Tesourinho contratual – Técnico Especializado para o Gr. 620

Continuamos nisto…

 

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/08/tesourinho-contratual-tecnico-especializado-para-o-gr-620/

14 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • João Lima Ferrreira on 28 de Agosto de 2019 at 5:57
    • Responder

    Continuamos no pântano…
    Pergunto, o júri destes concursos, sendo docentes da escola, possuem formação/competências e experiência, para as áreas a contratar?
    Se não, a escolha é uma simulação.
    Se sim, é provável que a área de contratação pertença a um grupo disciplinar.
    Retirei estes exemplos de contratação de escola para 2019/2020.
    Escola de. Bento Cruz ( Montalegre) e ESC. séc. de Cinfães.
    Curso..Tec. de Comércio.
    Disciplina..comercializar e vender, no ponto de venda.
    Fico incrédulo com esta oferta de escola, para T.E..
    Mas não estudei e ensinei, que as empresas se orgânica por funções, agrupadas em departamentos, onde os trabalhadores exercem as suas funções.Gestao de compras/aprovisionamento de stocks, gestão de recursos humanos, gestão financeira/contabilidade, gestão comercial/ vendas,etc.
    E corre um docente , de uma classe envelhecida o risco de ser substituído por
    um Falso Técnico especializado, que terá provavelmente idade de “um filho”.
    Com direito a RENOVAÇÕES SECRETAS
    e o professor ser posto a andar e concorrer.
    Isto não é ficção, é de uma crueldade mas acontece.
    Lembro que a média de idades dos docentes contratados é de 56 anos… dá que pensar
    A culpa não é dos Falsos Técnicos, mas de quem os contrata. Aos costumes o REGULADOR NADA DIZ.
    Este exercício “de serviço público”, como se fossem proprietários do bem público.
    A APROCES Associação dos professores de Economia e Ciências Sociais, legalmente reconhecida pelo REGULADOR , reagiu a estas ilegalidades. Um pseudo grupo de TE
    enviou uma carta , ao REGULADOR reclamando direitos que não tem e atacando um grupo disciplinar, que leciona cursos técnicos/técnicos/profissionais/tecnológicos há mais de quarenta anos, muito antes do
    aparecimento das escolas profissionais, nos anos noventa, com a ajuda dos fundos comunitarios.
    Esse grupo, o mais pluridisciplinar, tem uma história que deve ser respeitada e um nome
    grupo disciplinar 430 ECONOMIA E CONTABILIDADE.
    Transparência e cumprimento da lei, é simples mas exige caráter!

    • alecrim dourado on 28 de Agosto de 2019 at 8:12
    • Responder

    Os superiores , muitas vezes, eles próprios, foram já colocados por cunha. Por isso, NÃO É DE ESTRANHAR a falta de mérito, honestidade e competência,

    • Benvinda Branquinho on 28 de Agosto de 2019 at 9:09
    • Responder

    Outro horário que deveria ter ido para concurso nacional no grupo 430.

    Dados da Escola
    Código : 151464
    Agrupamento/Escola : Agrupamento de Escolas de Lousada Este
    Concelho : Lousada
    Distrito : Porto
    Dados do Horário
    Número do horário : 1
    Tipo de Necessidade : Técnicos Especializados
    Disciplina/Projeto : Atividades económicas e das UFCD’s da componente tecnológica do Curso Educação e Formação – Operador de logística
    Motivo : Aumento de turmas (alínea h) do artigo 57.º da LTFP
    Tipo Duração : Termo a 31 de agosto
    Número de Horas : 19
    O horário irá para : Contratação de Escola
    Curso/Habilitação
    Licenciatura adequada para a lecionação das disciplinas/UFCD’s mencionadas.
    Informação Adicional a prestar aos candidatos
    O Portefólio deve ser submetido para o email direcao@eb23caiderei.pt até ao momento exato do fecho do horário na aplicação. Formato pdf, A4 e não deve exceder as 5 páginas. No portefólio deve constar informação clara e inequívoca que permita a aplicação de todos os critérios e subcritérios.

      • Isabel Gil on 28 de Agosto de 2019 at 15:10
      • Responder

      É uma vergonha o que estão a fazer ao grupo 430, pergunto: “onde estão os colegas do grupo disciplinar 430 do Agrupamento de Escolas de Lousada Este para permitirem uma situação destas”?
      Eu já lecionei a disciplina de Atividades Económicas e as disciplinas da componente de formação tecnológica em duas 2 escolas da zona centro do país que tinham o CEF de Operador de Logística. É verdade que, nesta altura os técnicos que existiam eram os chamados”Verdeiros Técnicos”, para as disciplinas que na realidade não são da competência de nenhum grupo disciplinar, o que não se verifica neste caso.
      A disciplina de Atividades Económicas é basicamente as noções básicas e muito simples de economia, entre outros conceitos. As disciplinas da componente de formação tecnológica não apresentam qualquer dificuldade para um docente do grupo disciplinar 430.
      Os docentes deste grupo disciplinar não podem continuar a permitir a usurpação das disciplinas que são da competência.

    • Vanessa Pinto on 28 de Agosto de 2019 at 11:30
    • Responder

    Que vergonha. É triste quando um professor do 620 como eu vê que qualquer um pode usurpar o lugar para o qual estudei 5 anos. Falam de profissionalismo, motivação e sacrifício para palmilhar todo o Portugal muitas vezes por 8a11 horas e agora vemos uns marmanjos incompetentes a dar mau nome à classe docente. Vão mas é plantar batatas cambada de obtusos.

    • Isabel on 28 de Agosto de 2019 at 12:33
    • Responder

    Subscrevo na íntegra! É simplesmente execrável esta treta dos técnicos…

    • João Lima Ferrreira. on 28 de Agosto de 2019 at 12:35
    • Responder

    Gostaria, mas gostaria imenso , ser esclarecido !!
    São convidados, a fazerem através do Google Maps , ao longo do IC 19 ( que liga Lisboa a Sintra) e caminho de ferro o seguinte percurso.
    A seguir ao Palácio de Queluz e sempre do lado direito, situam-se várias escolas sec . muitos próximas umas das outras.
    A saber : MIGUEL TORGA ( Monte Abraão), FERRRIRA DIAS( Agualva Cacém), MATIAS AIRES ( Agualva Mira Sintra) e GAMA BARROS ( Cacém).
    Na sua oferta formativa, constam CURSOS DE TURISMO.
    Até aqui tudo normal, mas o que eu questiono é: Apenas a escola FERREIRA DIAS , recorre a FALSOS TÉCNICOS ESPECIALIZADOS,. sendo interdita ao grupo 430 ECONOMIA E CONTABILIDADE lecionar disciplinas
    da componente técnica, cujos conteúdos programáticos são inequivocamente sua pertença. O TURISMO É UMA ATIVIDADE ECONOMIA desenvolvida através de empresas. Está situação tem anos, e pelas informações no portal , estaram quatro FALSOS TÉCNICOS ESPECIALIZADOS em RENOVAÇÕES SECRETAS., dado que o REGULADOR a bem da TRANSPARÊNCIA NAO PUBLICA LISTAS…
    Certamente mais que o número de docentes do grupo 430 ECONOMIA e CONTABILIDADE.
    As outras três escolas não contratado os chamados TEs.
    PORQUE SERÁ???
    …talvez perguntar ao grupo disciplinar 430 de Economia e Contabilidade.
    Esta escola a mais antiga, foi inicialmente
    uma escola técnica …”Industrial e Comercial do Agualva Cacém”, onde se lecionavam os cursos técnicos “Geral de Comércio” e “Cursos Indústria s” entre outros, com provas finais de APTIDAO PROFISSIONALISMO….lecionavam os docentes e não havia os TE de formação, que atacam um grupo profissional com uma longa história e se acham a “última coca cola no deserto”.
    Ao que isto chegou, não admira quando gente com responsabilidade afirma ” a lei não é para ser interpretada literslmente.
    Aqui têm um exemplo….vale tudo??


  1. Dar um sentido aos desabafos.
    https://www.igec.mec.pt/e-atendimento/presentation/site_manutencao.htm

      • Benvinda Branquinho on 28 de Agosto de 2019 at 15:32
      • Responder

      A IGE é cega surda e muda.

      Se é tão evidente e tão abrangente eles não agem porquê ? Acontece em todos os grupos de recrutamento. Andámos nós a gastar o nosso tempo e dinheiro na profissionalização, que nos fez tanta falta, para quê ?
      Está à frente de todos, só não vê quem não quer ver. Um colega nosso participou à IGE um caso e não resultou em nada. Ainda ficou mal visto. Eles não fizeram nada. Mandaram-no queixar ao diretor da escola, ao nível hierarquicamente superior.
      Só quando as televisões pegarem nisto é que a IGE será obrigada a acordar.
      Até lá, navegamos neste mar de porcaria.

      • João Lima Ferrreira on 28 de Agosto de 2019 at 16:40
      • Responder

      O comentário ao seu “EU”, foi postada por engano, mais abaixo,,!.

    • João Lima Ferrreira on 28 de Agosto de 2019 at 16:33
    • Responder

    Nem sei como agradecer “o caminho e a luz”, que propõe.
    Sinto o seu ” EU” como a imagem de um cónego Remédios, Um ouvidor dos ignorantes ,. dos desvalidos da vida,. Sensato, bom samaritano, aberto às confissões, desabafos .
    Aqueles a quem roubam o pão para a boca.
    Um ser brilhantes, com um “EU” virtuoso.
    Um líder que a bem dos desgraçados, que para o bem comum, impõe a lei, nada de ,”interpretações literais”, ……………
    Mas excelência, não posso aceitar a sua
    dádiva, sou um desgraçado , que tem a mania de contar estórias, que pensa que vive num país democrático e que pode exercer os seus direitos de cidadania, um comportamento desviante.
    Ao aceitar o seu excelso conselho, iria ficar
    com uma dívida sobre os meus ombros eterna.
    Assim agradeço penhoradamente o seu cuidado, mas a minha consciência obriga.me
    a recusar.
    Exa devolvo ao seu “EU” O DAR UM SENTIDO AO DESABAFO, meta o dito onde lhe der mais jeito e guarde essa preciosidade carinhosamente. Terá sempre multidões de seres famintos da sua palavra e do se “EU”.
    O meu “eu”, agradece penhorada mente ao seu “EU”,
    Embora não Lhe conheça o género, pode até
    ser um anjinho.
    Bem haja!

    • Zaratrusta on 28 de Agosto de 2019 at 19:02
    • Responder

    É este o futuro. Os professores serão substituídos por curiosos que irão dar umas horitas como part-time às escolas. São mais baratos e não dão chatices. Como ninguém faz nada e ninguém quer saber, esta é uma maneira dos diretores meterem nas escolas quem querem de forma completamente impune. E se pensam que estou a brincar, estão enganados. Esta situação tem vindo a piorar ano após ano. Agrava-se e generaliza-se.


  2. Não deviam ter escondido o nome da escola. Há que denunciar.

    • João Lima Ferrreira on 29 de Agosto de 2019 at 16:00
    • Responder

    De acordo. Conhece alguma instituição
    CREDÍVEL?
    ….aquela do comentário.do “EU”..,de dar sentido ao desabafo….tem um esclarecimento inequívoco, no comentário da Benvinda Teixeira.!!
    ….aquele conselho virtuosdo “E U” .. é o equivalente a ENTREGAR O CORDEIRO AO LOBO!
    Caso para dizer, com amigos assim …….
    Não está fácil, num país onde um sociólogo,
    que gosta de “malhar além da direita” proclama que “, A LEI NÃO É PARA SER INTERPRETADA LITERALMENTE”.
    …mas no espírito “”,POIS SIM TALVEZ NÃO”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog