os seus protagonistas, por mais que se esforcem, não conseguem resolver. Mesmo sendo a escola nova!
Não por incompetência. NÃO!
Simplesmente porque os problemas sociais de hoje, não são a escola. Repito, NÃO SÃO a ESCOLA!
Os problemas, esses, estão lá fora, nas ruas, nos bairros e nas esquinas,não estão na escola e esta não consegue, não pode resolver. Não tem capacidade para tratar uma doença grave. A Escola de hoje é um penso rápido para uma ferida profunda e é neste contexto que a pouco e pouco vai matando a “alma” dos professores dos funcionários e de todos que apreciam a queda livre em que estamos metidos.

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/02/a-escola-de-ontem-morreu-joao-viegas/

5 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • Alexandra Almeida on 6 de Fevereiro de 2020 at 17:05
    • Responder

    Muito bem!

    • Renato on 6 de Fevereiro de 2020 at 19:55
    • Responder

    Sem dúvida!

    • maria on 7 de Fevereiro de 2020 at 11:41
    • Responder

    Plenamente de acordo.

    • Mikelina on 7 de Fevereiro de 2020 at 18:35
    • Responder

    Muito bem. É isso mesmo.

    • Marta on 8 de Fevereiro de 2020 at 15:34
    • Responder

    Certíssimo! Só não vê quem não quer! Aos governantes não interessa ver porque é mais fácil atirar pata a escola a resolução de chagas que eles sabem que são profundas e que se alastram na sociedade como incêndios! São paliativos, enquanto eles se vão governando enquanto por lá permanecem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: