Tesourinho Contratual

De uma escola que deve ter parado no tempo e usa a entrevista como subcritério com um peso de 50%.

 

Screenshot_2014-10-23-10-30-52

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2014/10/tesourinho-contratual-24/

10 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • IR on 23 de Outubro de 2014 at 11:28
    • Responder

    Agradeço o favor de me informarem se continua em vigor, em termos legislativos, o sistema de tranches de 5 candidatos para a aplicação da Avaliação Curricular nos concursos de Contratação de Escola, já que constato que alguns agrupamentos estão a recorrer a este sistema??

      • RF on 23 de Outubro de 2014 at 11:46
      • Responder

      Não.

    • anonimo on 23 de Outubro de 2014 at 11:39
    • Responder

    Esta é só mais uma prova de entre muitas que se há diretores que são corruptos, ou melhor, que fazem as leis à sua maneira, a única maneira de acabar com isso é apenas passar a contratação (total) para as escolas (para a direção) escolher os afilhados!
    Uma palavra de apreço para os diretores que (ainda) são sérios.

    • IR on 23 de Outubro de 2014 at 12:19
    • Responder

    IN – http://www.esam.pt/images/concursos/14-15/criterios_14-15.pdf
    E S C O L A  S E C U N D Á R I A  A L V E S  M A R T I N S Desde 1849 ao Serviço do Ensino Público em Viseu
    CONTATAÇÃO DE ESCOLA – Critérios de Seleção e de Ordenação Pág. 1/2
    I – CRITÉRIOS OBJETIVOS DE SELEÇÃO (Grupos de recrutamento previstos no Decreto -Lei n.º 27/2006, de 10 de fevereiro)
    a) Graduação profissional nos termos do n.º 1 do artigo 11º do Decreto-Lei n.º 132/2012, de 27 de junho, com a ponderação de 50%;
    b) Avaliação curricular, com a ponderação de 50%.
    Notas:
    1. Os candidatos são ordenados de acordo com o critério na alínea a), sendo a lista divulgada na página eletrónica da escola (www.esam.pt);
    2. A aplicação do disposto na alínea b) é feita por tranches sucessivas de cinco candidatos, até à satisfação das necessidades.
    3. Esgotada a possibilidade de contratar docentes profissionalizados, serão selecionados docentes com habilitação própria. (…)

      • Daniel on 23 de Outubro de 2014 at 13:41
      • Responder

      Mas deixou de ser obrigatório.

        • Carlos Plágio on 23 de Outubro de 2014 at 14:54
        • Responder

        Houve uma nota informativa que não é clara – e que não se sobrepõe à legislação-, pelo que continua a poder-se seguir o método das tranches, aplicável a toda a contratação pública desde que dado a conhecer antecipadamente aos candidatos, como fazem algumas escolas nos avisos de abertura dos concursos. Creio que apenas as escolas que gostem de multiplicar trabalho não o seguirão.

          • Daniel on 23 de Outubro de 2014 at 23:55

          Mas trances de 5 são claramente reduzidas atendendo às não aceitações, como se provou o ano passado.

    • PipaII on 23 de Outubro de 2014 at 16:16
    • Responder

    Sim, isto é escola para ter parado no tempo, mas não é só nisto e o tempo deles já lá vai há muito!

    • sim on 24 de Outubro de 2014 at 10:14
    • Responder

    procurem ver o horário nº 10, grupo 600 do Agrupamento de Escolas de Barcelos.

    • maria on 24 de Outubro de 2014 at 23:08
    • Responder

    Lista única de graduação e termina a brincadeira e os tesourinhos. Será que alguém consegue explicar-me a relação entre os sub-critérios escolhidos e o perfil (especificidade) da escola. O que existe é uma escolha de critérios addoc.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: