Primeira Impressão Sobre a Aplicação do Concurso

Tendo-se cumprido já dois dias com a aplicação do concurso aberta não posso deixar de dizer que o funcionamento da aplicação está a surpreender-me pela positiva.

Se a comparação mais próxima que existe foi a do concurso efetuado em Julho de 2012, onde a aplicação esteve suspensa durante alguns dias, estes dois primeiros dias têm funcionado sem qualquer problema apesar de ainda só estar em funcionamento a primeira slot de candidatos.

O e-Bio também funciona como uma mais valia para o concurso, visto que os dados já inseridos são quase todos recuperados. Daí sempre ter considerado positivo a introdução deste registo biográfico electrónico.

No que respeita à manifestação de preferências também foi dado um salto qualitativo muito grande com a possibilidade de serem introduzidos códigos para uma ordem específica.

Resumindo, esta aplicação encontra-se muito próxima da perfeição. Espero não ter de mudar de opinião com a entrada em funcionamento da 2ª slot em simultâneo durante oito dias.

 

 

 

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2013/04/primeira-impressao-sobre-a-aplicacao-do-concurso/

28 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • sergion on 24 de Abril de 2013 at 14:02
    • Responder

    Por isso era bom que a malta da 1ª “slot machine” se despachasse até amanhã, não deixando, como é hábito português, tudo para as últimas, colidindo com o pessoal da 2ª e contribuindo para “emperrar” o sistema!…


    1. Ora pois claro!! E assim os primeiros a concorrer tinham apenas 3 dias para concorrer enquanto que a 2º slot teria 12 dias para efetuar a mesma candidatura..parece-me bem!! Pelo amor da santa! O meu prazo acaba a 3 de maio e se só conseguir concluir e submeter a minha candidatura nesse dia é isso que irei fazer, como boa portuguesa que sou 🙂


  1. Concordo, a aplicação está melhor! Não foi abaixo, não bloqueou, não se tornou repetitiva (comcorro a 2 grupos de recrutamento e não tive de estar a preencher 2 vezes a mesma coisa, este ano, se quisermos, podemos “importar” as preferências de um grupo para o outro!).

    Fiquei agradavelmente surpreendida!

    Só é chato termos de andar de menu em menu para poder submeter a candidatura no final… 🙂

    • Rui Barroso on 24 de Abril de 2013 at 15:11
    • Responder

    Não sei se será problema mas há uma situação que não está a funcionar correto. Um docente que queira transitar de grupo tem, obrigatoriamente, de concorrer ao grupo em que está colocado. No entanto, como pretende, em primeira opção, candidatar-se à transição de grupo, o sistema não deixa colocar essa transição como 1ª opção. Fica sempre o grupo a que pertence em 1ª opção. Desta forma, um docente de QZP que queira mudar do Pré-Escolar para a Educação Especial vai ter que colocar a zona + um agrupamento fora dessa zona na 1ª opção do Pré-Escolar e só depois pode concorrer à transição para a Educação Especial. Não está muito correto. Não sei se a situação se está a passar com outros colegas mas já passei por isto.

      • Nuno Coelho on 24 de Abril de 2013 at 16:28
      • Responder

      Rui
      Isso não é um erro da aplicação, mas uma decisão da DGAE.

      • ratatui on 24 de Abril de 2013 at 18:25
      • Responder

      Colega, estou na mesma situação que o colega e, na primeira impressão que tive, é que temos de concorrer primeiro, dentro do nosso grupo de recrutamento para mudar de quadro e só depois para mudar de grupo. Será isto? A manifestação de preferências faz-se primeiro para mudar de quadro, depois para a mudança de grupo e depois para o nosso QZP. Eu fiquei aterrorizada com tanta manifestação!!!

    • imho on 24 de Abril de 2013 at 15:23
    • Responder

    Arlindo,
    muito bom ler algo assim. Que tudo está a correr bem e a sua honestidade.

    Continuação de bom trabalho:-)

    • Rui MIranda on 24 de Abril de 2013 at 15:34
    • Responder

    Boa tarde Arlindo,

    A manifestação de preferências que se colocam agora são apenas para o concurso dos quadros?

    Depois haverá uma segunda fase para os contratados?

    Obrigado


    1. “A manifestação de preferências que se colocam agora são apenas para o concurso dos quadros?”
      “Depois haverá uma segunda fase para os contratados?”

      De facto assim o é pois, neste concurso, um contratado (presumo que o sejas, tal como eu) vai procurar uma agulha num palheiro, ou seja, vai “tentar” entrar nos quadros (virtualmente impossível) pelo que, na manifestação de preferências, apenas podemos colocar os códigos de zonas pedagógicas, concelhos e escolas. Como tal, neste primeiro momento, não há lugar a manifestação de preferências quanto à tipologia de horário e duração.

      Num segundo momento, todos os docentes que não conseguiram provimento passam automaticamente ao Concurso das Necessidades Temporárias onde, para os contratados, há lugar à manifestação de preferências (se ainda existirem horários esse será o “nosso” concurso – Contratação Inicial).

      Podes confirmar a informação no aviso de abertura ou, de uma maneira mais simples, em http://www.arlindovsky.net/2013/04/power-point-de-apresentacao-do-concurso/

      Não sendo o Arlindo, espero que a resposta tenha ido de encontro à tua dúvida.

        • Rui MIranda on 24 de Abril de 2013 at 16:59
        • Responder

        Muito obrigado.

        Obviamente a entrada para os quadros é impossível, acho que nem virtualmente….

        Na escola onde lecciono a polémica está instalada. Em 2007 a escola tinha 6 professores
        do quadro que entretanto se reformaram, estando nesta altura com dois.

        Verifica-se a contratação de 5/6 professores ao longo destes últimos quatro anos e o presidente da CAP
        deu como informação – 4 vagas…… em vez de dizer que precisava de +4 para preenchimentos das vagas dos
        colegas que se reformaram. Penso que este erro também se verificou em muitas outras escolas.
        Enfim, é asneira atrás de asneira….

        • Antonio Fernandes on 28 de Abril de 2013 at 12:18
        • Responder

        Olá sendo contratado sou obrigado a manifestar um mínimo de preferências (Escolas/ Concelhos/ qzps) ou posso só colocar os QZPs?
        Não é pelo trabalho de os colocar. Não vejo é lógica em o fazer…..

        Obrigado


  2. se não houvesse mesmo nenhuma vaga positiva é que não haveria problema nenhum?…

    faz-me lembrar uma mesa toda bem posta, mas sem comida…

    • Maria on 24 de Abril de 2013 at 16:27
    • Responder

    Está prática, sim senhor. Pena pena é só podermos colocar 50 concelhos, acaba por ser pouco…

    • joao on 24 de Abril de 2013 at 19:02
    • Responder

    Olá
    Sou qzp.
    Na manifestação de preferências onde preencho? onde somente diz preferências ou preferências QZP? alguém me pode esclarecer


  3. Apenas critico o facto de não ser funcional em todos os browsers. No chrome deu algumas broncas ontem. Quando mudei para o IE já havia total compatibilidade.

    • Sebentadigital on 24 de Abril de 2013 at 19:38
    • Responder

    Até ao momento, ainda ninguém me conseguiu explicar quem efetivamente concorre na 1ªprioridade. Numa escola onde se sabe desde logo que há vagas negativas e que os últimos colegas da lista de graduação não terão componente letiva no próximo ano não seria de esperar que fossem estes a concorrer na 1ªprioridade? Ao que parece as escolas não estão a dar esta informação nesta fase. É o que se passa nas várias escolas?

    • Shue on 24 de Abril de 2013 at 21:25
    • Responder

    Hoje não tive ainda oportunidade de usar a aplicação mas ontem dava erro a cada passo que se inseria.
    Poderá ser do browser, uma vez que nunca uso o “internet explorer”, mas ao dinheiro que os ténicos recebem deviam ter vergonha de tal acontecer.

    • Aurea on 24 de Abril de 2013 at 22:35
    • Responder

    Manifestação de Preferências.
    Sou QZP do 03, no preenchimento das preferências, posso intercalar as escolas do meu QZP com as de outro para o qual tenho interesse em vincular? E no preenchimento do “Preferências 5.1.7 – QZP”, volto a colocar as escolas que me interessam fora do meu QZP?

    • Astros on 24 de Abril de 2013 at 22:52
    • Responder

    Sebentadigital isso também se passa na minha escola. Após falar com o director sobre essa situação, não soube explicar como o processo decorre, em relação aos que devem concorrer por ausencia de componente lectiva. No entanto, também preciso de esclarecer essa dúvida, por que não sei se vou ter horário ou não, com -4 na escola, e 3 colegas estão destacadas e 1 em licença. Dúvida: quando é que se concorre, se efectivamente não tiver horário (que só saberei lá mais para junho/julho)? em relação ao ano passado isto está diferente. Deve-se preencher a candidatura agora, ou virá outra fase para os DACL?

    • chapas on 24 de Abril de 2013 at 23:48
    • Responder

    olá, também liguei para a minha escola para saber da minha situação. No ano passado fiquei em DACL noutra escola. Este ano o meu grupo está com 10 vagas negativas no agrupamento e como tal penso que não terei componente letiva. Pergunto na escola pela minha situação e não me dizem se tou em horário zero e nem sedevo concorrer na 1º ou 2º prioiodade?!
    Ninguém me explica o que fazer por favor?

      • José on 25 de Abril de 2013 at 14:19
      • Responder

      Colegas,
      acho que há aqui confusão. Pelo que li, apenas os colegas que têm horário zero e que pertencem a escolas que foram FUNDIDAS é que concorrem em 1ªprioridade, não se refere a todos os DACL. O Dacl de outra escola, mesmo que continue agora em horário Zero, concorrem na segunda. Estarei errada?


  4. Olá, quero deixar a seguinte questão:
    Sou QZP do concurso extraordinário, na candidatura aparecem duas preferências, a primeira para preenchermos com o nosso QZP e a segunda com escolas de outros. Porquê esta separação? Se as preferências forem consideradas por esta ordem estamos a concorrer em primeiro lugar para o nosso QZP? É que eu queria concorrer para outros QZPs em primeiro lugar! Alguém me consegue esclarecer?
    Obrigada

      • Aurea on 26 de Abril de 2013 at 22:30
      • Responder

      A DGAE respondeu-me assim a essa dúvida:

      Cara candidata Deve manifestar preferências de acordo com o art. 9º do Dec.-Lei nº 132/2012. Os docentes d QZP são obrigados a manifestar preferência por todas as escolas da área geográfica do seu quadro de zona e, no mínimo, por um código de agrupamento de escolas/escola não agrupada de outro QZP. O procedimento de manifestação de preferências na aplicação informática encontra-se descrito no MANUAL DE INSTRUÇÕES – Candidatura Eletrónica Concurso – Interno e Externo- QZP Com os melhores cumprimentos DSCI/DGAE

      Continuo sem saber como preencher as preferências e preferências 5.1.7- QZP.

        • ratatui on 26 de Abril de 2013 at 23:19
        • Responder

        Eu fico com a ideia de que nas Preferências concorremos para transitar de quadro e nas Preferências 5.1.7-QZP – devemos concorrer, no mínimo, a outro Agrupamento de outra escola e ordenar as preferências no nosso QZP.

          • Anabela on 26 de Abril de 2013 at 23:33

          Acho que vou ler a legislação outra vez pra ver se tiro todas as duvidas.
          Pq no manual não está bem explícito. Obrigada

          • Anabela on 26 de Abril de 2013 at 23:37

          Já agora, independentemente de como sejam colocadas as preferências, o máximo de 100 escolas/ agrupamento, 50 concelhos e 10 QZPs é para as 2 hipóteses, no total?


  5. Obrigada Aurea,
    segundo uma informação q obtive entretanto, parece que temos q colocar todas as preferências nas “preferências”, sejam do nosso QZP ou não e na 2ª “preferencia …. QZP” ai sim do nosso QZP. Mas segundo o manual de instruções as da 1ª preferência é q seriam do nosso QZP!Segundo o que eu entendi!
    Só espero não vir a fazer asneira e ser penalizada.
    Boa sorte.
    Obrigada

    • Rui Taveiras on 28 de Abril de 2013 at 15:31
    • Responder

    Boa tarde,
    os QZP das ilhas são obrigados a concorrer a 1 QZP e a um código de agrupamento de outro QZP, como os candidatos do continente, ou podem manifestar como quiserem, por exemplo: colocar apenas 1 código de agrupamento? (uma vez que não pertencem a nenhum qzp do continente, apenas pretendem mudar)
    Obrigado
    No ponto 4 do artigo 9º podemos ler
    “4 — Os docentes de carreira providos em quadro de zona pedagógica são obrigados a concorrer ao seu quadro de zona pedagógica e, no mínimo, a um código de agrupamento de escolas ou escola não agrupada de outro quadro de zona pedagógica.”
    no ponto 5 podemos ler que “os professores de carreira de zona pedagógica, cuja candidatura não esgote a totalidade dos agrupamentos de escolas ou escolas não agrupadas do âmbito geográfico de zona pedagógica a que se encontram vinculados, manifestam igual preferência por todos os restantes agrupamentos ou escolas não agrupadas dessa mesma zona pedagógica, fazendo-se a colocação por ordem crescente do código de agrupamento de escolas ou escola não agrupada.”

Responder a ratatui Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog