24 de Abril de 2014 archive

O Inglês nas AEC

… que este ano deixou de ser oferta obrigatória.

80% das escolas públicas oferecem inglês extracurricular ao 1.º e 2.º ano

 

 

O inglês no âmbito das actividades de enriquecimento curricular (AEC) foi oferecido este ano lectivo aos alunos do 1.º e 2.º ano de escolaridade em cerca de 80% das escolas públicas, segundo dados preliminares divulgados pelo Ministério da Educação.

Segundo os dados da Direcção Geral de Estatística da Educação e Ciência (DGEEC), num total de 3.946 escolas públicas que responderam ao inquérito relativo às AEC, os alunos do 1.º e 2.º anos têm inglês extracurricular em 81,1% das escolas da rede pública, ou seja, 3.146 estabelecimentos.

Já os do 3.º e 4.º anos do 1.º ciclo de escolaridade podem frequentar inglês nas AEC em 90,5% dos estabelecimentos, ou seja, 3.539 escolas.

Na perspectiva dos alunos, os dados indicam que 70,6% das crianças matriculadas no 1.º ou 2.º anos de escolaridade estão abrangidas pelo ensino da língua inglesa no âmbito das AEC, o que se traduz num total de 121.706 alunos.

Já a percentagem de alunos do 3.º e 4.º anos a frequentar inglês no âmbito extracurricular é de 80,8%, num total de 141.967 crianças.

 

 

Ver documento com dados preliminares das Atividades de Enriquecimento Curricular 2013/2014, aqui.

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2014/04/o-ingles-nas-aec/

Evolução das Contratações de Escola por Mês

A aproximar-se o fim do ano letivo apenas deve restar mais um mês de contratações de escola. Até ao final do mês de Abril existiram 10598 horários em concurso, conforme distribuição no quadro em baixo.

Em 2011/2012 existiram 16886 contratações de escola para os diversos grupos de recrutamento, incluindo-se os 3239 horários em concurso para técnicos especializados.

Em 2012/2013 existiram 11366 contratações de escola ao longo de todo o ano letivo, também já incluí nestes números os 3268 horários para técnicos especializados que abriram nesse ano letivo.

Este ano o número de contratações de escola não deve chegar ao mesmo número do ano passado, mas não deve andar muito longe. É possível que este ano não se chegue aos 11 mil horários pedidos em contratação de escola quando no ano letivo passado foram pedidos 11366 horários.

 

2013-2014 por mês

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2014/04/evolucao-das-contratacoes-de-escola-por-mes/

Sinceramente Ainda Não Percebi

… como se vai processar a vinculação “semi-automática”.

 

Porque ao comparar a proposta final de alteração ao Decreto-Lei 132/2012 não encontro muita relação com o anunciado hoje por Nuno Crato na conferência de imprensa do Conselho de Ministros.

 

Nuno Crato na conferência de imprensa refere que existe um limite de 5 anos em contrato anual, completo e sucessivo (até aqui tudo bem) mas refere de seguida que após esse limite, os professores que sejam contratados de novo passam semiautomaticamente a integrar os quadros das escolas (mais um erro do ministro, porque estes docentes passam a integrar os quadros de zona pedagógica e não os quadros das escolas).

Mas não vai haver um concurso externo anual com vista a integrar estes docentes nos quadros?

Se esse concurso externo anual se processa antes do limite da 6ª contratação anual, completa e sucessiva porque razão o ministro fala na 6ª contratação anual, completa e sucessiva?

Será que ainda não percebi qual o mecanismo que se vai seguir a partir de 2015 para esta vinculação ou é o próprio ministro que ainda não percebeu esse mecanismo?

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2014/04/sinceramente-ainda-nao-percebi/

Aprovado Hoje em Conselho de Ministros o Novo Diploma de Concursos

Tendo em conta que o concurso de vinculação extraordinária será em simultâneo com o concurso de contratação para 2014/2015, provavelmente teremos de aguardar a publicação em Diário da República das alterações aprovadas hoje ao diploma de concursos para a abertura de ambos os concursos.

Assim, volto a apontar para final de maio a abertura destes dois concursos.

 

 

COMUNICADO DO CONSELHO DE MINISTROS DE 24 DE ABRIL DE 2014

 

 

1. O Conselho de Ministros aprovou a alteração ao regime de seleção recrutamento e mobilidade do pessoal docente para os estabelecimentos públicos de educação pré-escolar e dos ensinos básico e secundário na dependência do Ministério da Educação e Ciência.

Este diploma expressa o empenho no reforço da valorização laboral dos professores e na definição clara das necessidades do sistema, a partir da análise da duração do vínculo temporário.

Assim, caso um docente se encontre em situação contratual em horário anual completo e sucessivo por um período de cinco anos, é aberto lugar no quadro docente do Ministério da Educação e Ciência através do mecanismo concursal externo para o quadro de zona pedagógica.

É também reforçado o leque das oportunidades de maior estabilização do pessoal docente, sendo elencados mecanismos que permitem aos docentes de carreira fazerem opções por outros grupos de recrutamento além daquele em que se encontram identificados.

2. O Conselho de Ministros aprovou o regime jurídico das escolas profissionais públicas e privadas, no âmbito do ensino não superior, regulando a sua criação, organização e funcionamento, bem como a tutela e fiscalização do Estado sobre as mesmas.

Este regime visa criar as condições para uma resposta mais consentânea com as novas exigências de um ensino profissional dual de qualidade, no que respeita, nomeadamente, à autonomia e flexibilidade na gestão das escolas profissionais públicas e ao envolvimento direto e permanente das empresas e de entidades de referência empresarial no ensino profissional, através da criação de escolas profissionais de referência empresarial.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2014/04/aprovado-hoje-em-conselho-de-ministros-o-novo-diploma-de-concursos/

Portaria 91/2014 – Provas de Ingresso de Português e Matemática

Foi publicada ontem a Portaria n.º 91/2014. D.R. n.º 79, Série I de 2014-04-23, que determina a realização de provas obrigatórias de Português e Matemática para o ingresso na licenciatura em Educação Básica.

As provas de ingresso aplicam-se a partir do ano letivo 2017/2018.

 

DN exames

 

Diário de Notícias (24-04-2014)

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2014/04/portaria-912014-provas-de-ingresso-de-portugues-e-matematica/

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: