adplus-dvertising
adplus-dvertising

2 de Setembro de 2015 archive

Há Dias…

… em que o dia não dá para mais.

on-off

Amanhã novo dia nascerá, PONTO

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/09/ha-dias/

Hoje de Manhã, num Mega

Fiquei no “balcão” da “cozinha” e não participei na luta por um lugar sentado.

A mega estupidez veio para isto, para descaracterizar qualquer ambiente salutar dentro de uma escola.

Neste caso serviu para unir por falta de espaço.

 

FB_IMG_1441215324241

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/09/hoje-de-manha-num-mega2/

Exemplos do Absurdo – Episódio 1024

Para além do mesmo docente poder ser colocado em várias escolas também pode ser colocado em vários horários da mesma escola.

Não é novidade, mas serve para reforçar a ideia do absurdo.

received_10204741353561949

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/09/exemplos-do-absurdo-episodio-1024/

Já Começam as Colocações Duplicadas

Se o MEC acha que isto não é problema isto acontecer, quero ver quando este pequeno exemplo se transformar em grandes proporções.

 

1

 

 

A esta hora não consigo aceder à aplicação SIGRHE, não sei se o mesmo acontece com vocês.

 

manu

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/09/ja-comecam-as-colocacoes-duplicadas/

Soltas sobre o Fisco e as Despesas de Educação

Ano escolar arranca com dúvidas nas deduções de educação – Dinheiro Vivo

Apenas despesas de educação com IVA reduzido são dedutíveis no IRS – RTP Notícias

Fisco desconhece que despesas de Educação contam para IRS – RTP Notícias

Fisco muda regras de despesa escolar – Correio da Manhã

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/09/soltas-sobre-o-fisco-e-as-despesas-de-educacao/

Notícias Soltas do Dia de Hoje

Dois terços dos professores sem turma estão no Norte | Económico

Quadros “estáveis e eficientes” mas aulas sem mais qualidade | Económico

Aulas arrancam sem todos os professores – JN

Quase metade dos professores contratados desistiram de dar aulas | Económico

Retratos do pré-arranque letivo » Educare – O Portal de Educação

Câmaras evitam conflitos e até dão mais poder às escolas – Portugal – DN

Como chegam os professores às escolas? – PÚBLICO

Noticias ao Minuto – Há doutorados a candidatar-se a funcionários de escolas

Alguns dos novos funcionários das escolas podem ser tratados por doutor – PÚBLICO

“Municipalização” do Ensino em Azeméis arranca com contratação de 17 funcionários » Educare – O Portal de Educação

Bolsa de contratação de escola arranca esta quarta-feira – Jornal de Negócios

Professores contratados querem rever regime de concursos com novo governo » Educare – O Portal de Educação

Continue a ler

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/09/noticias-soltas-do-dia-de-hoje-54/

Alunos especiais só têm meia hora de apoio por semana

A ler aqui no Incluso.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/09/alunos-especiais-so-tem-meia-hora-de-apoio-por-semana/

Pesquisa pela Ordenação nas BCE

Uma aplicação tão simples que podia ter sido a DGAE a fazer sem que tivesse de haver trabalho em procurar todas as listas de ordenação nos sites das escolas e transformá-las em ficheiros que permitam a sua leitura numa base de dados.

Clicar na imagem para seguir o link.

 

bce procura

 

 

NOTA: Às 12:00 só estavam inseridas 11 escolas na base de dados, num universo de 303 agrupamentos/escolas não agrupadas.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/09/pesquisa-pela-ordenacao-nas-bce/

Contentamento Descontente – Grupo 120

Foram vários os relatos que me chegaram sobre o grupo 120.

Alguns deles de docentes que viram o seu recurso ganho às habilitações para este grupo de recrutamento e nem puderam manifestar preferência neste grupo. São erros atrás de erros num grupo que eu sempre disse que também não percebia bem as regras da certificação, tamanha a confusão e a contradição de respostas da DGAE nessa altura.

Escolhi este que me chegou ontem.

 

O amor à profissão docente assemelha-se, cada vez mais, a um contentamento descontente, a uma luta diária desleal, que nos lacera e desgasta. Escrevo-lhe porque admiro a sua entrega a esta profissão, por estar sempre na linha da frente, vestindo a camisola por milhares de docentes, por colocar o dedo na ferida, levantando o véu a tantas injustiças na educação. Sou docente do GR 120, sempre estive na fileira da frente a lecionar a AEC de Inglês (desde 2005/2006), assisti a muitas injustiças, a trabalho precário, colegas a serem pagos a 5€/hora… sempre fomos os “outros” docentes, ultimamente nas listas dos não docentes dos agrupamentos, aqueles que “aturam”, na boca de uns, as crianças ao fim do dia, um trabalho muito pouco dignificante, na boca de outros! Sempre me orgulhei da minha profissão e nunca desisti porque acredito que está nas nossas mãos o futuro do nosso país, porque acredito que a educação é a pedra basilar de uma sociedade que se diz desenvolvida, porque acredito que podemos fazer a diferença em prol de um futuro melhor para os nossos filhos. Quando foi anunciada a criação do GR 120, acreditei seriamente que, finalmente, se estava dignificar  não só a disciplina per se, mas também os docentes que sempre lecionaram a AEC de Inglês, oferecendo melhores condições de trabalho, valorizando a importância dos “outros” docentes na educação das crianças do nosso pequenino país.

No entanto, do deslumbramento surgiu o pesadelo.

Realizei o Curso de Complemento de Formação a muito custo, relegando a vida familiar totalmente para segundo plano, dois filhos, um deles recém-nascido…

Durante 4 meses, com aulas aos sábados e de terça a sexta-feira, ininterruptamente, saía direta das AEC, às 17.30, e encarava uma viagem de 50 minutos, onde aproveitava para reconfortar o estômago, para assistir às aulas até às 22h, entre testes e trabalhos… Mais 50 m de regresso a casa… Sim, porque nós, os “outros” docentes, sempre servimos para lecionar Inglês, mas como se tornou obrigatório, tivemos que gastar o que se tinha e, por vezes, o que não se tinha… Curso concluído, seguiu-se o pedido de certificação na plataforma.

Incompreensivelmente vi o pedido não conforme….

Motivo?

A declaração comprovativa de 1 ano de experiência da escola não estava de acordo com o regulamentado… curiosamente a docente que leccionava comigo, utilizando a mesma minuta, viu o seu pedido conforme… onde fica a uniformização de critérios?

Além disso, para frequentar o curso tive que comprovar que tinha 1 ano de experiência, nos verbetes provisório e definitivo está validado pela escola que possuo a referida experiência… De seguida, recebi a notificação de exclusão das listas do GR 120, da qual apresentei recurso hierárquico e não obtive qualquer resposta até hoje. Fui, ainda, notificada por carta da não conformidade do pedido de certificação, da qual recorri e já obtive resposta favorável.

A verdade é que fiquei impedida de manifestar preferências à CI/RR, por estar excluída.

Entretanto, as listas de colocação saíram e eu teria ficado colocada a 30 minutos de casa se tivessem sido céleres nos pedidos de certificação e na resposta aos recursos hierárquicos. A verdade é que teria colocação em três escolas localizadas perto da minha área de residência, vagas que foram preenchidas por colegas com menos graduação profissional do que eu.

Mais grave, há colegas nas listas que não concluíram os referidos Cursos de Complemento nem obtiveram o CiPELT e foram colocados.

Como é possível?

Apenas excluíram os docentes que fizeram o pedido de certificação profissional?

E aqueles que as escolas validaram os cursos e não os chegaram a concluir?

Esqueceram-se de verificar se esses docentes cumpriam o legislado?

Parece-me que não! E agora?

Apresento recurso do recurso?

Atentamente,

MF

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/09/contentamento-descontente-grupo-120/

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: