«

»

Mar 27 2015

Imprimir Artigo

Como o Compreendo

Mas a força muitas vezes renasce quando menos se espera. Já houve fases que tive vontade de parar de vez e ter espaço para mim próprio e para aqueles que mais precisam de mim.

Fui contornando os mais diversos obstáculos para manter aceso este espaço com variadíssimos prejuízos pessoais e profissionais, mas a força de continuar  renascia sempre por saber que existe quem faz deste espaço um ponto de encontro e de procura de informação.

Perder o Umbigo é como perder parte da história da educação.

Ao Paulo Guinote desejo as maiores felicidades pessoais e profissionais e que continue a ser como sempre foi até aqui.

Livre para dizer o que pensa como só ele sabe escrever.

Abraço, Paulo Guinote.

 

A suspensão do Umbigo resulta de uma decisão tomada já há algum tempo e adiada mês após mês porque mais uma “novidade” merecia comentário.

Não é por qualquer tipo de pressão ou tentação.

Muito pelo contrário.

Foi um caminho em que o passado começou a ficar longo e o futuro se adivinha de continuidade, de uma forma ou outra, parecendo-me uma quase total perda de tempo argumentar com as criaturas que nos governam, tal como as que nos governarão e as que se adivinha que governarão.

Irão restar umas prosas de periodicidade mais ou menos mensal para o Público e, num horizonte visível, pouco mais, apenas um ou outro compromisso por liquidar.

Um enorme obrigado a quase tod@s os que por aqui passaram.

miratec

arlindovsky
Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Comentários

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2015/03/como-o-compreendo/

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog