Uma pré-campanha eleitoral muito “salerosa”…

O período de pré-campanha eleitoral foi muito fértil em episódios inusitados e, de certa forma, “salerosos”, como, provavelmente, diriam aqui ao lado, na vizinha Espanha:

– Tivemos o André Ventura (Chega) a afirmar que o PSD era “uma espécie de prostituta política”; que Luís Montenegro era “o idiota útil da Esquerda” e que o líder do PSD estava prestes a “saltar para o colo do PS” (Revista Visão, em 12 de Fevereiro de 2024)…

Estas afirmações de André Ventura comprovam que nem sempre as habilitações académicas detidas por alguém serão sinónimo de nobreza no discurso ou de elevação política…

Esperava-se muito melhor de um candidato a 1º Ministro, com um Doutoramento em Direito Público pela University College Cork, ainda para mais sendo Jurista, Professor Universitário e Inspector da Autoridade Tributária (com licença sem vencimento), segundo a Wikipédia, consultada em 25 de Fevereiro de 2024…

Pois é, o grau de rudeza, de grosseria ou de boçalidade de cada um raramente se encontra dependente das respectivas habilitações literárias…

À vista de todos, André Ventura, de tanto implorar pelo colo, pelo carinho, pela atenção e pelo amor do PSD, cada vez mais se assemelha a uma personagem de um melodrama, vítima de rejeição e de abandono, injustiçado e sempre muito queixoso…

Se a moda pega, ainda corremos o risco de ver a campanha eleitoral transformada numa putativa “telenovela mexicana”, onde o melodrama, o amor, a traição, os dilemas, a sedução, a vingança, a tragédia, o sentimentalismo intenso e exagerado ou os crimes passionais, têm presença obrigatória…

– Rui Tavares (Livre) foi a um Programa da SIC, onde se mostraram várias fotografias da sua infância, entre elas, uma em que aparece tal qual veio ao mundo, expondo publicamente todos os seus atributos (SIC, em 22 de Fevereiro de 2024)…

Se a moda pega com os outros candidatos a 1º Ministro, ainda aparecerá alguém que se dará ao trabalho de avaliar e comparar certas particularidades…

– O PAN também deu o ar da sua graça, contribuindo para “apimentar” a pré-época eleitoral, difundindo um cartaz anti-touradas com humor, cujo slogan é: “Touradas só na cama e com consentimento” (Jornal de Notícias, em 23 de Fevereiro de 2024)…

Se a moda pega nos outros Partidos Políticos, imagine-se os slogans que poderão aparecer por aí… Por certo, o céu será o limite…

– Pedro Nuno Santos, cujo epíteto bem poderia ser “o choramingas”, esteve em dois Programas de televisão, na SIC em 17 de Fevereiro passado e na TVI em 22 de Fevereiro passado, e alcançou a proeza de chorar nos dois…

Chorar não tem mal nenhum, até faz bem e alivia a alma, mas se a moda pega nos outros candidatos a 1º Ministro, em vez de termos uma campanha eleitoral, teremos, provavelmente, um “concurso de carpideiras”, para avaliar quem consegue chorar mais e ser mais pungente nas lamúrias…

– O Bloco de Esquerda foi acusado de plágio por Pedro Abrunhosa, de “apropriação indevida de propriedade intelectual alheia” e de “chico-espertice, de alguém muito pouco criativo”, por o slogan partidário escolhido pelo Bloco “Fazer o que nunca foi feito” ser muito parecido com o título da música do cantor “Fazer o que ainda não foi feito.” (Jornal Expresso, em 17 de Fevereiro de 2024)…

 

Se a moda pega, ainda poderemos ter outros Partidos Políticos a serem acusados de aproveitamento abusivo e ilegítimo, pela tentativa de fazerem associações partidárias a determinadas pessoas, sem o seu consentimento…

 

Imagine-se o rebuliço que se geraria se a Aliança Democrática (AD) se lembrasse de adoptar o slogan: “Com Montenegro vai ser fixe”… Havia de ser bonito…

 

Se recordarmos que Mário Soares, líder histórico do Partido Socialista, tinha como slogan de campanha eleitoral para a Presidência da República em 1986: “Soares é fixe”, adivinha-se o que sucederia se a Aliança Democrática escolhesse tal divisa:

 

“Cairia o Carmo e a Trindade”, dar-se-ia um verdadeiro “terramoto político”, com uma magnitude impossível de ser medida pela Escala de Richter, que só vai até 9, as hostes socialistas agigantavam-se, gritando a todos os ventos: “Usurpadores!”…

 

– Também tivemos Mariana Mortágua (BE) que, alegadamente, terá sido “apanhada na curva”, ao “invocar o nome da sua avó em vão”, apresentando-a como uma potencial vítima de uma Lei, que permitiria ao respectivo senhorio perpetrar as maiores malvadezas face aos arrendatários…

Mas parece que, afinal, o senhorio:

“É uma IPSS, a fundação Octávio Maria de Oliveira. A avó da bloquista tinha, à data dos factos, 78 anos, muito acima do limite para poder ser despejada. As cartas que recebeu referiam apenas os aumentos previstos na lei. Paga, ainda hoje, uma renda antiga que ronda os 400 euros… na Av. de Roma, em Lisboa.” (Revista Sábado, em 21 de Fevereiro de 2024)…

Se a moda pega, ainda teremos os outros candidatos a 1º Ministro a lembrarem todas as maldades e crueldades de que foram vítimas os seus antepassados, durante a ocupação Celta da Península Ibérica…

– André Ventura queixou-se de que a caravana do Chega tinha sido alvo de tiros para o ar em Famalicão, afirmando, ainda, que tinha reportado o incidente às autoridades (Jornal Público, em 22 de Fevereiro de 2024)…

Por seu lado, as autoridades, no caso a PSP de Braga, já vieram esclarecer que, afinal, não se tratou de tiros, mas sim de rateres produzidos por uma mota que seguia na caravana do próprio Partido Chega (Jornal Público, em 22 de Fevereiro de 2024)…

Mais anedótico e caricato do que o anterior deverá ser difícil… Será caso para dizer que “o tiro saiu pela culatra”, ou seja, a tentativa de vitimização protagonizada por André Ventura acabou por virar-se contra o próprio Chega, que se viu, assim, ridicularizado…

Em termos humorísticos, e sem moralismos bacocos, o mínimo que se poderá afirmar é que a pré-campanha eleitoral tem sido muito “salerosa” e que tem dado um assinalável contributo para o entretenimento nacional…

Agora mais a sério, não pode deixar de se registar que a falta de elevação política e a duvidosa honestidade intelectual, por vezes evidentes, ao longo da pré-campanha eleitoral, não augurarão nada de bom para o futuro e ilustram bem a mediocridade da actual classe política, em termos gerais…

Pelo caminho que tem vindo a ser traçado, o que mais poderemos esperar?

Poderá valer tudo?

 

Paula Dias

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2024/02/uma-pre-campanha-eleitoral-muito-salerosa/

18 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • Mainada on 25 de Fevereiro de 2024 at 21:46
    • Responder

    Gostei, inclusive do reconhecimento de que o Abrunhosa foi ridículo, e muito mais poderia ser dito. Faltou lançar farpas à AD e ao IL, pelo menos.

    • AC on 25 de Fevereiro de 2024 at 21:51
    • Responder

    Excelente!
    Quanto a AV, a universidade é de “cork” portanto, estamos falad@s.
    😀😀

      • Tap o buraco on 28 de Fevereiro de 2024 at 9:24
      • Responder

      Sim, os portugueses estão muito mais desenvolvidos do que a Irlanda, país terceiro mundista 🤪

    • Anónimo on 25 de Fevereiro de 2024 at 21:54
    • Responder

    Gostava de votar AD, mas depois percebo que eles podem coligar-se com a IL.
    Sou social Democrata. Não sou Liberal.
    Gosto do que é público. Não quero privatizar o que é público para entregar a mamões.

      • JL on 25 de Fevereiro de 2024 at 21:55
      • Responder

      Desde que não vote nos ladrões e aldrabões do PS, já é bom.
      Eu não votarei em PS, Chega ou IL. São todos merda!

        • Ex-Lenine on 28 de Fevereiro de 2024 at 9:20
        • Responder

        Votar em PAN, Livre, BE ou PCP vai dar votos a geringonça v2!

          • AA on 28 de Fevereiro de 2024 at 18:21

          E obriga o PS é ter uma verdadeira política de esquerda!

      • Chegano on 26 de Fevereiro de 2024 at 7:47
      • Responder

      Eu não sou de ninguém, sou de mim próprio! Não votarei à esquerda! Têm destruído Portugal, com níveis absurdos de clientelismo, corrupção e défice de democracia.
      Corroborou que a diplomacia nas afirmações deveriam primar as campanhas, mas se fizerem um flashback das afirmações grosseiras de António Costa desde o processo Casa Pia, estamos conversados. Porque não faz um post com essa coletânea maravilhosa, Paula Dias, começando em Sócrates e acabando em Costa? Não se esqueça dos loucos ideais radicais de esquerda, como a recente tentativa de implementação à força da identidade de género nas escolas!

        • TC on 26 de Fevereiro de 2024 at 10:18
        • Responder

        O que é que a Paula Dias tem a ver com o António Costa?
        Anda para aí uma confusão, sr. Chegano.

          • Chegano on 28 de Fevereiro de 2024 at 9:18

          Nunca teci tal afirmação…

        • AA on 28 de Fevereiro de 2024 at 18:33
        • Responder

        Geiringonça: Pode-se apontar medidas importantes tomadas pelo governo do PS, sob pressão da esquerda (BE e CDU): o aumento do salário mínimo e das pensões, a restituição dos salários dos trabalhadores do setor público após cortes anteriores, a restituição de quatro feriados e a semana de trabalho de 35 horas no setor público, a reversão do processo de privatização de algumas empresas de transportes públicos e medidas sociais como livros gratuitos para alunos, passes mensais de transporte mais baratos nas áreas urbanas e melhor proteção social para crianças e desempregados.

    • José Ruas on 26 de Fevereiro de 2024 at 13:10
    • Responder

    Parabéns Paula Dias.
    Ficamos a saber que vai votar AD e gostaria muito de nos influenciar a todos, ….como quem não quer a coisa.
    O tom de voz do seu amigo Montenegro e a “raiva” expressa no olhar, dele e dos seus vices Hugos e Leitões, dizem tudo.
    Mais uma vez, seja feliz.

    • Mustang Horse on 26 de Fevereiro de 2024 at 14:14
    • Responder

    Vá, vá lá ler o texto outra vez:

    “Rui Tavares (Livre) foi a um Programa da SIC, onde se mostraram várias fotografias da sua infância, entre elas, uma em que aparece tal qual veio ao mundo, expondo publicamente todos os seus atributos (SIC, em 22 de Fevereiro de 2024)…”
    “Se a moda pega nos outros Partidos Políticos, imagine-se os slogans que poderão aparecer por aí… Por certo, o céu será o limite…”

    De nada.

      • AA on 26 de Fevereiro de 2024 at 20:31
      • Responder

      Faltou falar da moradia do Montenegro em Espinho….
      Link: https://expresso.pt/sociedade/justica/2023-12-29-Procuradoria-confirma-inquerito-a-construcao-da-casa-de-Luis-Montenegro-em-Espinho-bcde0a2a

    • AA on 26 de Fevereiro de 2024 at 20:32
    • Responder

    Faltou falar da moradia de Luís Montenegro em Espinho….
    Link: https://expresso.pt/sociedade/justica/2023-12-29-Procuradoria-confirma-inquerito-a-construcao-da-casa-de-Luis-Montenegro-em-Espinho-bcde0a2a

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: