adplus-dvertising

9 de Julho de 2015 archive

Consequências Práticas De Políticas Teóricas

 

Entra-se numa escola e aquilo é só velhas!

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/consequencias-praticas-de-politicas-teoricas/

Partidos admitem aprovar regime especial de aposentação para os professores… ou será ano de eleições?

Será que admitem mesmo?…

… “A petição defende a pré-aposentação dos professores aos 55 anos de idade ou 32 anos de serviço, e a aposentação a partir dos 36 anos de serviço, independentemente da idade.

O sindicato propõe ainda a aposentação aos 35 anos de serviço, para os professores do 1.º ciclo do ensino básico.”

parlamento_ar_plenario_lusa

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/partidos-admitem-aprovar-regime-especial-de-aposentacao-para-os-professores-ou-sera-ano-de-eleicoes/

As 60 sombras da minha docência

Começou o tempo das despedidas.

Organizam-se os dossiês, fazem-se vigilâncias, recriam-se turmas, concluem-se relatórios, avaliam-se atividades, inventariam-se materiais, renovam-se matrículas, reúne-se com pais…

Confesso, há um compasso de tristeza nas paredes vazias de livros de ponto, nos corredores mortiços e estagnados de bafo morno.

2Sob os meus passos dobra-se o entrecortado silêncio e sinto o corpo moído. Do calor ácido que se vive dentro destas paredes, da exaustão que as horas contadas provocam, do interminável compasso de espera.

Os rostos cruzam-se brevemente, mas noto, também nos que me rodeiam, a exaustão do fim. Uma ou outra notícia de jornal fala já no início do ano que vem, nos “novos” programas que entram agora em vigor, nos concursos que arrancam outra vez, porém, a única coisa que desejo é que se calem todos, que me deixem em paz, exaurida que fiquei destes corredores curvos.

Ao contrário do que imaginei, não sinto uma alegria desenfreada por partir deste espaço. Apenas um vazio opulento e extremado.

Ao olhar para esta gigantesca casa, esta máquina trituradora de pessoas, só me ocorre o contraste com uma outra onde estive recentemente numa formação. Escola antiga, remodelada, a tecnologia ao dispor de quem entra, os cursos profissionais realmente vocacionados para o mundo que os espera. O seminário, internacional, era composto por professores que iam percorrendo workshops à sua escolha. Quem os recebia e conduzia? Alunos como os meus, mas sem bonés de pala, sem arrotos, sem o cabo das tormentas exposto ao mundo.

Perguntei à responsável do centro, como tinham conseguido tal feito. Respondeu-me que lançara o desafio em turmas diferentes de várias escolas daquele concelho. Turmas profissionais, vocacionais, de eletrotecnia, hotelaria, turismo. E, assim, condensados numa escola que não era a sua, tinham ficado responsáveis por auxiliar a organização do centro de formação.

Dava gosto vê-los poisar os aperitivos com um sorriso recatado, esclarecer a localização de salas como se se estivesse dentro de um respeitável museu, ajudar os formandos e os formadores quando o computador se revelava mais teimoso e inteligente que os dois juntos, servir o almoço, disfarçando a inexperiência e o decalque fino do suor nas mãos nervosas.

O meu espanto adveio do facto de, subitamente, perceber que tudo aquilo fazia sentido, para nós, para eles. O que não faz sentido nenhum é a escola, os pais, tudo o resto não perceberem isso, assumindo, simplesmente, que a sala de aula tem de estar cheia e nós temos de gramar com aquele peso todo às costas…

Não me inibi de dar os parabéns àqueles jovens e à diretora do Centro de Formação (AlmadaForma), pela eficácia do seu gesto que criou tão inusitadas pontes. Os próprios professores estavam estupefactos com o empenho que um convite tão simples suscitou. Pensei apenas que, numa escola assim, eu podia ser feliz. Bastaria o sonho de alguém, bastariam gestos, bastariam as pessoas para tudo mudar.

Aqui. Aqui o mundo é apenas redondo e de uma bestialidade quadrada.

Abraço rapidamente dois ou três colegas que soçobraram no desânimo de dias pusilânimes. Como na encruzilhada de uma estrada, aqui nos separamos.

Do passado sigo despida de saudades. Vá para onde for, a bagagem pesada fica à beira desta estrada.

Quem sabe, no ano que vem, conseguirei, de facto, ser uma professora a sério…

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/as-60-sombras-da-minha-docencia-2/

Só Dez?

 

Dez escolas investigadas por notas inflacionadas.

 

E aquelas, cujos conselhos de turma estão pejados de solidários bandeirantes e que, se o menino não dá para mais, passa para não dar problemas, ou seja, que pague a dívida quem vier depois, já que o génio da nota dez está na botelha?

 

“Dá-lhe um dez, todos sabemos que dez é negativa.”

 

Eu não sabia. O que eu sei é que o desvio da média não altera a média.

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/so-dez/

Direto RTP @festivais – NOS alive’15

Fonte: Direto RTP @festivais (Em Direto)

 

horários-do-nos-alive15

 

Como já começou…

Bons concertos. 😉

 

Concertos já confirmados na transmissão online.

 

Dia 9
00:10 Muse (Palco NOS)
01:30 X-Wife (Palco Clubbing)
23:10 Cavaliers of Fun (Palco Heineken)
22:25 Alt-J (Palco NOS)
21:25 Metronomy (Palco Heineken)
20:00 Capitão Fausto (Palco Heineken)

18:50 Young Fathers (Palco Heineken)
18:00 Eclair Fifi (Palco Clubbing)
18:00 The Wombats (Palco NOS)
17:50 Señores (Palco Heineken)
17:00 Cityspark (Palco Clubbing)
17:00 Galgo (Palco Heineken)

Dia 10
02:45 Róisín Murphy (Palco NOS)
23:30 Future Islands (Palco Heineken)
23:25 Batida (Palco Clubbing)
20:50 Capicua (Palco Clubbing)
19:20 DJ Kamala (Palco Clubbing)
18:50 Cold Specks (Palco Heineken)
18:00 Skip&Die (Palco Clubbing)
17:00 Daniel Kemish (Palco Heineken)

Dia 11
01:30 Flight Facilities (Palco Heineken)
23:00 Chet Faker (Palco NOS)
21:10 Mogwai (Palco Heineken)
20:30 Riton (Palco Clubbing)
19:30 Counting Crows (Palco NOS)
19:00 Alex Metric B2B Aeroplane (Palco Clubbing)
18:00 HMB (Palco NOS)
18:00 Feadz (Palco Clubbing)
17:40 Soldier’s Heart (Palco Heineken)

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/direto-rtp-festivais-nos/

Resultados das Provas Finais do 3º Ciclo

RESULTADOS DAS PROVAS FINAIS DE 3.º CICLO DO ENSINO BÁSICO

 

resultados 3 ciclo

 

Na 1.ª fase das Provas Finais do 3.º Ciclo do Ensino Básico de 2015, obrigatória para todos os alunos internos em condições de admissão, foram realizadas 189 954 provas, referentes às disciplinas de Português (91), de Matemática (92) e de Português Língua Não Materna (93 e 94).

Este ano, pela primeira vez e à semelhança do que já se verifica nos 4.º e 6.º anos, as Provas Finais do 9.º ano realizam-se em duas fases, proporcionando assim uma nova oportunidade para alguns alunos recuperarem os resultados da sua aprendizagem, após um período de estudo.

A média das classificações da 1.ª fase é de 58% na disciplina de Português e de 48% na disciplina de Matemática. Comparando com 2014, verifica-se uma subida de três pontos percentuais a Português e uma descida de três pontos percentuais a Matemática. Relativamente às taxas de reprovação, verificou-se uma relativa estabilidade face a 2014, em ambas as disciplinas.

O Ministério da Educação e Ciência salienta que estes resultados mostram ainda a existência de uma percentagem elevada de alunos com dificuldades significativas nestas disciplinas estruturantes, o que vem confirmar a necessidade de as escolas identificarem cada vez mais cedo essas dificuldades nos primeiros anos do ensino básico, aplicando as medidas de apoio definidas e implementadas pelas escolas desde 2012.

Analisando as classificações mais elevadas, contudo, verifica-se uma subida de 23 para 26 por cento dos alunos com notas de nível 4 e 5 a Português, e de 26 para 27 por cento a Matemática. O nível 4 corresponde a uma classificação entre os 70 e os 89 pontos e o nível 5 entre os 90 e os 100, numa escala de zero a 100 pontos.

Na prova de Português observou-se que 77% dos alunos obtiveram uma classificação igual ou superior a 50%, e que metade dos alunos obteve classificação igual ou superior a 50% na prova de Matemática. Verificou-se também, em ambas as disciplinas, uma elevada proximidade entre as classificações internas dos alunos e as classificações obtidas nas Provas Finais, com coeficientes de correlação significativos de 0,78 e de 0,60 a Matemática e a Português, respetivamente.

No processo de classificação das provas finais do 3.º ciclo estiveram envolvidos 4 557 professores classificadores do 3.º ciclo do ensino básico, cujo empenhado trabalho foi fundamental para um rigoroso cumprimento dos prazos previstos para afixação das pautas. Na totalidade das provas finais do 3.º ciclo do ensino básico estiveram ainda envolvidos cerca de 10 000 docentes vigilantes e pertencentes aos secretariados de exames das escolas, cujo papel e desempenho foi fundamental para que a 1.ª fase tenha decorrido sem problemas de maior.

As provas finais do 3.º Ciclo do Ensino Básico de 2015 foram realizadas em 1 279 escolas localizadas em Portugal Continental, nas Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira e nas escolas no estrangeiro com currículo português.

O MEC salienta que as provas de avaliação externa têm como principal objetivo orientar alunos e professores no seu trabalho e,  simultaneamente, as escolas, o IAVE e o MEC. A todos cabe uma reflexão, uma análise e uma resposta não precipitada, que conduza a melhorar o ensino destas importantes disciplinas e os seus resultados.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/resultados-das-provas-finais-do-3o-ciclo/

Módulo Contratos e Aditamentos

Quase no fim do Ano Escolar foi publicado pela DGAE o módulo Contratos e Aditamentos.

 

Clicar na Imagem para aceder ao Manual de Utilizador para as escolas.

contratos e aditamentos

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/modulo-contratos-e-aditamentos/

Nova Sondagem do Blogue para as Legislativas

Esta é a terceira sondagem que faço para as eleições legislativas.

Os momentos em que as realizo são sempre após conhecer-se uma sondagem na comunicação social e não por outro motivo especial. A sondagem será fechada quando tiverem aproximadamente votado mil pessoas e a votação encontra-se bloqueada para mais de um voto por IP. Tendo em conta que a larga maioria dos votantes são professores esta sondagem representa apenas a tendência de voto da classe docente.
[polldaddy poll=”8971772″]

Os resultados da 1ª sondagem encontram-se aqui e os da 2ª sondagem aqui.

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/nova-sondagem-do-blogue-para-as-legislativas/

A Utilidade do UTILatas

…serve também para fazer a contabilização das reuniões ao longo do ano.

E se a experiência de trabalho com alunos do 1º ciclo foi extremamente grata, já não posso referir o mesmo sobre o funcionamento deste nível de ensino no que respeita ao trabalho fora da sala de aula.

E por isso, para experiência terá chegado.

Se alguém quiser seriamente reduzir o trabalho burocrático dos professores, que comece a analisar dados como este.

 

reuniões 42

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/a-utilidade-do-utilatas/

Já Descobriram os 25 Professores das RA do 910!

E pelo que sei de alguns já foram integrados em lugar de quadro.

 

Os docentes das RA que desapareceram das listas de colocações, não colocações e exclusões do concurso interno e que concorreram ao grupo 910 efectuaram recurso hierárquico pelo seu desaparecimento das listas. Ontem recebi informação que pelo menos dois casos viram o seu recurso deferido e já foram integrados no lugar de quadro a que tinham direito.

Assim, por erro do MEC foram necessariamente abertos mais lugar de quadro neste grupo de recrutamento.

São erros destes que os professores agradecem.

 

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2015/07/ja-descobriram-os-25-professores-da-ram-do-910/

Load more

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: