Janeiro 2020 archive

Seminário “Desafios para uma Educação de Futuro”

 

Desafios para uma Educação de Futuro” é o mote para o Seminário de Educação que o Município de Tondela irá realizar já no próximo dia 25 de janeiro.

Reconhecendo que a educação contribui de forma preponderante para a melhoria das condições de vida da população, motivo pelo qual deve ser um vetor essencial no desenvolvimento e progresso da sociedade, a Câmara Municipal de Tondela está empenhada em trazer a Tondela um leque de oradores de referência nesta matéria.

Pode consultar mais informação no respetivo site:

http://www.cm-tondela.pt/seminario.educacao/

Também pode fazer a inscrição diretamente aqui:

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/seminario-desafios-para-uma-educacao-de-futuro/

O Tiago falou… e demonstrou falta de informação.

“O Ministério da Educação suplementou o número de professores em mais de 2000 professores nas nossas escolas em relação ao que havia no ano anterior…” disse o Tiago.

Não! Não foi nada disso. foram 1741 professores colocados a mais que no ano anterior para substituição de outros que se encontram ausentes pelas mais diversas razões. Essas colocações são na sua maioria de duração de um mês.

É de lamentar que seja necessário um quadro elaborado pelo Arlindo para por o ministro a falar sobre educação. Também é de lamentar que a imprensa refira que estas colocações são um reforço de professores.

Ficam as declarações do Tiago…

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/o-tiago-falou-e-demonstrou-falta-de-informacao/

Dia mundial do Braille

Hoje é Dia Mundial do Braille! Sem dúvida um dia muito importante para todos os cegos! O Braille é uma fabulosa ferramenta ao serviço de quem tem deficiência visual. Não é necessário enaltecer a sua utilidade, de tão evidente que é!
O Dia Mundial do Braille, é uma efeméride que pretende, chamar a atenção para os problemas dos cidadãos cegos e da responsabilidade que a todos nos envolve nesta problemática, de modo próprio na construção de um mundo onde seja possível, cada vez mais e em cada dia e a sua integração e um não pleno à discriminação.
O Braille, veio permitir um vasto número de actividades aos cegos, de modo próprio a leitura, a integração profissional, a música, etc, foi inventado por Louis Braille, que faleceu em Paris aos 43 anos de idade, em 1852 e que cegara aos 3 anos. Professor toda a sua curta vida, compositor e um verdadeiro génio compôs livros para facilitar o ensino e elaborou com Foucault, um novo alfabeto para cegos, também aplicado à música, à estenografia e ao cálculo, modificando preponderantemente a educação dos mesmos.
A propósito do Dia Internacional do Braille e para todos os que gostavam de aprender Braille, divulgo o curso Braille virtual. O Braille Virtual que é um curso on-line aberto, público e gratuito, destinado à difusão e ensino do sistema Braille a pessoas que vêem.Este curso é orientado especialmente a pais, crianças, professores, …para todos os que queiram aprender. Para aceder ao curso
Porque o saber não ocupa lugar, em baixo coloquei um link para ter acesso à página da ataraxia, empresa de equipamentos variados para pessoas cegas informações sobre equipamentos

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/dia-mundial-do-braille/

Sobre a reunião com o ME de dia 22 – FNE

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/sobre-a-reuniao-com-o-me-de-dia-22-fne/

Finalmente o Ministério da Educação Convoca os Sindicatos

Foi agendada reunião entre o Ministério da Educação com as Organizações Sindicais para o próximo dia 22 de janeiro de 2020, pelas 11 horas. Três meses após a formação do novo governo.

 

Fica aqui a informação deixada na página do S.TO.P.

 

Após ano e meio de silêncio por parte do Ministério da Educação (M.E.), fomos convocados a reunir com o Ministro, a 22 de janeiro (juntamente com outros sindicatos).

Entendemos que essa insustentável discriminação durante 18 meses – apenas ao S.TO.P. – foi um espécie de “castigo” do M.E. por termos dinamizado uma greve às avaliações CONSEQUENTE, nomeadamente em defesa do tempo de serviço docente e contra a precariedade docente em finais de 2017/2018. Agradecemos a TODOS os que se solidarizaram connosco. Essa grande solidariedade e o impacto da greve de todos os Profissionais de Educação que terminou em dezembro passado foram determinantes para esta mudança.

Como ficou evidente não nos vergaram e continuaremos a FAZER O QUE AINDA NÃO TINHA SIDO FEITO, em defesa de TODOS que trabalham nas Escolas (doa a quem doer).

Além das reivindicações associadas à greve de TODOS os Profissionais da Educação que terminou em dezembro, e da exigência da contagem de todo o tempo de serviço docente, iremos auscultar os Profissionais da Educação, a partir da próxima semana, para sabermos quais os temas mais prioritários a levar para a reunião com o Ministro e continuarmos a SER A VOZ DOS SEM VOZ.

Excelente 2020, do que depender de nós, com mais justiça para todos que trabalham nas Escolas!

Após ano e meio de silêncio por parte do Ministério da Educação (M.E.), fomos convocados a reunir com o Ministro, a 22 de janeiro (juntamente com outros sindicatos).

Entendemos que essa insustentável discriminação durante 18 meses – apenas ao S.TO.P. – foi um espécie de “castigo” do M.E. por termos dinamizado uma greve às avaliações CONSEQUENTE, nomeadamente em defesa do tempo de serviço docente e contra a precariedade docente em finais de 2017/2018. Agradecemos a TODOS os que se solidarizaram connosco. Essa grande solidariedade e o impacto da greve de todos os Profissionais de Educação que terminou em dezembro passado foram determinantes para esta mudança.

Como ficou evidente não nos vergaram e continuaremos a FAZER O QUE AINDA NÃO TINHA SIDO FEITO, em defesa de TODOS que trabalham nas Escolas (doa a quem doer).

Além das reivindicações associadas à greve de TODOS os Profissionais da Educação que terminou em dezembro, e da exigência da contagem de todo o tempo de serviço docente, iremos auscultar os Profissionais da Educação, a partir da próxima semana, para sabermos quais os temas mais prioritários a levar para a reunião com o Ministro e continuarmos a SER A VOZ DOS SEM VOZ.

Excelente 2020, do que depender de nós, com mais justiça para todos que trabalham nas Escolas!

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/finalmente-o-ministerio-da-educacao-convoca-os-sindicatos/

Lista Colorida-RR15

Lista Colorida atualizada com colocados e retirados da RR15.

Há neste momento 1 professor que já vai no seu quarto contrato e 100 no terceiro!

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/lista-colorida-rr15-4/

Cinema Sem Conflitos: “The Street of Anfok”

Título:  “The Street of Anfok” | Autores: “Zilai Feng

Uma história sobre um homem paralisado que sempre olha para fora da janela através de seu espelho.

Até à próxima semana ou todos os dias em facebook.com/cinemasemconflitos

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/cinema-sem-conflitos-the-street-of-anfok/

124 Contratados colocados na RR15

Foram colocados 124 contratados na Reserva de Recrutamento 15, distribuídos da seguinte forma:

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/124-contratados-colocados-na-rr15/

Reserva de recrutamento n.º 15

Publicitação das listas definitivas de Colocação, Não Colocação, Retirados e Listas de Colocação Administrativa – 15.ª Reserva de Recrutamento 2019/2020.

Aplicação da aceitação disponível das 0:00 horas de segunda-feira, dia 6 de janeiro, até às 23:59 horas de terça-feira, dia 7 de janeiro de 2020 (hora de Portugal continental).

Consulte a nota informativa.

 

SIGRHE – aceitação da colocação pelo candidato

 Nota informativa

Listas

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/reserva-de-recrutamento-n-o-15-3/

Os professores precários e as razões de o serem

Maioria dos contratos são precários, com a duração de um mês

De acordo com o blogue DeArlindo, especializado em estatísticas relacionadas com a educação, já entraram 19874 professores nas escolas desde o início do ano letivo. No mesmo período de 2018/19, este número estava fixado nos 18094. O autor do blogue, Arlindo Ferreira, explica ao i que a grande maioria destes docentes contratados tem contratos precários, com a duração de apenas um mês, que “no melhor dos casos é renovado por um outro”.

Já Mário Nogueira, secretário-geral da Federação Nacional dos Professores (Fenprof), disse ao i que este aumento da contratação de docentes tem que ver com o envelhecimento da profissão e com o maior desgaste destes profissionais, que leva a mais docentes com situação de baixa médica.

“Temos hoje um corpo docente que é muito envelhecido, quase que não temos professores com menos de 40 anos, enquanto que uma grande percentagem tem mais de 60 anos. É natural que num contexto destes hajam mas baixas médicas, visto que estamos a falar de um grupo que está numa fase onde o desgaste é maior, tanto físico como psicológico, e onde vão surgindo doenças”, explica.

Segundo o relatório “Education at a Glance 2019”, da OCDE, Portugal é dos países com o corpo docente mais envelhecido, com cerca de 41% dos docentes do ensino básico e secundário em Portugal tem mais de 50 anos. Por outro lado, apenas 1% dos professores portugueses tem menos de 30 anos.

Também Mário Nogueira afirma que esta maior contratação continua a ser uma insistência na precariedade e acusa este e anteriores Governos, tal como Tiago Brandão Rodrigues, ministro da Educação, de “andar alegremente a olhar para a situação e fazer rigorosamente nada, tal como se vê no Orçamento do Estado 2020, onde não está previsto nada para contrariar esta situação”, o envelhecimento e a falta de atratividade da profissão.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/os-professores-precarios-e-as-razoes-de-o-serem/

A Ler com Atenção – Porque Insistem Em Enganar Quem Lê Apenas Os Títulos

Porque Insistem Em Enganar Quem Lê Apenas Os Títulos

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/a-ler-com-atencao-porque-insistem-em-enganar-quem-le-apenas-os-titulos/

E Nem Uma Mensagem Sobre Isto dos Nossos Políticos

Vinte agressões nas escolas em três meses

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/e-nem-uma-mensagem-sobre-isto-dos-nossos-politicos/

Mais 1741 professores a contrato

 

Escolas ganham quase dois mil professores no final do ano

Foram colocados nas escolas mais 1741 professores a contrato, entre Novembro e Dezembro, para substituírem docentes do quadro que se encontram ausentes, sobretudo devido a baixas médicas, avança o “Público”.

As listas das últimas colocações de 2019, abrangendo 245 professores, foram divulgadas no dia 27 de Dezembro pela Direcção-Geral da Administração Escolar (DGAE), responsável pela gestão de recursos humanos.

Citando um balanço realizado pelo blogue “DeArlindo”, especializado em estatísticas da educação, o jornal dá conta que, desde o início do actual ano lectivo, chegaram às escolas quase 20 mil professores contratados. No mesmo período de 2018/2019, este número rondava os 18 mil. Este aumento, explica o “Público”, tem sido justificado também pela subida do número de professores em situação de baixa médica, que se tornou a face mais visível do facto de quase metade dos professores do ensino básico e secundário terem já 50 anos ou mais.

Dos 245 docentes colocados no final de Dezembro, 38,3% vão assegurar aulas no 1.º ciclo ou reforçar o grupo de Educação Especial. Educação Pré-Escolar, Educação Física e Português foram os outros três grupos com mais colocados nesta fase.

Ainda segundo o blogue “DeArlindo”, dos docentes colocados até ao final de Dezembro, 649 já iam no segundo contrato e 73 tinham chegado ao terceiro, sendo que, quando deixam de ser necessários nas escolas, os professores a contrato regressam à reserva de recrutamento.

Quase dois mil professores chegaram às escolas entre Novembro e Dezembro

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/mais-1741-professores-a-contrato/

Mensagens De Ano Novo Para O Ministro – Educare

Mensagens De Ano Novo Para O Ministro – Educare

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2020/01/mensagens-de-ano-novo-para-o-ministro-educare/

Load more

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: