3 de Maio de 2019 archive

A “caixa de Pandora” do governo são os Professores – Maurício Brito

 

Sobre a recente chantagem do governo com a ameaça de demissão devido ao papão da abertura da “caixa de Pandora”.

O artefacto em causa, reza a mitologia grega, foi oferecido a Pandora, a primeira mulher criada por Zeus, o pai de todos os deuses. Zeus – que, diga-se de passagem, consta que era um grandessíssimo maroto -, sabia que a curiosidade de Pandora acabaria por levá-la a abrir a famosa caixa (dizem que era um jarro, mas não entremos agora em preciosismos), e que com isso deixaria escapar todos os males do mundo.

Ora bem, não consegui deixar de achar interessantíssima a foto que surgiu nos meios de comunicação social em que vemos as deputadas do BE, do CDS, do PCP e do PSD a tratarem de colocar os pontos nos “is” relativamente ao documento que garante a contabilização de todo o tempo de serviço dos professores, pouco se importando com os gritos e ameaças do nosso deus dos deuses, digo, do nosso mago dos défices, Mário Centeno, uns dias antes.

E também não consigo deixar de pensar no ridículo a que se prestam algumas almas que conseguem dizer que uma (falsa, registe-se) despesa apresentada de 635 milhões, abre uma caixa de pandora por aumentar a despesa – segurem-se para não cair – para infindáveis… 800 milhões. Sim, é isto mesmo que está a ser dito por muitos reconhecidos especialistas em e economia, contas públicas, orçamentos e outras práticas místico-esotéricas:

– Que pagar aos professores provocará o enorme caos financeiro-económico de aumentar para 800 algo que dizem custar 635. Algo que é apresentado em valores brutos, ilíquidos, que contempla receitas no meio de despesas para apenas baralhar, assustar ingénuos e justificar a chantagem de um primeiro ministro que, vendo-se aflito com as recentes sondagens, resolve apostar no “tudo ou nada”, chutando para canto os parceiros que lhe permitiram governar e que lhe aprovaram quatro orçamentos.

Tudo, registe-se, em nome de uma última e desesperada tentativa de conseguir a tão desejada maioria absoluta.

Não passarão.

Maurício Brito

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/a-caixa-de-pandora-do-governo-sao-os-professores-mauricio-brito/

Cinema Sem Conflitos: “Não, não quero dançar!”

Vivemos num mundo onde a dança está em toda parte e, acredite ou não, seus filhos um dia serão convidados a dançar. Seguir cegamente os “movimentos” de outras pessoas o que poderá levar a consequências catastróficas.

Título:  “No, I Don´t Want to Dance! | Autores: “Andrea Vinciguerra

Até à próxima semana ou todos os dias em facebook.com/cinemasemconflitos

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/cinema-sem-conflitos-nao-nao-quero-dancar/

Leia e analise as declarações do António Costa sobre a demissão do governo

 

Nestas condições, entendi ser meu dever de lealdade
institucional informar suas Exas. o Presidente da República e
o Presidente da Assembleia da República que, a aprovação em
votação final global desta iniciativa parlamentar forçará o
Governo a apresentar a sua demissão.

 

O documento completo pode ser lido AQUI

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/lei-e-analise-as-declaracoes-do-antonio-costa-sobre-a-demissao-do-governo/

Comunicado do governo (depois das declarações do Costa) – Impacto da decisão da AR de devolução dos 9 anos 4 meses e 2 dias do tempo da carreira dos professores

 

[gview file=”http://www.arlindovsky.net/wp-content/uploads/2019/05/Impacto-da-decisão-da-AR-de-devolução-dos-9-anos-4-meses-e-2-dias-do-tempo-da-carreira-dos-professores.pdf”]

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/comunicado-do-governo-depois-das-declaracoes-do-costa-impacto-da-decisao-da-ar-de-devolucao-dos-9-anos-4-meses-e-2-dias-do-tempo-da-carreira-dos-professores/

A “birra” do Governo…

Quando era pequeno fazia birras, como, aliás todos fazíamos e os nossos filhos fazem ou fizeram. A minha mão era destra em admoestar-me e a chamar-me à razão, sempre levou a dela para a frente e depressa me deixei de birras.

Com este governo a solução será a mesma. O governo é a criança e o Parlamento será a Mãe. Falta saber se a Mãe será destra ou digna de uma queixa à CPCJ.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/a-birra-do-governo/

Governo DEMITE-SE caso diploma do tempo de serviço seja aprovado

Na suas declarações, António Costa, divulgou que o governo apresentará a sua demissão se o Diploma do tempo de Serviço dos Professores for aprovado na globalidade.

Afirmou que esta atitude não é chantagem nem pressão sobre as instituições. E deu um prazo de validade ao seu governo.

A incapacidade de saber governar com vários cenários é a mensagem que foi passada. Não ouvi ninguém ameaçar demissão quando foi “necessário” aprovar os milhares de milhões que os bancos nos” comeram”.

A vitimização foi o sentimento que mais transpareceu…

Ainda teve tempo para culpar a direita por se ter juntado à esquerda.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/governo-demite-se-caso-diploma-do-tempo-de-servico-seja-aprovado/

E Toda a Gente Anda Esquecida com a Porcaria da Municipalização da Educação… – Câmara de Mafra adia posição sobre competências na área da educação

Câmara de Mafra adia posição sobre competências na área da educação

Mafra, Lisboa, 03 mai 2019 (Lusa) – A Câmara de Mafra (PSD) decidiu hoje adiar qualquer decisão sobre se aceita ou não este ano a descentralização de competências na área da educação, à semelhança do que tinha feito para outras áreas a descentralizar pelo Estado.

“O município de Mafra não dispõe de informações suficientes para que possa decidir, de forma ponderada, consciente e fundamentada sobre a transferência de competências neste domínio, por ser globalmente insuficiente, incompleta e incorreta a informação disponibilizada pelos membros do Governo”, refere a proposta, a que a agência Lusa teve acesso.

A posição foi tomada pela maioria social-democrata nesta câmara do distrito de Lisboa, com as abstenções dos vereadores do PS.

A autarquia alega que “subsistem dúvidas” quanto ao número de assistentes operacionais e técnicos das escolas apontados para garantir os serviços, assim como aos montantes financeiros a eles associados.

A proposta deverá ainda ser submetida à assembleia municipal, antes de ser comunicada à Direção-Geral das Autarquias Locais.

Da mesma forma, continuam por discriminar os montantes associados às despesas relacionadas com o consumo de eletricidade, obras de manutenção de edifícios e para aquisição de material didático, tecnológico e desportivo nas escolas.

Este município já tinha tomado uma posição idêntica, em fevereiro deste ano, quanto à descentralização de competências nas áreas da proteção e saúde animal, educação, cultura e saúde e, em dezembro de 2018, em relação aos domínios das praias, jogos de fortuna ou azar, vias de comunicação, atendimento ao cidadão, habitação, património, estacionamento público, bombeiros voluntários e justiça.

Os diplomas referentes à descentralização de competências nos domínios da proteção e saúde animal e segurança dos alimentos, educação, cultura e saúde foram publicados em 30 de janeiro.

No caso da saúde, as câmaras municipais dispunham de um prazo, que terminou em 30 de abril, para comunicarem à Direção-Geral das Autarquias Locais se recusam aceitar competências para este ano.

O prazo foi alargado até 30 de junho para as competências da educação.

O Governo, liderado pelo socialista António Costa, aprovou 22 diplomas setoriais — num processo gradual de descentralização entre 2019 e 2021, ano em que as competências se consideram transferidas –, encontrando-se publicados 17 em Diário da República.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/e-toda-a-gente-anda-esquecida-com-a-porcaria-da-municipalizacao-da-educacao-camara-de-mafra-adia-posicao-sobre-competencias-na-area-da-educacao/

Lista Colorida – RR29

Lista Colorida com Colocados, Retirados e Não Colocados da RR29.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/lista-colorida-rr29-2/

308 Contratados Colocados na RR29

Foram colocados 308 Contratados na reserva de recrutamento 29, distribuídos da seguinte forma:

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/308-contratados-colocados-na-rr29/

Reserva de recrutamento n.º 29

Publicitação das listas definitivas de Colocação, Não Colocação, Retirados e Lista de Colocação Administrativa – 29.ª Reserva de Recrutamento 2018/2019.

Aplicação da aceitação disponível das 0:00 horas de segunda-feira, dia 6 de maio, até às 23:59 horas de terça-feira, dia 7 de maio de 2019 (hora de Portugal continental).

Consulte a nota informativa.

 

SIGRHE – aceitação da colocação pelo candidato

 Nota informativa

Listas

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/reserva-de-recrutamento-n-o-29-2/

Resumo do que “dizem” termos conseguido… 942

 

Do que se conseguiu perceber do que se passou ontem na Comissão de Educação e Ciência:

  1. Os 942 foram-nos reconhecidos como um direito inabalável.
  2. Os 2 anos, 9 meses e 18 dias serão reconhecidos a todos os professores com efeitos retroativos a 1 de janeiro de 2019. Por limitações do OE de 2019 e sem violar o principio constitucional dos limites orçamentais, os efeitos remuneratórios resultantes desse reposicionamento poderá ser deferido para o OE 2020 com os mesmos efeitos retroativos a 1 de janeiro de 2019. Para isso a verba fica obrigada ser incluída no OE de 2020. Uma coisa fica assegurada, todos os professores terão direito a este tempo serviço e as ultrapassagens cessarão.
  3. O modo e prazo da recuperação do restante tempo de serviço será negociada entre os sindicatos e o próximo ou próximos governos. Aqui é que o se vira o bico ao prego. Ficamos à mercê da sustentabilidade. Sustentabilidade que é definida pelo governo, seja lá qual for. O mais provável é andarmos uma década a receber pinguinhas.

 

Ainda há muita imprevisibilidade em cima da mesa. Cantarei vitória quando os cabelos já me tiverem ficado brancos ou, por via da gravidade, me tiverem caído ao chão.

Fico à espera do documento por escrito…

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/resumo-do-que-dizem-termos-conseguido-942/

Estão nervosos…

 

Professores: Costa chama “núcleo duro” do Governo para reunião de emergência

Decisão tomada em consequência da coligação negativa que esta quinta-feira aprovou, no Parlamento, a contabilização total do tempo de serviço dos professores

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/estao-nervosos/

Governo quer provas de aferição com patins, mas escolas não têm material

Governo quer provas de aferição com patins, mas escolas não têm material | Revista de imprensa | PÚBLICO

As provas de aferição nacional arrancam esta quinta-feira para os alunos de segundo ano e deixam a claro as desigualdades entre as escolas com mais e menos recursos.

Os alunos do 2.º ano do ensino básico começam esta quinta-feira a ser avaliados em Expressões Artísticas e em Educação Física. Depois, são os alunos do 5.º ano e do 8.º ano que farão as provas de aferição também a Educação Física e a disciplinas teóricas, respectivamente. Mas as avaliações não são um desafio só para os alunos. Directores e professores queixam-se da falta de material para a realização das provas. “Isto só vem pôr a nu a falta de material que afecta muitas escolas”, dizem os directores e professores ouvidos pelo Diário de Notícias e pelo Jornal de Notícias. E se o material não existe, então o programa escolar não está a ser cumprido, sublinham.

Para as provas desta quinta-feira, o Instituto de Avaliação Educativa (IAVE) elaborou uma lista com 14 itens. Plintos de ginástica, planos inclinados de espuma, raquetas de praia, bancos suecos, quatro colchões de ginástica, 12 bolas de ginástica rítmica e espaldares são alguns dos materiais exigidos.

No mesmo documento, o IAVE admite que as escolas não tê todo este material e sugere alternativas — mas apenas para cinco itens. É o caso do plano inclinado de espuma (que poderá ser substituído por um trampolim sueco), ou dos espaldares (que podem ser substituídos por uma barra fixa, “a uma altura que permita que os alunos se suspendam ser tocar no chão”).

Material escolar exigido pelo IAVE para a prova de aferição do 2.º ano IAVE

Além do material, “a realização da prova requer uma sala polivalente, um espaço coberto (um ginásio ou um pavilhão), com área mínima de aproximadamente 80 metros quadrados, livre de obstáculos”, lê-se nas indicações do IAVE. “Este espaço coberto necessita de ter uma parede lisa e livre de obstáculos numa área de 2,5 metros de altura por 2 metros de largura, aproximadamente.”

Governo não sabe qual o material em falta

Continue a ler

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/governo-quer-provas-de-afericao-com-patins-mas-escolas-nao-tem-material/

As Reacções da FNE e da Fenprof na TV

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/05/as-reaccoes-da-fne-e-da-fenprof-na-tv/

Load more

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: