Entretanto. Faz-se o Apuramento de Vagas…

… e o panorama para a abertura de vagas QA/QE não deverá ser muito diferente daquilo que aconteceu no último concurso interno.

Quanto ao concurso externo anual (Norma travão) as vagas deverão andar naquilo que já consegui apurar.

E o que vai acontecer novamente este ano é que vão entrar em QZP docentes menos graduados, para lugares apetecíveis por quem já está no quadro. E esses do quadro, pelas novas regras de concurso, vão ter mais dificuldade em aproximar-se na Mobilidade Interna.

O que vai levar a que…

… mais uma vez vamos ter um acréscimo de pedidos para Mobilidade por Doença.

Que por sua vez irá continuar a deixar algumas zonas desprotegidas de professores nas listas de colocações.

E é este excelente planeamento do ME que irá fazer aumentar o número de alunos/turmas sem professor em 2021/2022.

 

 

 

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2021/01/entretanto-faz-se-o-apuramento-de-vagas/

7 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • Selma Marisa Vieira Martinho Ferreira on 27 de Janeiro de 2021 at 14:17
    • Responder

    Boa tarde

    Irei vincular no qzp 6, pela norma travão, no grupo 910. Será que tenho prioridade em relação a outros qzp que estão em mobilidade interna?

      • Cada vez há + injustiça on 28 de Janeiro de 2021 at 0:21
      • Responder

      Tem prioridade sobre todos os restantes opositores que também sejam qzp e tenham graduação inferior á sua. Já viu vai vincular num qzp onde provavelmente muitos outros já do quadro e com maior graduação não podem concorrer? Logo seria injusto ter prioridade sobre eles.

    • Anónimo on 27 de Janeiro de 2021 at 16:41
    • Responder

    Na MI é por Graduação Profissional. Sendo que em primeira prioridade estão os QE com horário zero e em segundo lugar os QZPs.

    • Júlio Vaz on 27 de Janeiro de 2021 at 18:54
    • Responder

    Colegas, assinem a petição relativa à Mobilidade Interna que se quer “mais justa”… a ser como foi anunciado pelo governo só sairá horários completos na primeira lista à semelhança do concurso 201/2018, multiplicando-se as injustiças…

    Assinem aqui:

    https://peticaopublica.com/?pi=PT104284

    • dany35 on 27 de Janeiro de 2021 at 19:04
    • Responder

    Boa tarde Arlindo. Neste próximo concurso interno não vão abrir mais vagas do que em 2018?
    Atenciosamente

    • Gorete Silva on 27 de Janeiro de 2021 at 20:45
    • Responder

    Boa tarde.
    Podem-me esclarecer um assunto, por favor.
    Apenas abre vaga em caso de haver um horário completo? E nos casos, por exemplo no grupo 120, em que há agrupamentos onde apenas há um lugar no 120 e não é completo?
    Pergunto isto porque no último concurso vi vagas em agrupamentos onde depois (em mobilidade interna)apenas foi colocado um candidato e com horário incompleto .

    • M. Margarida on 28 de Janeiro de 2021 at 3:33
    • Responder

    Esqueceu-se de acrescentar que, muitos dos que estão nos quadros, só não continuam contratados porque vincularam em QZPs deficitários e depois pediram mobilidade para outros QZPs (especialmente para o 1). Continuando esses QZPs sem os professores que deveriam ter recebido.

    Esqueceu-se de referir que, provavelmente, muitos dos que vão vincular agora, nos tais QZPs mais apetecíveis, são mais graduados do que muitos dos nossos colegas QZPs. A diferença é que não optaram por vincular “falsamente” em QZPs deficitários para depois nunca lá trabalhar (porque nunca o quiseram fazer).

    Esqueceu-se também de referir que a mobilidade por doença é um recurso, um privilégio, a usar por doença e não por chico espertismo.

    Esqueceu-se ainda que ninguém é obrigado a vincular numa zona que não quer. Assim, quem entra em QZP, seja por norma travão ou qualquer outro tipo de norma, não é obrigado a ir para onde não quer. Basta não concorrer para lá ou não aceitar.

Responder a Anónimo Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores: