24 de Junho de 2014 archive

Retomo Post Sobre as Renovações

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

… de 27 de Maio de 2014.

 

Sobre as Renovações

 

 

Nessa altura dei uma interpretação que me pareceu ser a mais correta, mas pelo comentário do Nuno Coelho nesse post alterei parte dessa informação.

Agora a analisar com mais cuidado esse post julgo que a produção de efeitos determinada no artigo 8º do novo diploma de concursos é apenas uma obrigação legal para colocar as renovações ao abrigo da nova redação do DL 132/2012, visto que de facto a renovação apenas terá efeitos a partir do dia 1 de Setembro de 2014 e neste caso pelas regras do novo diploma de concursos.

 

Artigo 8.º
Produção de efeitos

 

1 — A renovação do contrato a termo resolutivo prevista no n.º 3 do artigo 42.º do Decreto-Lei n.º 132/2012, de 27 de junho, alterado pelo Decreto-Lei n.º 146/2013, de 22 de outubro, e pela Lei n.º 80/2013, de 28 de novembro, com a redação dada pelo presente decreto-lei, é aplicada a partir de 1 de setembro de 2014.”

 

Assim, o texto do post de 27 de Maio no meu entender continua a ser a leitura mais lógica sobre as renovações para 2014/2015. Mas a certeza, certeza só vamos saber ao certo mais para a frente, quem sabe na altura da manifestação de preferências.
Mas como já disse mais que uma vez, ninguém se fie na renovação de contrato para 2014/2015 tendo em conta as novas regras da Mobilidade Interna no que respeita à manifestação de preferências.

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2014/06/retomo-post-sobre-as-renovacoes/

Apenas Houve Acordo em 67,5% dos Encerramentos

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

E nada garante que para 2015/2016 mais escolas venham a encerrar.

Infelizmente não é apenas por se construirem centros escolares que existe necessidade do encerramento destas escolas. A baixa natalidade dos últimos anos é um dos aspectos principais para que cada vez menos alunos entrem no sistema de ensino e que conjuntamente com estas novas construções fazem com que exista essa necessidade de encerrar escolas isoladas, mas não apenas as que estão isoladas.

Este ano que matriculei o meu filho mais novo no 1º ano e verifico essa grande quebra de alunos no sistema de ensino.

A minha pequena freguesia que sempre teve duas escolas do 1º ciclo (5 salas de aula + duas salas improvisadas) foi em muitas alturas insuficiente para albergar todos os alunos inscritos, daí a necessidade de improvisar as duas salas de aula debaixo dos cobertos de cada uma das escolas. O mais velho que termina agora o 9º ano iniciou o 1º ciclo numa das salas improvisadas e nessa altura ainda os horários das turmas eram mistos, há 9 anos entravam duas turmas de 1º ano para cada uma das escolas.

Nos últimos 3 anos passou a abrir alternadamente o 1º ano em cada uma das escolas com turma completa.

Este ano, a turma do 1º ano vai ficar reduzida a metade dos alunos e será necessário formar uma turma mista.

Esta freguesia não fica isolada, nem no interior do país, nem tão pouco teve a sorte do projeto de construção de um centro escolar novo seguir para a frente. E todos por aqui sabemos que uma das duas mais cedo ou mais tarde terá de ser encerrada.

E não se passará isto na maioria das escolas a encerrar, ou que encerraram nos últimos anos?
 
 

Só houve acordo para o encerramento de 67,5% das 311 escolas

 

 

 

Secretário de Estado do Ensino revela que em relação 24% dos estabelecimentos de ensino as autarquias não se pronunciaram e que relativamente a 8% houve desacordo. Associação Nacional de Municípios assegura que não houve diálogo, o ministro critica “radicalizações ideológicas”.

 

 

O secretário de Estado do Ensino e da Administração Escolar, Casanova de Almeida, admitiu esta terça-feira que o Ministério da Educação e Ciência (MEC) e as autarquias apenas chegaram a acordo no encerramento de 67,5 por cento das 311 escolas do 1º ciclo que já não abrem portas em Setembro. Em “cerca de 24%” dos casos as câmaras não se pronunciaram e em “cerca de“8,5 %” “houve desacordo”, disse o secretário de Estado, que frisou que “as decisões têm de ser tomadas”.

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2014/06/apenas-houve-acordo-em-675-dos-encerramentos/

Porque Hoje é S. João

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Andou Muito Perto a Semana Passada

o primeiro prémio do euromilhões.

Tivesse eu me deslocado a Matosinhos

E hoje estaríamos cheios de tostões.

 

E como hoje é S. João, uma rimazinha vai ajudar a dar prémio.

 

 

 

euromilhoes 24 junho

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2014/06/porque-hoje-e-s-joao/

A Comparação dos 311 Encerramentos

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

… com a lista inicialmente prevista dos 439 encerramentos.

 

Clicar na imagem para ver o estudo comparativo de todos os Distritos/Concelhos. Poupou-se o interior nesta lista final em detrimento do litoral.

Aveiro e Porto tiveram mais 26 e 25 encerramentos do que o inicialmente previsto e Guarda, Castelo Branco, Évora e Bragança menos 31, 24, 19 e 16 encerramentos respetivamente.

O distrito anormal nesta análise comparativa (Litoral/Interior) é Santarém que teve menos 25 encerramentos do que o inicialmente previsto.

 

ence_Página_1

 

A lista inicial encontra-se aqui e alista final aqui.

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2014/06/a-comparacao-dos-311-encerramentos/

A Música do Blog

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Nick Cave – Tupelo (21-06-2014)

 

[youtube=https://youtube.com/watch?v=qhsjQfqfhCs]

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2014/06/a-musica-do-blog-54/

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog