Formulário com o Apuramento de Vagas Para o Concurso Interno 2017

Termina hoje a fase do apuramento de vagas para o concurso interno de 2017 e para o concurso externo ao abrigo do nº 2 do artigo 42º (norma travão).

Se as vagas da norma travão não andarão muito longe das apuradas já em Janeiro aqui no blogue, nada se conhece sobre as vagas que podem abrir no concurso interno. Para tentar perceber um pouco melhor o número de vagas a abrir e fechar no concurso interno deixo este formulário em Excel para ser preenchido por quem conhecer os números da sua escola.

Estão aqui inseridos todos os AE/ENA por ordem crescente de código de escola e os 34 grupos de recrutamento.

Basta que coloquem os dados que as escolas apuraram. Se as vagas forem negativas devem colocar essa informação da seguinte forma (-1), se a vaga apurada for nula coloquem 0.

 

Para acederem ao formulário cliquem aqui ou na imagem.

 

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2017/03/formulario-com-o-apuramento-de-vagas-para-o-concurso-interno-2017/

4 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,


  1. Seria engraçado se as vagas para QE fossem reduzidas e que após a entrada dos novos quadros e dos atuais quadros de zona estes entrassem nas escolas para as quais não houve mobilidade dos QE. Caso as escolas se conformem com as vagas apresentadas pelo MEC e se, caso necessitem, não solicitem um reforço de docentes para os quadros em virtude das reduçõe , da falta de efetivos, etc, não deveriam poder colocar ninguém na mobilidade sem que houvesse saída de quadros de escola em mobilidade primeiro.

      • Ana on 22 de Março de 2017 at 13:56
      • Responder

      Tem razão! Se pegarmos em dois ou três agrupamentos e compararmos o número de vagas declaradas, nesta folha excel, com o número de potenciais vagas publicadas nos levantamentos feitos por este blogue, a diferença é abissal. Se não houver retificações, vai haver muita injustiça! Mais vale sair do QE e concorrer a QZP.

        • António Cruz on 22 de Março de 2017 at 16:03
        • Responder

        A que vagas?


  2. Foi apresentado pelos sindicatos, como uma grande conquista, o facto de, finalmente, o ME abrir vagas QA/QE, de maneira a possibilitar a aproximação de milhares de docentes que há muito tempo estão «desterrados». Seria bom que os sindicatos reagissem, agora, ao facto de, no recenseamento de professores, todos contaram para o sistema como tendo horário completo. É óbvio que o resultado não corresponderá à verdade.

Responder a António Cruz Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog