Recenseamento de Docentes 2018

A DGAE inicia hoje a preparação do concurso interno/externo de 2018 com esta aplicação de recenseamento dos docentes.

 

Aplicação disponível para os AE/ENA até às 18:00 horas de dia 18 de janeiro de 2018 (hora de Portugal Continental)

 

Esta aplicação visa o levantamento de informação pessoal e profissional relativa a todos os
docentes que se encontram providos no Agrupamento de Escolas / Escola não Agrupada
(AE/ENA), e todos aqueles que, à data da sua disponibilização, se encontrem nele a exercer
funções (docentes providos noutro AE/ENA, docentes providos em QZP ou docentes contratados).
Os dados agora carregados servirão de base para o pré-preenchimento da aplicação “Apuramento de Vagas” com vista ao Concurso Interno / Externo.

 

Manual da aplicação na imagem.

 

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2018/01/recenseamento-de-docentes-2018/

4 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • José on 9 de Janeiro de 2018 at 12:57
    • Responder

    Estive a ler de uma forma transversal e acho que no item que fala da carreira, página 34 e seguintes, fala em vinculação por concurso externo/extraordinário depois de 2012, quando deveria dizer 2011. Há colegas, que tal como eu, vincularam nas Regiões Autônomas em 2011 e neste momento estão no continente por concurso interno em 2013. Ou estou errado?

    • Cory on 9 de Janeiro de 2018 at 18:13
    • Responder

    O ME se não abrir as devidas vagas de QA vai andar a criar Vinculações Extraordinárias para os docentes serem QZP a vida toda! Como é que continuam a contratar aos 3000 QZP cada ano /( mais de 7000 só este ano + o anterior) e não abrem as vagas QA necessárias? onde andam as vagas QA?Estão a gozar connosco!

    • Anónimo on 9 de Janeiro de 2018 at 20:56
    • Responder

    Desculpem a minha ignorância mas quem vai fazer o recenciamento, a escola/agrupamento ou o docente?
    Desde já obrigado.

    • manuel on 10 de Janeiro de 2018 at 20:16
    • Responder

    Quem faz o recenseamento é a escola, o que é um perigo. Perante a incompetência e a má-fé generalizada em muitas direções e secretarias, assim como o sacudir de responsabilidades, prevêem-se muitos lapsos. Atentem ao prazo (uma semana) dado para preencher pormenores (são muitos dados) sobre cada docente de todo o agrupamento! Está-se mesmo a ver o filme, não?

    Inacreditável é que após inúmeras plataformas, e-bios etc. o MEC não faça a mínima sobre quantos professores tem e que habilitações têm.. Andam sempre aos recenseamentos. Já enjoa.

    Andam a atirar números sobre o descongelamento e a recuperação do tempo de serviço, mas a verdade é que nem sabem quantos professores têm! Que cálculos são esses? Tenham vergonha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog