«

»

Jan 12 2018

Imprimir Artigo

Quando Um Político Fala Sobre Professores…

…geralmente sai asneira.

Pois eu defendo que cada político passe um ano numa sala de aulas, com alunos.

Santana defende mudança de profissão dos professores em excesso

 

 

A questão da demografia reflecte-se também na educação. Na sua moção valoriza a formação ao longo da vida dos professores e uma avaliação que premeia o mérito. Como é que se compatibiliza isso com o facto de haver cada vez menos crianças e os mesmos de professores?

 

Tem de haver uma adequação e o Estado tem de fazer balanços, tempos a tempos, das necessidades que tem, quer de contratação, quer de reafectação. Já em tempos defendi, não vou entrar pela proposta concreta que fiz há dez anos, até alguma reorientação profissional. Eu defendo a avaliação dos professores. Este Governo foi muito por aí, acabar com a avaliação de alunos, com a avaliação de professores. Discordo dessas medidas, desse caminho.

Consoante as avaliações que vão sendo feitas, acho que o Estado tem obrigação de propor aos professores, de acordo com a necessidade do corpo discente que vai existindo, a sua reorientação profissional por acordo com os próprios, a sua requalificação, pode ser bom para eles. Há áreas do Estado que estão carenciadas, há outras em que há excedentes. Normalmente, os excedentes nunca são encontrados em Lisboa, é sempre fora e que levam ao encerramento dos serviços. Mas é a única maneira de o fazer e nas avaliações, mas quer dizer, também os reflexos nos professores que estão ao serviço agora imediatamente essa evolução demográfica não se fará sentir de forma tão intensa.

arlindovsky
Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Comentários

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2018/01/quando-um-politico-fala-sobre-professores/

  • A

    Alguém pode dizer ao Santana que este ano vão entrar mais 3500 professores, he, he.
    • Lope

      Faz parte do faz de conta.
  • José Bernardo

    …comecemos, primeiramente, pelos políticos incompetentes ou fora de prazo!
  • José Bernardo

    …quando abre a boca, ou entra ar ou sai… “merda”!
  • SapinhoVerde

    Mais um “discípolo” do tal que mandou os Professores emigrarem. Oxalá que ganhes as eleições, contigo … nem os do psd confiam.
    O teu antecessor fez a asneirada que fez e olha o fim que teve!
  • Lope

    O que Santana diz todos sabem. Só que alguns, daqueles experientes em caçar votos aos incautos, fazem que não sabem e dão palmadinhas nas costas. Parece que os professores, na sua maioria, gostam de palmadinhas. Isto é: gostam de ser enganados por Chicos espertos. E o resultado está à vista.É óbvio que se não fosse o interesse dos sindicados nas quotas dos mais velhos há muito que os professores teriam um regime de aposentação qie permitisse a entrada dos mais novos. E claro que se tivessem interesse nisso jamais o PCP teriam permitido a Costa governar depois de ter perdido as eleições.
Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Fechar