Curiosidades das Listas de Ordenação

Os 10 mais

 

No Tempo de Serviço Após a Profissionalização

10 mais após profissi
Na classificação profissional
10 mais classificação
Na graduação do concurso interno
10 mais concurso INT
Na graduação do concurso externo
10 mais concurso EXT

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2013/07/curiosidades-das-listas-de-ordenacao/

12 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • jbsousa on 25 de Julho de 2013 at 20:42
    • Responder

    tão engraçado como saber esses números e analisar as tabelas é saber donde são provenientes – universidade – os candidatos com notas de saída de universidade de 20 e 19 valores..

      • lya apolonia on 27 de Julho de 2013 at 18:42
      • Responder

      Como seria possível um aluno ter 20 no final d curso de educação pré-escolar….???? é surreal….. sou do grupo 100

    • 24 anos de contratada on 25 de Julho de 2013 at 22:17
    • Responder

    De certeza que não se licenciaram no ensino público!!!!!!!!!!!

      • Paulo Pereira on 26 de Julho de 2013 at 12:03
      • Responder

      Também existem pessoas do público com excelentes notas em cursos tidos como difíceis!
      Fui o 2º melhor do meu ano e até considero que tive uma excelente nota!
      Se no privado terão sido mais fáceis? Provavelmente.
      A sua nota foi o melhor que era capaz de tirar nas condições que frequentou?
      Se foi então relaxe e respire fundo. Se não foi, se algumas vezes disse que naquele dia ia aproveitar a vida, etc, então já tem uma história para contar!

        • Maria on 26 de Julho de 2013 at 19:29
        • Responder

        Que lindo, Paulo Pereira! 🙂 Parece que estou a ler um livro de exercícios de meditação! 🙂

    • Zaratrusta on 26 de Julho de 2013 at 0:05
    • Responder

    Que engraçado, e o lunático do crato a espalhar a ideia que os contratados é que têm que fazer uma prova porque acabam os cursos com grandes notas e mal preparados.

    • angélica on 26 de Julho de 2013 at 3:17
    • Responder

    Não investem no ensino, mas sim num exame, como se a competência de um professor fosse avaliada em 120 minutos. Para o essencial não à verba!

  1. Nunca tinha visto ninguém acabar com 20, mas afinal havia alguém… O máximo q já vi nas listas foi 1 unico 17.

    1. No meu curso é q só ouve 1 unico 17.

        • Maria on 26 de Julho de 2013 at 10:44
        • Responder

        “ouve” = houve 🙂

    • Xana on 26 de Julho de 2013 at 10:59
    • Responder

    Acho que está na altura de todos os professores se unirem! Análise de quem tem mais graduação, melhores notas…não leva a nada. Ficarem uns contra os outros enfraquece muito mais a nossa classe que é precisamente o que os nossos dirigentes querem.

  2. Não será a existência de uma prova uma forma de nivelar estas notas de saída? Todos sabemos o que se passa em muitas universidades, não vale mesmo a pena negá-lo. No entanto, também não se pode afirmar que não haja candidatos que tenham obtido estas notas com mérito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: