adplus-dvertising

Sindicatos e processos pressionam ministério a vincular 2000 professores

 

O que virá por aí? É com ansiedade que se esperam as propostas da tutela. Ainda quero ver se é desta que a Norma Travão desaparece e voltamos a ter um concurso de vinculação justo…

 

Ministério já foi condenado em primeira instância, devido à “norma-travão” que exige cinco contratos sucessivos para aceder aos quadros. Sindicatos exigem mudanças. Tutela diz ter propostas para as reuniões deste mês

Integrar já em 2017 cerca de dois mil professores nos quadros, adotando ainda um novo sistema de vinculação, ou manter as regras atuais e continuar a enfrentar processos judiciais que, no futuro, poderão sair mais caros ao erário público . Estas são as duas opções que o Ministério da Educação tem em mãos, numa altura em que se prepara para iniciar – no final do mês – aquela que será provavelmente a mais importante negociação da atual legislatura na área da Educação, com os concursos de professores como tema.

(clicar na imagem) in DN

ng7808416

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2016/11/sindicatos-e-processos-pressionam-ministerio-a-vincular-2000-professores/

5 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • fdoc on 5 de Novembro de 2016 at 15:00
    • Responder

    “que exige cinco contratos anuais, sucessivos, em horário completo e sempre no mesmo grupo de recrutamento para que o professor aceda aos quadros.”

    Tal afirmação não corresponde à realidade, essas são as condições para aceder à 1º prioridade e não as condições para aceder aos quadros. Convém não confundir as coisas. Agora se as vagas sobrantes para a 2ª prioridade são poucas isso já é outro assunto.

    • Nuno Costa on 5 de Novembro de 2016 at 19:11
    • Responder

    “Ainda quero ver se é desta que a Norma Travão desaparece e voltamos a ter um concurso de vinculação justo…” ??????????

      • João on 6 de Novembro de 2016 at 16:10
      • Responder

      Não vai desaparecer…. a que está em vigor, vai ser alterada!

    • Ate tremo! on 6 de Novembro de 2016 at 19:35
    • Responder

    Só estou para ver se o pessoal do quadro continua sem poder concorrer a essas vagas! Daqui a pouco tempo o concurso interno estará todo minado, pois desde 2013 que os novos qzp´s são vagas a não recuperar. Ora, depois de entrarem para os quadros pelo externos e extraordinários são ordenados pela graduação e se conseguirem uma vaga nova de QE ou QZP não se recupera a que liberta de qzp, isto é justo??? O pessoal dos antigos quadros não consegue sair de onde estão!!


  1. concursos de professores – espero que não seja seguida os erros de CRATO: BCE, PROVAS… etc, etc..
    GRADUAÇÂO – é o critério com menos problemas, justo e imparcial.
    O resto é criar confusões, cunhas, tesourinhas – alguém se lembram de alguns critérios ? era uma vergonha para a classe docente. Criou-se muito ruido sem necessidade. Urge corrigir e não alter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: