30 de Janeiro de 2018 archive

Para Não Variar

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Reunião com o ME inconclusiva

 

 

Tratou-se uma reunião inconclusiva que não se traduziu em qualquer negociação. A FENPROF apresentou os seus princípios que quer ver negociados e o ME comprometeu-se, já em fevereiro, em relação aos horários, a iniciar as negociações. A data não está marcada, mas a agenda é clara. Em causa está a existência de atividade letiva que é exercida no âmbito da componente não letiva dos professores. Situação que a FENPROF quer, desde logo, e já com efeitos em 2018-2019, ver resolvida.

Hoje, a confusão existente com a indefinição das funções integradas em cada uma das componentes de horário, faz com que os docentes trabalhem em média por semana mais de 46 horas.  “O Ministério da Educação aceitou fazer essa clarificação, reconheceu que muitas escolas estão a violar o próprio Estatuto da Carreira Docente pela forma como organizam os horários e aceitou que no próximo ano haverá essa clarificação”, referiu o Secretário Geral da FENPROF à saída da reunião no Ministério da Educação.

Já quanto às questões relacionadas com a aposentação, o ME foi muito mais recuado. “O Ministério da Educação reconhece que há um problema que tem a ver com o envelhecimento do corpo docente, o que tem consequências no absentismo por doença ou na necessidade de substituição dos professores e até na própria dinâmica das escolas. É um problema que existe até na própria despesa por se manter um corpo docente que, auferindo por escalões da carreira mais elevados, acrescentam, à despesa com salários, a diferença que não existiria se fossem substituídos por professores mais jovens”, disse Mário Nogueira aos jornalistas no final da reunião.

Para a FENPROF, esta não é matéria adiável e a aposentação tem de ser tomada como uma das medidas urgentes e prioritárias na área da Educação.

Amanhã, a FENPROF fará a apresentação do estudo que uma equipa liderada por Raquel Varela, da Universidade Nova de Lisboa, vai realizar em parceria com a FENPROF sobre, precisamente, o problema do desgaste da profissão e do envelhecimento do corpo docente das escolas.

A FENPROF recorda as suas propostas sobre:

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2018/01/para-nao-variar-3/

Acumulação de Funções – Aplicação Disponível a Partir de Hoje

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

A partir de hoje o pedido de acumulação de funções passa a ser feito na aplicação SIGRHE, assim como a autorização das entidades.

 

Clicando na imagem podem ver o manual de procedimentos para este pedido.

 

No manual recorda-se os limites máximos para acumulação de funções docentes de um docente na carreira.

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2018/01/acumulacao-de-funcoes-aplicacao-disponivel-a-partir-de-hoje/

Divulgação – ASSP – Associação de Solidariedade Social dos Professores

 

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2018/01/divulgacao-assp-associacao-de-solidariedade-social-dos-professores/

Manifestação de interesse para o exercício de funções na República Democrática de Timor-Leste no âmbito do Projeto Formar Mais

Pode ver aqui.

Download do documento (PDF, 542KB)

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2018/01/manifestacao-de-interesse-para-o-exercicio-de-funcoes-na-republica-democratica-de-timor-leste-no-ambito-do-projeto-formar-mais/

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog