10 de Setembro de 2016 archive

A Música do Blog

Nick Cave & The Bad Seeds – ‘I Need You’ (Official Audio)

 

 

 

 

Nothing really matters when the one you love is gone

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2016/09/a-musica-do-blog-80/

O Arranque do Ano Lectivo Visto pela FNE

Depois de Mário Nogueira ter-se pronunciado sobre o início do ano lectivo, Lucinda Manuela da FNE também se referiu a ele no mesmo programa.

Não encontrei gravadas as declarações de Mário Nogueira, mas a FNE deixou no seu site as declarações de Lucinda Manuela.

Os problemas identificados pela FNE:

  • Não ser “normal” que no final de Agosto ou início de Setembro estarem a ser colocados milhares de professores quando deviam ser colocados no final de Julho;
  • Falta de Assistentes Operacionais no início do arranque do ano lectivo;
  • Falta de estabilidade docente;
  • Mais tranquilo na visibilidade dos problemas, mas com muitos problemas por resolver
  • Corpo docente envelhecido;
  • Milhares de professores Jovens por colocar;;
  • Excesso de alunos por professor;
  • Muitos níveis de ensino por professor;
  • Excesso de trabalho que deve ser aliviado aos professores;

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2016/09/o-arranque-do-ano-lectivo-visto-pela-fne/

O Comunicado da Fenprof de Ontem

Já depois de conhecida a enormíssima confusão da Mobilidade por Doença.

 

Para já, apesar de os números serem mais favoráveis aos de anos anteriores, tal não significa que serão colocados mais docentes, mas apenas que o processo de colocação, este ano, está a ser mais célere e sem erros relevantes. Como a FENPROF já afirmou, sendo este um aspeto importante do arranque de qualquer ano letivo, este ano o processo está claramente a correr melhor que nos anos anteriores, o que é positivo para as escolas e para os professores. 

 

 

Depois de ler isto até perdi vontade de contrariar os dados errados e manipulados que a Fenprof apresenta.

Adianta no comunicado que este ano há mais contratações e menos docentes em horário-zero.

Mas se a Fenprof quisesse ser isenta com este ministério nunca poderia dizer isso.

Este ano há mais docentes na RR1 sem componente lectiva que o ano lectivo 2013/14 e muitos mais em final de Agosto do que em 2015/2016.

Mas vai ser com informação errada que vamos viver nos próximos tempos por parte da Fenprof para manter vivo este Ministério da Educação.

O título do comunicado está interessante, mas resta saber o que se entende por revisão positiva do regime de concursos.

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2016/09/o-comunicado-da-fenprof-de-ontem/

O Mário Nogueira Está Feliz e Radiante

E pelo que ouvi ontem do Mário Nogueira na RTP1 só existem 4 problemas com o arranque o início do ano lectivo:

 

  • Falta de pessoal auxiliar;
  • O número de alunos por turma;
  • O reduzido apoio aos alunos com necessidades educativas especiais;
  • O envelhecimento do pessoal docente

 

Estes 4 problemas foram referidos após largos minutos a saudar a colocação dos professores neste ano lectivo.

 

Ai se fosse noutro tempo…

 

 

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2016/09/o-mario-nogueira-esta-feliz-e-radiante/

Evolução dos Não Colocados na MI Até à RR1 Desde 2013

O próximo quadro apresenta o número de docentes não colocados na Mobilidade Interna até à RR1 desde o ano lectivo 2013/2014.

Assinalei a vermelho os grupos de recrutamento onde mais não colocados havia em cada uma das duas listas em análise.

Com a publicação das listas de não colocados na Mobilidade Interna (apenas os que concorriam na 1ª prioridade) existem este ano lectivo 9 grupos de recrutamento que atingiram o valor máximo de não colocados.

Curiosamente a Educação Pré-Escolar teve este ano lectivo o número máximo de docentes dos quadros por colocar com a publicação das listas da Mobilidade Interna. É estranho porque tanto se tem falado no alargamento da Educação Pré-escolar, mas o que demonstram estes números é que apesar desse alargamento existem mais docentes dos quadros por colocar.

Os números do grupo 240 – Educação Visual e Tecnológica caíram este ano para metade do que aconteceu em 2013/2014. Muito provavelmente porque os docentes deste grupo de recrutamento mentalizaram-se para consegui colocação noutro grupo de recrutamento para os quais possuem habilitações.

A grande evolução positiva verifica-se nos grupos 300 – Português e 330 – Inglês onde os números de não colocados em 2013/2014 passavam das três centenas e este ano não cheia à meia centena.

evolucao-da-mi-desde-2013

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2016/09/evolucao-dos-nao-colocados-na-mi-ate-a-rr1-desde-2013/

Distribuição dos docentes retirados – Mobilidade por doença

O quadro seguinte apresenta a distribuição dos 570 docentes que constam na lista de retirados na Mobilidade por Doença.

Percebe-se que os grupos 100, 110 e 240 são aqueles onde mais docentes foram colocados nestas circunstâncias…
distr_ret_mpd

Houve muito mais colocações neste âmbito, mas grande parte desses docentes já tinha uma escola atribuída, por isso não constam na lista de não colocados.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2016/09/distribuicao-dos-docentes-retirados-mobilidade-por-doenca/

Tutorias

Tutorias – 1 | O Meu Quintal
Tutorias – 2 | O Meu Quintal

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2016/09/tutorias/

Saindo A RR2 a 16 de Setembro Não Há Retroacção do Tempo de Serviço a 1 de Setembro

A Circular Conjunta nº1/2016 IGeFE/DGAE determina que o tempo de serviço das colocações que ocorram até ao dia 15 de Setembro retroagem ao dia 1 de Setembro conforme consta na excepção dessa nota informativa e que novamente se transcreve.

 

Concurso de Reserva de Recrutamento

Os docentes que obtiverem uma colocação em sede de reserva de recrutamento, cumpridos os requisitos de aceitação, previstos na lei, a sua remuneração é devida a partir do dia útil seguinte à data da aceitação na aplicação informática. Para efeitos de contagem de tempo de serviço, os contratos de trabalho em resultado deste concurso produzem efeito a partir do dia útil seguinte à data da aceitação na aplicação informática.

Exceção – Considerando que de acordo com o anexo I do despacho do calendário escolar 2016/2017 os agrupamentos de escola e escolas não agrupadas poderão iniciar as suas atividades letivas até 15 de setembro, para efeitos de contagem de tempo de serviço os contratos de trabalho em resultado deste concurso, com as listas publicadas até 15 de setembro, produzem efeitos a 1 de setembro de 2016.

 

Ora, se a DGAE anuncia que a RR2 sai apenas no dia 16 de Setembro vai impedir que esse tempo de serviço possa retroagir ao dia 1 de Setembro.

rr2-16-setembro

 

Parece assim muito baixo que a publicação da RR2 ocorra no dia seguinte à possibilidade de retroacção do tempo de serviço a 1 de Setembro.

Espero que a DGAE tenha isso em conta e na nota informativa da RR2 excepcione estas colocações para retroagir também ao dia 1 de Setembro.

Porque afinal todos os horários pedidos até ao dia 13 de Setembro só não tem publicadas as colocações no dia 15 (último dia para o arranque das actividades lectivas) por sua única responsabilidade.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2016/09/saindo-a-rr2-a-16-de-setembro-nao-ha-retroaccao-do-tempo-de-servico-a-1-de-setembro/

Load more

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog