adplus-dvertising

5033 assinaturas levam professores “lesados nos descontos” à Assembleia da República

Este grupo de colegas tem-se mostrado irredutível na sua luta por justiça. Na Luta por algo que nem sequer devia ter lugar. Mais uma maneira de prejudicar quem trabalha no futuro e não proporcionar a estes professores os mesmos direitos que a outros.

 

Definem-se como “os mais precários” dos professores e dizem que estão a ser “lesados” há anos

Nova petição foi entregue nesta sexta-feira no Parlamento. Em causa está o modo como os contratos em horários incompletos são encarados para efeitos de descontos, levando a que “vinte anos de trabalho diário sejam convertidos em apenas entre cinco a dez anos de carreira contributiva”.

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2019/03/4850-assinaturas-levam-professores-lesados-nos-descontos-a-assembleia-da-republica/

1 comentário

1 ping

    • Ricardo Pereira on 9 de Março de 2019 at 11:20
    • Responder

    Bom dia,
    Foram 5033 assinaturas, existe um lapso na notícia do público.
    Obrigado


  1. […] duas petições, uma primeira com cerca de 1000 assinaturas e, mais recentemente, mais de 5.000 assinaturas reforçam a justa […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: