Conferência de Imprensa dos Sindicatos

… hoje às 18:45.

Tudo aponta que a greve entre dia 24 e 28 às avaliações seja para manter. E é culpa do MEC essa manutenção, porque poderia ter antecipado para hoje a reunião agendada para o dia 24.

Mas o MEC só faz mudanças de datas quando está em causa que seja assegurado o serviço de transportes das crianças para as escolas em dia de exame e não por respeito aos professores, que já não existe há muito.

Sindicatos reúnem-se e promovem conferência de imprensa

 

Os Sindicatos de Professores reúnem hoje, como estava previsto, para fazerem um ponto de situação em relação à luta em curso, que continua a manter níveis de adesão fortíssimos, e também para decidirem como será dada continuidade a essa luta na próxima semana.

Recorda-se que, para s semana de 24 a 28 de junho, está prevista uma importante reunião no MEC (segunda, dia 24) e está convocada, por CGTP e UGT, uma Greve Geral, que se realizará no dia 27, a qual, pelos sinais que chegam, deverá ter uma forte adesão dos trabalhadores portugueses. Será ainda semana de exames escolares, com a curiosidade de, no dia 26, se realizarem os que, inicialmente, se previam para 27.

Os Sindicatos de Professores reunir-se-ão, a partir das 16 horas, no Hotel Marquês de Sá, em Lisboa, onde, às 18.45 horas, se realizará uma Conferência de Imprensa para tornar púbicas as conclusões da reunião.

Lisboa, 21 de junho de 2013
As Organizações Sindicais

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/06/conferencia-de-imprensa-dos-sindicatos/

14 comentários

1 ping

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • Pedro on 21 de Junho de 2013 at 18:35
    • Responder

    Boa tarde,
    Amanhã (sábado 22-06-2013) teremos em Alcobaça o Conselho de Ministros.
    Os Professores irão aproveitar este fato para realizar uma Manifestação Silenciosa de Luto pelo Futuro da Educação em Defesa da Escola Pública e por mais Condições para os Nossos Alunos.
    Apelamos à participação Massiva de PROFESSORES FUNCIONÁRIOS PAIS/EDUCADORES e ALUNOS.

    SÁBADO 14h EM FRENTE AO MOSTEIRO..APAREÇAM..SILÊNCIO e LUTO..

    P.S. Passem a informação a todos os que possam poder participar, para que se possa envolver toda a Comunidade Educativa.

    Cumprimentos.

      • luis on 21 de Junho de 2013 at 18:59
      • Responder

      Muito bem!

    • luis on 21 de Junho de 2013 at 19:00
    • Responder

    É ou não verdade que a FNE não entregou pré-aviso de greve para as avaliações da próxima semana? Se for verdade, como pode a FNE dizer que defende os interesses dos professores? Onde se lê FNE pode ler-se SPZN. O Arlindo já utiliza links para o site da FENPROF? loool

    1. Não sou muito esquisito. E porque devem todos fazer as mesmas coisas ao mesmo tempo?

        • luis on 21 de Junho de 2013 at 19:22
        • Responder

        “Porque devem todos fazer as mesmas coisas ao mesmo tempo” É essa a justificação para a FNE ter “fugido” desta greve às avaliações? Pelo menos assumam o que fizeram e tentem justificar de forma coerente.

      1. E já se esperava! qual é o espanto da FNE saltar fora?

      2. “Porque devem todos fazer as mesmas coisas ao mesmo tempo”?
        Estamos a falar de greves e de luta. Ou entende que a FNE deve marcar greve para o Natal e lutar em Agosto e os professores devem lutar agora e fazer greve agora, com a FNE a ver?

      3. Em algum momento a FNE esteve contra esta greve? Se verificares, os primeiros pré-avisos foram entregues pelos 8 sindicatos e a FNE entregou o pré-aviso sozinha. E no último dia do prazo os mesmos 8 sindicatos decidiram entregar um pré-aviso de greve por cautela. Se são estratégias? Não sei.

          • JCP on 23 de Junho de 2013 at 10:55

          E a FNE entregou pré-aviso para as greves que decorreram na passada semana? E para as que começam amanhã?
          Estratégias?
          Pergunto: em algum momento da passada semana a FNE declarou apoio à greve? Ou achas que num momento destes, em que se joga o tudo ou nada, com os professores desesperados, a uma estrutura como a FNE, , basta o silêncio?

          • pf on 23 de Junho de 2013 at 13:14

          Por cautela ! claro que fizeram bem ,pois até agora nada, e portanto será necessário greve ás avaliações até 28 e talvez mais. A FNE se ter calado com os pré -avisos desmotiva muitos colegas como já está a ser visto nas escolas. Ficar calado nesta altura só é nocivo, a FNE não agiu bem.

        1. A FNE nas declarações que fez ao longo da semana apoia a continuação da luta dos professores. Não conheço qualquer dirigente da FNE que esteja contra a continuação desta luta. Em muitos casos, nas próprias escolas, são os primeiros a incentivar e a continuar esta luta. O pré-aviso é um pró-form que só contém aspetos legais.

          • JCP on 23 de Junho de 2013 at 16:40

          Percebi….
          O pré aviso é para os outros e a FNE incentiva(?) e não alinha em pró-form. E, assim, permite, que o Crato refira que a greve não é de todos os sindicatos, mas apenas dos radicais. Chama-se a isso solidariedade. Penso eu de que…..
          Ou seja, quando alguém me pergunta se a greve é de todos, eu terei de responder que sim, mas…
          E quando me perguntam qual a razão da FNE não aderir à greve, eu respondo que a FNE não vai em pró-foms. Certo?
          Se eu não percebo, imagino o meu mecânico.

        2. Não é a mim que tens de perguntar essas coisas.
          Independentemente de tudo o que referes eu apoio e incentivo a greve às avaliações.
          Penso que ficamos por aqui nesta conversa.

    • Pedro Abaixo on 21 de Junho de 2013 at 20:46
    • Responder

    Moderado na educação = TRAIÇÂO

  1. […] Colocado em comentário aqui. […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: