17 de Março de 2013 archive

O Cabo das Tormentas para Entrar no IEFP

Relato que me chegou das dificuldades em conseguir a requisição para o IEFP.
Depois não estranhem da pouca motivação dos professores que se encontram em DACL para este género de concursos.

 

Apresento-me: o meu nome é XXXX, sou professor do grupo 300, do quadro do Agrupamento XXX, em XXX.

Este ano letivo deparei-me na situação de DACL e, apesar de não estar obrigado a fazê-lo, decidi concorrer a escolas de concelhos vizinhos. Em boa hora o fiz, pois fui colocado bem perto, no Agrupamento de Escolas de XXXX, tendo não só sido muito bem recebido, como a experiência tem-se revelado gratificante e compensadora.

Adivinhando o que aí vinha, decidi ser opositor ao concurso do IEFP. Fui um dos 27, que depois foram reduzidos a apenas 7.

Obtive colocação no Centro de Emprego do Médio Tejo. Foi-me dado conhecimento desse facto, apenas por parte dos serviços do IEFP (via contacto telefónico), tendo sido convidado a estar no momento da apresentação dos formadores, no dia 4 do corrente, o que fiz com agrado.

Fui então informado que o meu caso encontrava-se pendente de autorização / requisição junto do Min. da Educação, algo que ainda não havia sido formalmente comunicado. Logo, a minha presença era vista com satisfação, mas não poderia iniciar funções. Nem eu nunca o faria, sem qualquer comunicação formal por parte do Min. da Educação, acrescento.

Tenho aguardado pacientemente por essa comunicação. Dado o impasse, na passada 5.a feira contactei os Serv. Administrativos do meu agrupamento. Disseram-me que todos os dados solicitados, bem como a o Parecer positivo por parte da Presidente da CAP, tinha sido já enviado quer por fax quer em suporte papel no referido dia 4 de março, mas que estranhamente no dia anterior ao meu telefonema (13 de março), haviam recebido um telefonema do Ministério, indagando sobre o porquê do atraso da documentação.

De acordo com o que me foi referido, foi novamente tudo enviado para Lisboa. Só espero que desta vez não se extravie.

Entretanto os meus novos colegas já começaram o trabalho, estando os formandos a ser prejudicados pela ausência de um dos formadores.

Esta “trapalhada” só prova a impreparação associada a alguma confusão que reinou neste referido Concurso.

Desconheço se o meu caso será caso único. Prometo que quando existir um desfecho para esta novela, entrarei de novo em contacto consigo.
 

Cumprimentos.

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/03/o-cabo-das-tormentas-para-entrar-no-iefp/

Sobre as Habilitações para a Docência

Neste post o De Freitas chama a atenção para a necessidade de revisão dos grupos de docência em especial para as formações obtidas através do processo de Bolonha que passa a exigir como habilitação profissional para a docência o grau de mestrado e que os grupos de recrutamento definidos pelo Decreto-Lei n.º 27/2006 deixaram de  corresponder à estrutura curricular exigida pelos novos graus académicos, tendo originado  situações de incompatibilidade entre os dois regimes jurídicos (resposta da DGAE).

A questão que o De Freitas leva à procuradoria de Justiça tem a ver com a conclusão do Mestrado em Inglês e Outra Língua estrangeira no ensino Básico que impedem estes docentes de concorrer aos grupos do 3º ciclo por ausência de portaria que regulamentem estes cursos para este nível de ensino.

Sei que o mesmo acontece com outros mestrados (nomeadamente de Educação Visual no Ensino Básico ESE Porto) que por inexistência destas portarias ficam impedidos os candidatos de concorrer aos grupos do 3ºCiclo/Ensino Secundário por os mesmos abrangerem o ensino básico e o ensino secundário.

Pela oportunidade do documento deixo-o aqui na integra.

resposta_dgrhe_provedoria_de_justiça_queixa_Página_1 resposta_dgrhe_provedoria_de_justiça_queixa_Página_2 resposta_dgrhe_provedoria_de_justiça_queixa_Página_3 resposta_dgrhe_provedoria_de_justiça_queixa_Página_4 resposta_dgrhe_provedoria_de_justiça_queixa_Página_5 resposta_dgrhe_provedoria_de_justiça_queixa_Página_6 resposta_dgrhe_provedoria_de_justiça_queixa_Página_7

Fica também aqui o ultimo mail enviado pela DGAE ao candidato.último_mail_resposta_dgrhe_Página_1

 

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/03/sobre-as-habilitacoes-para-a-docencia/

Blogosfera – Educar em Portugal

A insustentável leveza da democracia – uma crónica das causas profundas do sofrimento do nosso povo

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/03/blogosfera-educar-em-portugal/

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: