25 de Junho de 2013 archive

Exige-se Agora um Concurso Interno em 2014

… com todas as vagas apuradas de forma a que todos os docentes dos Quadros de Zona Pedagógica possam integrar um Quadro de Agrupamento.

Se a mobilidade dos QA/QE pode passar para os 60 Km, não vejo justificação para que os docentes de QZP não possam integrar um QA/QE com as mesmas regras aplicadas aos primeiros.

E isto seria uma boa gestão de recursos humanos.

Já muito falei disso aqui.

 

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/06/exige-se-agora-um-concurso-interno-em-2014/

Ronda Pelos Sindicatos

Na generalidade, todas as organizações, apesar de não ter existido acordo, se congratulam pelo fim das negociações com evidentes ganhos para os professores.

 

Compromisso obtido pela FNE salvaguarda o futuro dos professores

 

A FNE e o MEC chegaram hoje a um compromisso, assumido em ata negocial, que coloca um ponto final nas negociações entre a tutela e os sindicatos sobre a aplicação de um regime de mobilidade especial, agora designado por requalificação, aos professores. Nas últimas semanas realizou-se um prolongado e difícil processo de negociação, que levou mesmo os professores a avançar para uma greve às avaliações e uma greve geral de professores, mas que hoje se traduziu numa enorme diminuição dos impactos negativos que constavam da proposta inicial enviada aos sindicatos.

Não foi possível chegar a acordo com o MEC, mas o documento final redigido esta tarde, e assinado por todos os sindicatos, afasta-se claramente das intenções iniciais do ministério da educação. Não sendo possível eliminar, para já, em definitivo, o regime de requalificação para os professores e o aumento do horário de trabalho, asseguramos um regime excecional para os docentes e que defende o seu futuro e a dignidade que a profissão docente exige e merece. A partir de hoje a tranquilidade pode regressar às escolas e os professores poderão terminar este ano letivo com a convicção que valeu a pena as ações de lutas desenvolvidas e todo o esforço despendido nos últimos dias.

Deste modo destacamos os principais ganhos:

arrowfne Criação de mecanismos que diminuem a colocação de professores em DACL

arrowfne Determinação de que a haver requalificação, só será introduzida a partir de fevereiro de 2015

arrowfne Garantia que 1 professor sem turma atribuída possa conseguir um horário letivo através de não através de aulas mas de actividades como apoio ao estudo, aulas de substituição e coadjuvação de colegas, que passam a ser equiparadas a serviço letivo.

arrowfne Ficou assumido o compromisso de não atribuir serviço letivo aos cerca de seis mil professores que estão a aguardar a autorização da reforma, deixando livres mais horários.

arrowfne Ficou assegurado que o limite geográfico para a mobilidade dos professores dos quadros de escola que não tenham serviço letivo é de 60 quilómetros, tal como acontece com a restante Função Pública.

arrowfne Houve também o compromisso que o aumento do horário de trabalho para as 40 horas incidirá apenas na componente não lectiva de trabalho individual.

arrowfne De assinalar ainda que a direção de turma volta a integrar a componente letiva ao contrário do que ficou recentemente estabelecido no despacho de organização do ano lectivo para 2013/2014.

DII FNE 25 jun 2013

 

Com a sua luta, professores obtêm importantes ganhos!

 

Os professores obtêm importantes ganhos

 

Está suspensa a greve ao serviço de avaliações

 

27 de junho – fazer uma grande Greve Geral   

A  FENPROF concluiu o processo negocial com o MEC, obrigando-o a recuar em  matérias que mobilizaram a maioria dos professores e educadores, num longo e forte  processo de luta, com recurso à greve em serviço de avaliações, uma  manifestação nacional e uma greve geral dos professores e educadores.

Na  reunião de hoje, o MEC, sob uma forte pressão dos professores, aceitou uma série de condições que, constituindo um  importante avanço em resultado da sua luta, não permitiu, no entanto, a  assinatura de qualquer acordo.

A  manutenção, na Assembleia da República, de projetos de lei para  regulamentar o horário das 40 horas e a mobilidade especial, impedem  esse acordo e devem mobilizar-nos para a realização de uma grande Greve  Geral no próximo dia 27 de Junho.

No  entanto, os ganhos obtidos com os horários de trabalho e com a  consagração de uma série de medidas que permitirão reduzir o drástico  efeito dos horários zero, que as intenções do governo faziam prever, a  par do recuo do MEC, criando condições excecionais para os professores,  designadamente no que à componente letiva diz respeito, permite o  restabelecimento do funcionamento normal das escolas, pelo que a greve  às avaliações pode ser suspensa.

No  entanto, informa-se que, se por qualquer motivo algum professor estiver  ausente por greve às suas reuniões de conselho de turma, continua  coberto pelo pré-aviso de greve.

Em breve disponibilizaremos a ata final deste processo negocial. Viva a luta dos professores!

Valeu a pena lutar!

Vale a pena lutar…

 

Hoje, ficou concluído o processo negocial com o MEC, obrigando-o ao recuo das medidas que mobilizaram os professores e educadores durante grande parte do mês de junho, através da grande adesão à greve ao serviço de avaliações, à manifestação nacional de 15 de junho e à greve geral dos docentes.

Na reunião de hoje, o MEC, sob uma forte pressão dos professores, aceitou uma série de condições que, constituindo um importante avanço em resultado da sua luta, não permitiu, no entanto, a assinatura de qualquer acordo.

A manutenção, na Assembleia da República, de projetos de lei para regulamentar o horário das 40 horas e a mobilidade especial, impedem esse acordo e devem mobilizar-nos para a realização de uma grande Greve Geral no próximo dia 27 de Junho.

Os ganhos obtidos com os horários de trabalho e com a consagração de uma série de medidas que permitirão reduzir o drástico efeito dos horários zero, que as intenções do governo faziam prever, a par do recuo do MEC, criando condições excecionais para os professores, designadamente no que à componente letiva diz respeito, permite o restabelecimento do funcionamento normal das escolas, pelo que a greve às avaliações pode ser suspensa.

No entanto, informa-se que, se por qualquer motivo algum professor estiver ausente por greve às suas reuniões de conselho de turma, continua coberto pelo pré-aviso de greve.

Junho de 2013, será também relembrado como o mês da luta da classe docente em Portugal. Por isso continuamos a dizer bem alto…

…VALE A PENA LUTAR…

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/06/ronda-pelos-sindicatos/

125 Vagas para as Escolas Artísticas

… em concurso até ao dia 1 de Julho de 2013.

 

[gview file=”http://www.arlindovsky.net/wp-content/uploads/2013/06/Escolas-artísticas.pdf”]

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/06/125-vagas-para-as-escolas-artisticas/

Os Exames de Hoje

25 de junho

Matemática A – 635 – Prova V1 Prova V2 Critérios Critérios adaptados

Matemática B – 735 – Prova  – Critérios

História A – 623 – Prova  – Critérios Crítérios adaptados

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/06/os-exames-de-hoje-4/

REUNIÃO DA ANVPC COM O MEC – Recolha de Contributo​s

Com pedido de divulgação.

 

A ANVPC requereu ao Ministro da Educação e Ciência, no passado dia dezanove, um pedido urgente de audiência, de modo a promover uma reflexão conjunta acerca das problemáticas associadas aos Professores Contratados portugueses, dando especial destaque às seguintes:

– Concurso Extraordinário de Vinculação para o ano de 2014;

– Política definida pelo MEC relativa à oferta de Cursos Profissionais na Escola Pública;

– Contratações de Escola: TEIP e Autonomia;

– Regime de concurso 2013/2014 e abrangência territorial no âmbito da manifestação de preferências;

– Regime de Requalificação Profissional;

– Ações judiciais a despoletar junto dos Tribunais Administrativos portugueses e ações já desencadeadas junto da Comissão Europeia/Tribunal Europeu.

Nessa medida, no sentido de preparação da reunião referida e na perspetiva de podermos espelhar, nesse encontro, problemas específicos de todos os Professores Contratados portugueses, gostaríamos de receber as vossas contribuições no que respeita a questões/dúvidas que consideram ser mais relevantes quer nas problemáticas acima referenciadas quer noutras consideradas pertinentes.

Todas as participações deverão ser remetidas para geral@anvpc.org até ao próximo dia 30 de junho de 2013.

A direção da ANVPC

ANVPC – Em movimento pela Excelência, pela União, pela Vinculação

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/06/reuniao-da-anvpc-com-o-mec-recolha-de-contributo%e2%80%8bs/

Actas

Se mais actas forem tornadas públicas depois coloco neste post.

 FNE, FENEI e FEPECI

[gview file=”http://www.arlindovsky.net/wp-content/uploads/2013/06/Ata-Reunião-Negocial_24_Junho_2013.pdf”]

FENPROF

 [gview file=”http://www.arlindovsky.net/wp-content/uploads/2013/06/AtaNegocial.pdf”]

SPLIU; SEPLEU; SIPPEB; SIPE

[gview file=”http://www.arlindovsky.net/wp-content/uploads/2013/06/ataconclusiva25junho2013.pdf”]

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/06/actas/

Ao Fim de Uma Semana

… chegou a notícia à comunicação social.

 

 

Professora em greve de fome contra a mobilidade especial

 

Uma professora radicalizou o protesto contra a mobilidade especial. A docente Susana Valente está em greve de fome há uma semana.

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/06/ao-fim-de-uma-semana/

Prefiro Aguardar

… e ver o entendimento em pormenor para tecer algum comentário.

Já me apercebi que a confusão é imensa e tenho pena que no final das reuniões não tenha havido uma conferência de imprensa, quer dos sindicatos quer do MEC, para ficarmos melhor esclarecidos.

Acredito que todas as organizações sindicais tivessem dado o seu melhor para minorar os aspetos mais negativos das propostas do MEC Ministério das Finanças.

 

Fico a aguardar.

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/06/prefiro-aguardar/

Load more

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: