adplus-dvertising
adplus-dvertising

Não Sei Se Quererão Perceber A Metáfora

… mas a curiosidade é do camandro.

 

Foi assim: estava sossegado – como é meu costume – e apareceu-me a uma das portas um vaso com coisas que pareciam espargos.

 

Não liguei, nem vos passa pela caixa dos pirolitos as cenas que aparecem às minhas portas quando chego de ir às gatas assanhadas, já cheguei a pensar brevemente que seria o destino ou visões etílicas. Os arranhões, acredito que terão sido daquelas aulas dos vocacionais, ainda não percebi porque é que os heróis dos filmes têm duas plaquitas ao pescoço e dão tiros e nós não somos fotogénicos e nos dão tiros, era meter cartuchos com sal grosso e já vínhamos temperados… .

 

Pois aquilo dos espargos, tive que ir verificar na wikipédia – mas não na escola; eu tentei, mas aparecia como pornográfico.

Foi só, enquanto fazia os sumários em casa, antes de estacar este poste, depois de recolher os espargos para não tropeçar neles daqui a nada numa das portas, quando percebi a metáfora.

 

Moral da estória: se te oferecerem espargos – fá-los com ovos mexidos, não há curiosidade nenhuma nisso e é do melhor que há depois de uma açorda de alho.

 

 

Facebook Comments

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/04/nao-sei-se-quererao-perceber-a-metafora/

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: