Menos 28.254 Trabalhadores do Ministério da Educação Desde 2011

De acordo com a notícia do Dinheiro Digital, o Estado perdeu mais de 71 mil funcionários em quase cinco anos. A notícia é feita de acordo com os dados da publicação da Síntese Estatística do Emprego Público, divulgada hoje pela Direção-Geral da Administração e do Emprego Público (DGAEP).

Eu aproveitei para separar os dados do Ministério da Educação e verifiquei que quase 40% dos empregos perdidos desde essa altura são de trabalhadores deste ministério.

Em 31 de Dezembro de 2011 havia 196.407 trabalhadores do Ministério da Educação e em Outubro de 2016 havia 168.310 trabalhadores.

Elaborei o quadro seguinte para se perceber em que ano mais trabalhadores saíram do Ministério da Educação. Só em 2012 saíram do Ministério da Educação 14.512 trabalhadores e só o ano 2015 teve um saldo positivo nestes 5 anos em estudo.

 

28254

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2016/11/menos-28-254-trabalhadores-do-ministerio-da-educacao-desde-2012/

1 comentário

1 ping

    • Leitor on 15 de Novembro de 2016 at 23:39
    • Responder

    Fica bem citar as fontes originais dos artigos

    http://www.dgap.gov.pt/index.cfm?OBJID=F82200C9-44AE-446E-A9FB-70C117898028&ID=112

    http://www.dgap.gov.pt/upload//DEEP/SIEP2016/DGAEP-DEEP_SIEP_2016_T3_15112016.xlsx

    Esses dados “apurados” foram retirados da entidade pública DGAEP que publica vários quadros por trimestre.

  1. […] Menos 28.254 Trabalhadores do Ministério da Educação Desde 2011 […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: