Rui Cardoso

Author's posts

Descentralização/desresponsabilização

Descentralização ou desresponsabilização? Com a passagem de competências para os municípios o que estará o MEC a “tentar” fazer? Não tardará muito e teremos a educação entregue aos privados?

11822717_849046451845695_5505125805969337226_n

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/08/descentralizacaodesresponsabilizacao/

Continua o “fado” das turmas do 1º ciclo…

Agora não têm espaço… Com tanta escola abandonada e à espera de alunos…

 

cm

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/continua-o-fado-das-turmas-do-1o-ciclo/

Turmas/contenção de custos… Na Escola Pública!!!

E anda por aí uma noticia… que explica muito do que se irá passar no próximo ano letivo… deixo por aqui excertos, só as declarações…

 

“Soubemos que, neste momento, há turmas que estão a ser constituídas com 24 e 25 alunos, tendo dois ou mais alunos necessidades educativas especiais. Isto é de uma ilegalidade tremenda, não pode acontecer”

“o que está a acontecer no agrupamento de escolas de XXXXX” deve verificar-se também noutros pontos do país.

“Isto está a ser feito tendo em conta os limites que o ministério está a impor em termos do número de turmas, independentemente da sua natureza. Neste momento, as instruções são para não abrirem mais turmas, por causa da contenção de custos”, lamentou.

“a querer desinvestir na escola pública, não olhando a meios para atingir os fins”.

…direção do agrupamento de escolas de XXXXX, admitiu o problema na constituição das turmas, mas frisou que “ainda estão em fase de preparação, não há nada definitivo”.

“Fizemos uma exposição para os serviços regionais no sentido de ver se há necessidade de criar uma quarta turma. Agora, teremos que aguardar”

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/turmascontencao-de-custos-na-escola-publica/

O 1º Ciclo pelos sindicatos…

EscolaOs sindicatos estão a acordar para o 1º ciclo. Passados tantos anos, tomam o 1º ciclo como bandeira.
 
Desde as alterações ocorridas em 1989, com a revisão do estatuto da carreira docente, em que os docentes deste ciclo viram a sua carga horária ser aumentada para 25 horas, muitas foram as alterações que deterioraram as suas condições de trabalho. Na altura a moeda de troca, para tal aumento, foi a antecipação da aposentação. Aposentavam-se com 32 anos de serviço e 52 de idade, os que perfaziam 13 ou mais anos de serviço em 1989, os restantes aos 55 de idade e 30 anos de serviço. “Alguns” dos últimos permanecem ao serviço. E, estes docentes, na prática, continuam sem qualquer redução da carga horária, como a existente nos outros ciclos.
 
Hoje, os professores de 1º ciclo, têm como idade de aposentação, a mesma que todos os outros. Venderam-nos, sem apelo nem agravo. A troco de quê?
 
Desde a introdução da escola a tempo inteiro, as condições de trabalho têm sofrido imensas alterações que só têm vindo prejudicar os docentes na sua mancha horária. Basta referir a não contabilização do intervalo como componente letiva, continuando os docentes a ser responsáveis por esse período, e o términos da componente letiva às 16 horas para, economicamente, se desinvestir nas AEC. E, também se pode referir, a manutenção da política de turmas com vários anos de ensino, o aumento de número de alunos por turma (como em todos os outros níveis de ensino) o desrespeito, na constituição de turmas com alunos NEE, não só pelos docentes, mas também pelos alunos. A perda do subsidio de coordenação de estabelecimento, as condições físicas em que as escolas do 1º ciclo se encontram, a falta de tudo e mais alguma coisa em muitas das escolas, a falta de Assistentes Operacionais, e muito, muito mais…
 
Embora seja o grupo de docentes mais numeroso ao serviço da educação neste país, o desrespeito por estes profissionais tem sido contínuo, com eles, o pré-escolar, que está mais ou menos no mesmo barco.
 
Resta saber até quando… até quando as desigualdades permanecerão tão evidentes e fragmentárias.
 
Aos sindicatos, cabe o trabalho de defender estes profissionais, lutando a seu lado por melhores condições de trabalho, no seu direito a uma carga horária mais justa ou a benefícios na idade de aposentação. E não me venham com demagogia, para isso já temos “gente” que chegue.
 
PS: O governo tem e sempre teve projeto para o 1º ciclo, mas alguns recusavam-se a vê-lo… e não sei se…

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/o-1o-ciclo-pelos-sindicatos-2/

O PET, a novela Mexicana…

O PET já não é uma saga, é uma novela mexicana de fraca qualidade…

 

PET

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/o-pet-a-novela-mexicana/

O “tal” Processo: 945…

Andava intrigado com o “tal” Processo: 945/15.3BEALM, que surgiu na pagina da Dgae no dia 9 de julho, mas ainda não tinha tido tempo para o “googlar”…

Aqui fica para os interessados… e ainda estão dentro dos prazos legais…

 

Download do documento (PDF, 229KB)

 

… sendo o “prazo acima indicado é contínuo”, é claro que já não estão… talvez por isso, é que “aquilo não funcionava”.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/o-tal-processo-945/

Prova de Matemática 2º Ciclo 2ª Fase

Caderno 1

cad1 2

Caderno 2

cad1 2

Critérios de Correção

CC2

Critérios de Correção Adaptados

CC22

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/prova-de-matematica-2o-ciclo-2a-fase/

Prova de Matemática 1º Ciclo 2ª Fase

Caderno 1

cad1

 

Caderno 2

cad1

 

Critérios de Correção

CC

Critérios de Correção Adaptados

CC1

 

 

 

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/prova-de-matematica-1o-ciclo-2a-fase/

Mandarim nas escolas?… Ou mais “chinesices” à custa das escolas?…

O que fica aqui bem esclarecido é que, mais uma vez, o que os outros não quiseram, Portugal aceita. Não me venham dizer que o tratamento foi diferente… Ou então, as contrapartidas são outras…

 

IMG_20150715_104215

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/mandarim-nas-escolas-ou-mais-chinesices-a-custa-das-escolas/

Partidos admitem aprovar regime especial de aposentação para os professores… ou será ano de eleições?

Será que admitem mesmo?…

… “A petição defende a pré-aposentação dos professores aos 55 anos de idade ou 32 anos de serviço, e a aposentação a partir dos 36 anos de serviço, independentemente da idade.

O sindicato propõe ainda a aposentação aos 35 anos de serviço, para os professores do 1.º ciclo do ensino básico.”

parlamento_ar_plenario_lusa

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/partidos-admitem-aprovar-regime-especial-de-aposentacao-para-os-professores-ou-sera-ano-de-eleicoes/

Load more

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog