Blogosfera – ComRegras

Um bom ponto de partida lançado no blogue do Alexandre Henriques pelo Gonçalo Gonçalves para uma mudança curricular no 1º Ciclo.

 

 

Mais 1.º ciclo com menos horas (proposta concreta)

 

 

A proposta que trago hoje não respeita o Decreto-Lei n.º 176/2014, de 12 de dezembro e não pretende encontrar. Apesar de considerar algumas das novidades apresentadas pelo secretário de estado na semana passada, procura criar discussão e apresentar soluções para a excessiva carga letiva dos alunos no 1.º ciclo. Faço o convite a todos os que quiserem dar o seu contributo.

Neste horário fictício da imagem, podemos observar uma distribuição da carga horária mais acentuada pela manhã, com a sugestão de manter a início das aulas às 9 horas e a criação de um segundo intervalo no período da manhã. Assim, possibilita que aos alunos saiam às 15 horas e 30 minutos e tenham mais tempo para desenvolver outras atividades que a família considere mais importante.

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2017/03/blogosfera-comregras-6/

13 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • Maria Correia on 30 de Março de 2017 at 10:52
    • Responder

    O 1º ciclo deve ser um ensino globalizante e não dividido em disciplinas estanques. Deve ser um projeto que desenvolve globalmente os alunos em todas as dimensões e de acordo com as características dos alunos da turma. Há turmas em que é preciso desenvolver mais a capacidade de comunicação, outras necessitam mais de desenvolver o raciocínio lógico matemático, outras precisam de desenvolver a capacidade de relacionamento/ cidadania…..
    Desenvolver o currículo do 1º ciclo em disciplinas estanques com horas marcadas é desvirtuar todo o conhecimento sobre o desenvolvimento físico, mental e emocional das crianças dos 6 aos 10 anos, da necessidade do professor único…e todas a teorias sobre educação e estudos feitos à cerca deste assunto.

    Sou do tempo em que o professor desenvolvia sozinho todo o currículo do
    1º ciclo, respeitando as características dos seus alunos, as suas
    necessidades de uma forma interdisciplinar, sem a pressão de exames, sem
    compartimentos estanques, sem manuais pré definidos. Conhecia muito melhor os meus alunos, as suas necessidades e como melhorar as sua aprendizagem, obtendo excelentes resultados.

    Muito mais poderia dizer sobre este assunto, mas fico-me por aqui, cada um que pense e tire as suas conclusões.

      • Jose Santos on 30 de Março de 2017 at 19:24
      • Responder

      Subscrevo


    1. É assim mesmo.

    • Pedro on 30 de Março de 2017 at 12:24
    • Responder

    O Inglês não pode ser só à tarde, pois um professor do 120 terá que ter horário misto.
    Outra coisa que me parece impossível é haver um dia em que os alunos saem mais tarde do que os outros dias.. Isso seria um sarilho com o transporte dos alunos. No mesmo dia turmas a sair em horas diferentes não me parece que seja possível nem exequível.. No entanto saúdo estas tentativas (até poderei estar enganado e que seja possível). Continuação de um bom trabalho!

      • Pedro on 30 de Março de 2017 at 12:31
      • Responder

      Só acrescentar… alunos do 1º e 2º ano a sair às 15:30h? Os pais não vão saber o que fazer aos filhos que vã sair tão cedo.. Isto pode ser complicado para a maioria das famílias. Deverá a escola arranjar mais atividades extra-curriculares para manter os alunos na escola? Se realmente for ese o problema, poderá arranjar-se mais 1h de AEC (ou outra coisa qualquer) por dia e os alunos saírem às 17:30h. O nosso tempo em que saíamos cedo e íamos a pé para casa com 7 anos já não se aplica… Isto pode ser um problema também.. Espero ter contribuído.


      1. Hoje em dia é impossível sair às 15h30.
        Bem podes ir sonhando com isso.

    • Isabel on 30 de Março de 2017 at 12:53
    • Responder

    Inglês só à tarde não é exequível.
    2 Horas seguidas de Inglês não são tão rentáveis como separadas. O código escrito e o código oral são novos (mesmo no 4º ano), o que exige muito maior concentração e esforço. Não podemos confundir aulas lúdicas com AEC de Inglês….

      • Orgulho em ser PORTUGUESA! on 1 de Abril de 2017 at 9:31
      • Responder

      Quais duas horas? Ele só tem ali uma, deve ser só para se cantarem umas canções e tal, mas matéria e metas com uma hora por semana é impossível.

    • Faby on 30 de Março de 2017 at 22:41
    • Responder

    Srs. Professores, atenção aos erros ortográficos. Respeitem a língua portuguesa.

      • luis on 31 de Março de 2017 at 17:20
      • Responder

      Faby e se fosse á pesca?

        • Faby on 4 de Janeiro de 2018 at 10:27
        • Responder

        Poderia ir à pesca, mas não á pesca. De qualquer forma, não é atividade que me agrade muito.

    • Orgulho em ser PORTUGUESA! on 1 de Abril de 2017 at 9:51
    • Responder

    Mais uma vez o foco está na matemática e no português, deixando para trás as áreas de expressões que são mais tarde também praticamente ignoradas nos outros ciclos. Não entendo esta mania de já no primeiro ciclo querer fazer os meninos ratos de biblioteca. No primeiro ciclo é onde devem desenvolver mais a criatividade, os códigos fonéticos, as noções de corpo e ritmo, e tudo o resto associado às disciplinas de expressões motora, dramática musical e plástica. São crianças, autênticas esponjas carregadas de potencial, que estamos a limitar e obrigar a estar sentado numa cadeira por horas a fio a aprender conteúdos para os quais nem maturidade têm.
    E mais uma vez se vê o estudo do meio ser relegado a algo sem importância, quando não o é, pelo contrário. Aprender sobre o mundo que os rodeia (tanto natureza como humanos) e sobre a história do seu país, desenvolver competências de observação, lógica e sociais, é menos importante que matemática e português? Enfim.. e a propósito, é essa a área preferida da maioria dos alunos com que já trabalhei.
    Quanto ao inglês que praticamente desaparecer desses horários, claramente que os fez não tem noção dos benefícios que a aprendizagem e contacto com línguas estrangeiras nesta fase vão trazer para o futuro cidadão. Aconselho a que leia sobre o assunto e verá que as transformações de desenvolvimento de certas áreas do cérebro vêm ajudar depois à aprendizagem até de… pasme.. a sua querida matemática!
    Para terminar, digo-lhe que no meu agrupamento os meninos têm todas as disciplinas atuais com o número de horas atualmente legislado e saem todos os dias às 16h.

      • Pedro on 1 de Abril de 2017 at 18:36
      • Responder

      Saem todos os dias às 16h mesmo com AEC’s? Envie por favor uma cópia de um horário para verificar se é possível implementar isso no meu Agrupamento. E se possível diga-nos em que Agrupamento leciona. Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog