adplus-dvertising

Opinião – HAJA FORÇA E UNIÃO! – Fátima Graça Ventura

 

Depois da Manifestação de 19 de Maio, a que muitos mais docentes teriam comparecido se a sua crença num resultado prático e concreto fosse efetiva, impunha-se demonstrar-lhes que estiveram errados, ao não acreditarem. Seria, na minha opinião, o momento de uma tomada de posição de força, de coragem, perante um Ministério que desde o primeiro momento faltou à verdade e ao respeito aos professores(segundo quem com ele negocia, os Sindicatos).
Mas não. O Senhor Ministro abanou o lencinho branco, na véspera da Manifestação, chamou  para dia 4 de Junho, e, qual cordeirinhos mansos, lá vão os Senhores Sindicalistas, nossos representantes, os mesmos que “apregoaram aos sete ventos” que o Senhor Ministro não tinha palavra, que andava desaparecido… … reunir e EXIGIR, note-se, “  EXIGIR que as reivindicações e, em particular, as que decorrem da Declaração de Compromisso assinada pelo Governo e pelas Organizações Sindicais em 18 de novembro de 2017 sejam cumpridas…  Se tal não acontecer, os Professores e Educadores manifestam disponibilidade para continuar a luta, se necessário, ainda no presente ano escolar.”
É verdade que o ano escolar termina a 31 de agosto… Logo, haverá muito tempo! Nas férias!! Então não é revoltante, este Jogo de Sem Vergonha, de “ exigência-promessa-não cumprimento-grande vitória-desacordo-exigência-promessa??”
NADA! Isto não é nada! Não decorreram já meses suficientes para se perceber o tal Jogo??
Apenas servir-se da credibilidade alheia, da esperança e da boa-fé de quem tem uma vida para gerir e uma família para sustentar.
Na Madeira e nos Açores, o exemplo está dado. Aqui, mais uma vez, vemos a repetição de procedimentos anteriores. Por isso, não consigo entender, como é que há profissionais da Educação que tendo uma “travessa de comida frente a si e estando esfomeados”, hesitam em saciar a fome. Como é que são tão descrentes de quem se deu ao trabalho de redigir, de quem CEDEU O SEU NOME  A CUSTO ZERO, só pelo Bem Comum, de quem anda a informar diariamente como se tivesse algum benefício pessoal : “ Olha, já conheces a ILC? Já assinaste a Iniciativa Legislativa de Cidadãos?”, correndo ainda o risco de algo não resultar e ficar mal visto- sim, não damos qualquer garantia de sucesso, apenas tentamos usar uma possibilidade de resolução que temos ao dispor e, continuando TODOS as nossas vidas profissionais, as aulas, as reuniões…  …tentamos que o tempo a que temos direito, como qualquer outra classe profissional, nos seja contado e NÃO PERCAMOS MILHARES DE EUROS!!!
Até nisso, os sindicatos mostraram desrespeito e ignoraram  aqueles que os sustentam para os defenderem. Fazem ideia, Senhores Professores, de quantos milhares de euros é que iríamos perder se o descongelamento acontecesse, como propõem os nossos representantes sindicais?? Os promotores da ILC já fizeram o cálculo e a quantia é elevada, se só em 2023 terminar o descongelamento.

Tabela:
http://www.comregras.com/wp-content/uploads/2018/05/Tabela-base-para-compara%C3%A7%C3%A3o-de-perdas.pdf

Pensem . Assinem. Reajam. É uma tentativa. É uma forma de mostrar FORÇA e UNIÃO.

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2018/05/opiniao-haja-forca-e-uniao-fatima-graca-ventura/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: