São 1420 Docentes com Pelo Menos 5 Contratos Anuais e Completos

… que podem obter o 6 contrato anual e completo no ano letivo 2014/2015.

 

Já analisei os dados desde 2009/2010 e dos 16300 docentes que obtiveram colocação em horário anual e completo a 31 de Agosto de cada um dos 5 anos letivos apenas 1420 tiveram contrato seguido nestes últimos 5 anos.

Com 4 contratos anuais e completos nos últimos 5 anos existem 3555 docentes, com 3 contratos nos últimos 5 anos são 4120 docentes, com 2 contratos existem 3559 docentes e com apenas 1 contrato anual e completo nos últimos 5 anos são 3646 docentes.

Durante o dia de amanhã apresento mais dados desta análise.

 

O pdf com 327 páginas encontra-se aqui e se quiserem confirmar a vossa situação agradeço, mesmo para despistar algum erro que o documento possa ter.

A primeira coluna refere-se ao número de candidato.

 

ADENDA: as listas usadas para este estudo são as seguintes:

 

Estas são as únicas na base do estudo, porque são públicas. As colocações em contratação de escola nunca foram tornadas públicas no site da DGAE e por essa razão não estão aqui tratadas. É provável que mais docentes tenham tido contratos anuais e completos em escolas que fizeram a contratação ou por terem ficado colocados em horário temporário o mesmo terá sido prolongado até final do ano. Estes dados não os tenho e não consigo adivinhar caso a caso.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2014/01/sao-1420-docentes-com-5-contratos-anuais-e-completos/

107 comentários

2 pings

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • Marlene on 18 de Janeiro de 2014 at 18:32
    • Responder

    que farturinha…. ainda bem que os colocados são muitos mais!

      • 123plim on 18 de Janeiro de 2014 at 19:08
      • Responder

      E estão a contabilizar quem trabalhou, por exemplo, 3 anos no 1º ciclo e no 2º?

    • Lia on 18 de Janeiro de 2014 at 18:35
    • Responder

    Arlindo, então e quem já tem seis contratos anuais completos e sucessivos no passado? Esta medida não deveria ter efeitos retroativos?


    1. Devia. A legislação geral dizia que ao 4º contrato seguido o trabalhador passaria obrigatoriamente ao quadro
      O quadro é um exercício para se conhecer os números dos contratos anuais e completos sucessivos desde 2009.

    • RM on 18 de Janeiro de 2014 at 18:42
    • Responder

    Arlindo, pelo que percebi inicia-se essa contagem em 2015 … ou seja 2021 será o ano para passarem aos quadros.

      • marisa on 18 de Janeiro de 2014 at 19:46
      • Responder

      ola, será que os contratos celebrados pelo ensino cooperativo tambem conta para efetivar ??


  1. Quem foi colocado na 1ª ciclica não conta como completo?


    1. Apenas os que entraram este ano a 12 de Setembro. As colocações que considerei foram todas as que foram publicadas até 31 de Agosto de cada ano como anuais e completos mais os deste ano de 12 de Setembro também anuais e completos.

        • Tobias on 18 de Janeiro de 2014 at 18:50
        • Responder

        E a reserva de recrutamento seguinte não é na mesma anual e completa?

        • RM on 18 de Janeiro de 2014 at 18:53
        • Responder

        Arlindo não ficaste com a ideia que referi em cima?


      1. Não sei se ajuda mas eu fui colocada a 12 de setembro com 16 horas mas a escola completou o horário.
        Na lista apareço com 4 anos mas penso que tenho 5.(9208471276).


  2. e na segunda ciclica?


    1. A segunda reserva de recrutamento não conta como ano completo?

    • maria onírico on 18 de Janeiro de 2014 at 18:52
    • Responder

    Arlindo, ainda que os teus números nos permitam um panorama, eles podem não ser totalmente reais, porque pode ter acontecido casos de o/a colega ter ficado num horário anual incompleto, mas chegar à escola e esse mesmo horário já estar completo, então passa a anual/completo com efeitos a partir de 1/09, ficando registado no Reg. Biográfico 365 dias a partir de 01/09. Eu conheço casos assim…


    1. Sim, pode. Mas esses eu não consigo contabilizar.

        • maria onírico on 18 de Janeiro de 2014 at 19:01
        • Responder

        De qualquer forma, obrigada Arlindo. Ficamos com uma ideia. Todavia, eu espero que os sindicatos consigam estabelecer algum tipo de diálogo com o MEC, no sentido de vincular, pelo menos, quem tem três anos completo seguidos. Porque eu tenho 12 anos de TS, no entanto só tenho 4 anuais/completos seguidos, ainda que tenha outros anuais/completos, mas não seguidos. É injusto estar há tantos anos na escola pública e ver que agora quem vai ficar com a vinculação serão os colegas dos privados, pelo menos no meu grupo é isso que vai acontecer. Há centenas no privado nos primeiros lugares da lista.

    • Tobias on 18 de Janeiro de 2014 at 18:55
    • Responder

    Tenho uma dúvida: Quem é colocado na segunda reserva de recrutamento não conta 365 dias??? se sim então têm de meter esses docentes no 5 anos completos também!

    • Alex on 18 de Janeiro de 2014 at 18:58
    • Responder

    Verifiquei o meu número candidato e situação e está correto.
    Veremos se serve…..
    Boa sorte a todos!

    • lmc on 18 de Janeiro de 2014 at 18:59
    • Responder

    Arlindo no meu caso, tive completos e anuais os últimos 4 anos e este ano fiquei colocada a 12 de setembro, num horário incompleto, mas quando cheguei à escola era horário completo, por isso posso considerar que estou no meu quinto contrato anual e completo. certo?

    • RM on 18 de Janeiro de 2014 at 19:00
    • Responder

    Estive a ouvir novamente a declaração do ministro, volto a manter a minha opinião, estes 6 anos só contam depois de 2015 indo para 2021 a colocação automática.

    • André Costa on 18 de Janeiro de 2014 at 19:02
    • Responder

    Tenho 5 anos completos e seguidos até 31/08/2013. Este ano letivo apenas entrei em oferta de escola a 30 de setembro e com 18 horas. Já não sou abrangido pela “lei” dos 5 contratos??
    Obrigado pela resposta e parabéns Arlindo pelo excelente trabalho

    • Cris sampaio on 18 de Janeiro de 2014 at 19:04
    • Responder

    Arlindo, desde 2009 que tenho tido horário completo e anual e no entanto não consto da lista. Confirme 11091000

    • Vítor on 18 de Janeiro de 2014 at 19:05
    • Responder

    Este critério dos 5 anos e de horários anuais completos é uma autêntica falácia. Há gente muito pior graduada que iria reunir condições para entrar para o quadro, ultrapassando centenas de colegas. O problema dos docentes com 20, 15 e 10 de serviço permanecerem contratados iria manter-se. Só a graduação pode dar algum ar de justiça a este processo, tal como em todos os outros..

      • Nortenho on 18 de Janeiro de 2014 at 20:01
      • Responder

      Concordo. Alguns dos colegas que ficaram nas TEIPs e que este ano renovaram sao alguns deles. Que o digam os colocados no 910 que começaram a ficaram colocados em Vialonga. Isto para os das TEIPS e das esc com autonomia é que vai ser bom.

    • Maria Sobral on 18 de Janeiro de 2014 at 19:06
    • Responder

    Porque não contar a partir de 2007 ou 2008 até 2013, que foi ano de concurso nacional e houve várias mudanças por parte do MEC, o que deixou muita gente de fora a 12 de Setembro, mas entraram na RR2, por isso são necessários ao sistema. Penso que era mais justo…

    • Ana Carvalho on 18 de Janeiro de 2014 at 19:12
    • Responder

    Pelo que li ontem na página do jornal expresso concordo com o RM. Só a partir de 2015! Não inventem.

      • RM on 18 de Janeiro de 2014 at 19:44
      • Responder

      Haja alguém que entende o mesmo que eu. Atenção eu concordo que seja antes de 2021, mas é a leitura que faço.

      • Nortenho on 18 de Janeiro de 2014 at 20:06
      • Responder

      Eu também entendo o mesmo. Eles só vão começar a contar agora. Pois assim, muitos já ficam pelo caminho e até termos os 6 anos eles já não estão no governo.

    • Inês Gamito on 18 de Janeiro de 2014 at 19:25
    • Responder

    Apresento-me com o nº de candidato 5406781502 e, segundo a tabela, com três anos de serviço seguidos.

    Os dados não estão corretos.

    Iniciei em Setembro de 2009 e terminei a 31 de Agosto de 2013 sempre com contratos de horários completos e anuais.

    Inês

    • Ana Maria Bento on 18 de Janeiro de 2014 at 19:33
    • Responder

    O mais caricato é q nem sempre os que têm esses requisitos são os mais graduados ou que têm mais tempo de serviço. Muito deles tiveram apenas a sorte de ficarem em escola que lhes renovaram os contratos 🙁


    1. Nem sempre. Um dos estudos que posso fazer é ver o tempo de serviço destes docentes.

    • Ana Paula Santos on 18 de Janeiro de 2014 at 19:47
    • Responder

    Boa tarde

    Tenho o nº de candidato 4598372745 e os dados não estão corretos. No ano letivo 2009/10 também estive colocada com horário completo e anual.
    Obrigada

    Ana Paula Santos


    1. Já respondi ao Nelson mais abaixo. A situação aplica-se também a ti.

    • Vitor on 18 de Janeiro de 2014 at 19:55
    • Responder

    Arlindo, fiquei colocado em OE em 2012/2013, logo no início de setembro, em horário completo. Logo, no meu caso, são 5 contratos anuais consecutivos e não quatro. Continuação de Bom trabalho!


    1. Sim, mas não ficaste colocado na lista de 31 de Agosto de 2012 que foi a que usei para considerar colocação em contrato anual de 365 dias.

    • Vitor on 18 de Janeiro de 2014 at 19:56
    • Responder

    Sou o Candidato 9094215004.

    • cm on 18 de Janeiro de 2014 at 19:56
    • Responder

    Tens razão Ana Maria.
    O ano passado fiquei colocada com 18 horas porque a escola onde estive 3 anos seguidos agrupou e não pude renovar. Tive de ficar com as sobras enquanto muitos colegas com menos graduação tiveram renovação os 4 anos.

    • Cristina Ganhão on 18 de Janeiro de 2014 at 20:02
    • Responder

    tenho o número de candidata n.º 9299718644, tive com a exceção deste ano que não fiquei colocada 5 contratos sucessivos a acabar em 31 de agosto, não sei com que base este apanhado foi feito, mas no meu caso está completamente errado onde só me contabilizam 2 anos, onde nos últimos 5 anos tive contratos completos, tendo 1 ano sido Odivelas seguido 3 anos na Marquesa de Alorna e o ano passado em Silves, todos anuais e completos e sucessivos, engraçado aqui na vossa tabela só estar contabilizado 2 anos, é melhor retificarem com as vossas fontes para não darem informações erradas e criar ainda mais desconforto a quem não esta colocado. obrigado


    1. Post com adenda. As colocações em contratação de escola não são públicas e por conseguinte não podem ser trabalhadas por mim.

    • Paulo on 18 de Janeiro de 2014 at 20:03
    • Responder

    Boa noite, a todos!
    Uma dúvida: um horário completo e anual em oferta de escola, não é contabilizado?
    E quem entra por RR em horário anual e completo?
    Obrigado.
    Paulo

    • helad on 18 de Janeiro de 2014 at 20:19
    • Responder

    aplique-se a lei e deixemo-nos de tretas. Parece que estão a embarcar na conversa do ministro 😉

    • Helena on 18 de Janeiro de 2014 at 20:21
    • Responder

    Boa noite,

    relativamente ao nº 4695584107, no ano letivo 2012/2013 tive horário completo. Obrigada

    Filipa


    1. Mas como ficaste colocada com 15 horas não te contabilizei neste quadro, nesse ano.

    • Nelson Pereira on 18 de Janeiro de 2014 at 20:24
    • Responder

    Arlindo, mais um dado: alguns colegas são colocados em escolas TEIP em meados de setembro devido ao concurso se efetuar posteriormente. Porém, por se tratar de escolas TEIP, os contratos têm efeito a 1 de setembro. Logo, também devem ser contabilizados como anuais. Obrigado pelo trabalho que desenvolve.

      • Nelson Pereira on 18 de Janeiro de 2014 at 20:30
      • Responder

      Sou o número 8858820398 e em 2009/10 estive numa escola TEIP onde iniciei a 14/09, mas como consta do registo biográfico, com efeitos a 1/09 por se tratar de uma escola TEIP. Obrigado.


      1. Sim, excepcionalmente em 2009 e agora em 2013 também isso foi permitido. Mas não contabilizei as contratações de escola.

    • Sandra on 18 de Janeiro de 2014 at 20:36
    • Responder

    Verifiquei os meus dados e estão corretos. 5 contratos seguidos em 5 anos letivos.


  3. Boa noite a todos.

    tenho a mesma dúvida do colega Paulo.

    Desde 2009 tenho quatro horários completos e neste ano letivo, 20013/2014, estou colocada com horário completo, mas em oferta de escola. Este último também é contabilizado?

    Obrigada!

    Ana


    1. Já fiz uma adenda ao post para perceberem que dados usei para este estudo.

    • Manuel on 18 de Janeiro de 2014 at 21:17
    • Responder

    Arlindo quem está nas ilhas está fora desse documento?

    • Castro on 18 de Janeiro de 2014 at 21:44
    • Responder

    Boa Noite.
    No meu caso tenho 4 completos (de 1 de Setembro a 31 de Agosto). Este ano entrei em oferta de escola numa Teip com um horário de 12 horas e dois dias depois completei o horário noutra Teip, sendo que ambos são anuais. Em que situação é que fico… Este ano deve contar ….
    Obrigado

      • Nómada on 18 de Janeiro de 2014 at 22:42
      • Responder

      Arlindo essa tabela não contempla determinados casos, como por exemplo o ter estado com vários contratos anuais e seguidos nas ilhas e 3 seguidos no continente, ou seja, ao todo mais de 5 anuais e seguidos…

    • Ana Coutinho on 18 de Janeiro de 2014 at 22:38
    • Responder

    contabilizaram tb professores que estão a trabalhar nos açores, mas continuam a concorrer para o continente?não encontro o meu número.

    • JM on 18 de Janeiro de 2014 at 22:49
    • Responder

    Muito devemos agradecer estes dados porque o MEC não os deve mandar cá para fora, mas não faltarão aqui as regiões autónomas?…

    • Antonio Barros Barros on 18 de Janeiro de 2014 at 22:53
    • Responder

    Olá, boa noite, Arlindo.
    Os professores do grupo 290 não estão contabilizados, pois não?


    1. Não, por não serem colocados pela DGAE.


      1. Mas agora já se aplica também ao 290. Ficam todos os grupos iguais

    • Andrea on 18 de Janeiro de 2014 at 23:06
    • Responder

    eu sou o n.º 5930936048 e encontro-me colocada num horário completo e anual.

      • Andrea on 18 de Janeiro de 2014 at 23:08
      • Responder

      Estou a referir-me ao ano letivo 2013/2014


    1. Nas listas 12 de Setembro de 2013/2014 estás dada como não colocada. http://www.dgrhe.min-edu.pt/docs/2013-RR01-CN-NCOLC-DEF/ListaNaoColocados_CN_grupo550.pdf
      Já fiz uma adenda ao post para perceberem como foi feito este estudo.

    • cristina gonçalves on 18 de Janeiro de 2014 at 23:22
    • Responder

    Porquê só a partir de 2009/2010?


    1. Posso fazer também com as listas de 2008/2009, a partir dai não existem mais listas no site da DGAE.

    • shakti on 18 de Janeiro de 2014 at 23:34
    • Responder

    Sou o candidato 9687010223 e os dados estão errados.

    2010/2011- contrato anual por OE
    2011/2012- contrato anual por OE
    2012/2013-contrato anual 1ª lista
    2013/2014- contrato anual 1ª lista

    Logo 4 contratos anuais e não 2 como aparece na lista.
    Mas pelo que entendi das declarações do Crato, essa medida só se aplica em 2015; para este concurso extaordinário não se sabem as regras…

      • shakti on 18 de Janeiro de 2014 at 23:39
      • Responder

      Concurso extraordinário…(erro ao teclar)

      sorry…

    • filhos22621 on 18 de Janeiro de 2014 at 23:40
    • Responder

    Olá Arlindo Obrigada pelo trabalho, muito bom mesmo.
    Mas estou mal posicionado 7643870004 é no 4 anos. Bem haja. Bom trabalho e obrigado.

    • Liliana on 18 de Janeiro de 2014 at 23:45
    • Responder

    Olá Arlindo, eu sou a candidata 9691097052, os meus dados estão correctos, pois este ano fiquei colocada só em 25/9 com horário incompleto. Obrigada pelo teu trabalho!

    • Anabela S. Reis on 18 de Janeiro de 2014 at 23:56
    • Responder

    Boa Noite
    Só para informar que a lista super completa ( os meus parabéns ao colega Arlindo pelo trabalho de pesquisa) que o Colega publicou, não contempla dos docentes de EMRC – grupo 290. É certo que temos sido colocados por proposta de nomeação dos Bispos das várias dioceses, mas em todo o país, somos mais de 2 mil professores contratados. Destes todos, não sei quantos têm a profissionalização. Este ano, no próximo concurso, vai já ter a presença dos docentes do grupo 290 (Dec Lei nº70 de 23 de maio de 2013 – http://dre.pt/pdf1sdip/2013/05/09900/0303103033.pdf ) a concorrer. Contudo, estou no ensino há 16 anos…. sempre contratada neste grupo. Sou profissionalizada desde 2005 e que desde 2005 que vejo a vida a andar para trás. Por isso, ainda há uma grande dúvida, (eu pelo menos tenho-a) se os docentes de EMRC – porque também somos professores como todos os outros – também estão contemplados neste mimo.
    Assim, a lista aqui apresentada está completa, mas terá de ter também os números destes docentes pois também nós fazemos parte de números, e listas e tudo o que há.


    1. Sim Anabela. Agora está tudo dentro da mesmas regras. dos 2 mil professores que fala só cerca de 200 têm 5 anos completos, seguidos e com profissionalização. As dioceses com mais professores nessas condições: 1. Porto, 2. Braga, 3 Lisboa.

    • Liliana on 19 de Janeiro de 2014 at 1:02
    • Responder

    Boa noite! Gostaria de fazer uma pergunta. E se forem contratos anuais completos e anuais realizados consecutivamente nos Açores e no Continente? Alguém sabe como fica esta situação?

    • Maria Martins on 19 de Janeiro de 2014 at 1:43
    • Responder

    Arlindo, eu acho muito injusta esta forma como o MEC “pretende” que os professores efetivem. Imagine-se um professor com 10, 15 ou 20 anos de serviço que por acaso não teve a sorte de ficar numa escola teip onde lhe renovassem contratos, ou por exemplo, tenha três contratos ou quatro com horários completos e seguidos mas tenha intercalados outros incompletos e novamente volte a ter mais 3 contratos seguidos, e este ano, não teve a sorte de ficar com horário completo, mas já tem 20 anos de serviço. Será justo efetivarem os colegas com menos anos de serviço só pelo facto de terem tido a sorte de lhes renovarem contratos??? Eu acho que se devia efetivar pela graduação pois é a forma mais justa de o fazer, porque efetivariam primeiro os que têm mais anos de serviço e não os que tiveram a sorte de verem os seus contratos renovados e com menos anos de serviço. Eu acho que é hora dos sindicatos terem isto em conta e dialogarem com o MEC… que se faça justiça!!! Será justo efetivarem os mais novos à frente dos colegas com mais tempo de serviço???

    • Filipa Alexandra da Cruz Silva on 19 de Janeiro de 2014 at 3:26
    • Responder

    Os valores apresentados estão errados!Pois no meu caso em particular apenas aparece com contrato em 2009-2010 e tenho tido sempre desde 2008. Portanto, por boa vontade que exista neta apresentaçao, os dados fornecidos não são corretos.

      • Isa on 19 de Janeiro de 2014 at 10:24
      • Responder

      Os dados são só a partir de 2009/2010, como o Arlindo refere, por isso, nesse sentido estão corretos.

    • João on 19 de Janeiro de 2014 at 4:27
    • Responder

    Pelo que vejo falta ainda contabilizar a malta que leciona nas ilhas!!! São mais alguns a somar aos 1420.


    1. Sim.

    • Ana Carvalho on 19 de Janeiro de 2014 at 8:55
    • Responder

    Não estão, como diz o povo, a por os bois à frente da carroça! O ministro falou em alterações a partir de 2015 ( 5 anos sucessivos…) e que este ano ainda haverá um concurso extraordinário para as 2000 vagas. Tenham calma!

      • tecas on 19 de Janeiro de 2014 at 9:35
      • Responder

      Concordo com a Ana Carvalho.
      No entanto volto a pedir ao Movimento dos Professores Contratados para exigirem que os critérios apenas incluam pessoas que têm lecionado no ensino público e que o tempo de serviço seja decisivo! Se não for assim entrarão colegas com menos tempo de serviço, pois tiveram a sorte de renovar!

    • Ana Carvalho on 19 de Janeiro de 2014 at 9:08
    • Responder

    O ministro da Educação anunciou hoje a integração nos quadros de cerca de dois mil professores contratados, num concurso extraordinário que se realizará ainda este ano.

    Em conferência de imprensa, Nuno Crato afirmou que, ainda nesta legislatura, será aprovada uma alteração à lei no sentido de garantir a integração automática nos quadros de todos os professores que tenham cinco contratos anuais, completos e sucessivos.

    “A partir de 2015, quem for contratado pela sexta vez nestas condições passa a pertencer aos quadros do Ministério”, explicou.

    As alterações hoje anunciadas surgem no seguimento de recomendações do provedor de Justiça e da Comissão Europeia, que em novembro deu dois meses ao Governo para corrigir o tratamento discriminatório de que são alvo os docentes contratados face aos colegas do quadro, que têm o mesmo tempo de serviço mas remunerações mais altas.

    Ler mais: http://expresso.sapo.pt/ministerio-da-educacao-vincula-dois-mil-professores=f851196#ixzz2qpkaM8Oy

    • 123plim on 19 de Janeiro de 2014 at 10:11
    • Responder

    E o s horários zero? Ninguém responde? Pois é a situação mais ingrata, espero que muita gente efetive e bem, mas não concordo que efetivem sem haver um concurso nacional que apure as reais necessidades do sistema.

      • Professora on 19 de Janeiro de 2014 at 11:36
      • Responder

      Concordo na íntegra com a existência de um concurso nacional ANTES de qualquer vinculação com as reais necessidades do sistema dado que o de 2013 foi “para inglês ver”. E são estes concursos nacionais que sempre regeram as entradas para o sistema e são justos, pois cada um (seja do quadro ou contratado) concorre com o nº de dias que tem, independentemente, de ter tido num dado ano, horário completo, incompleto, sustituição temporária, perdido tempo de serviço por qualquer motivo na sua vida, ter entrado ao serviço no dia “x” ou no dia “y”.

      A graduação profissional não é só composta por tempo de serviço!!!!!!!!!!!

      Acordem, com a “fúria desmedida” de vincularem estão a desvirtuar todo o sistema de entrada e ordem pela qual se vai entrando. Nem conseguem ser justos nem reunir consenso dentro do grupo dos contratados!

      O pessoal que se sujeitou a ir para ilhas, Timor, PALOP, está esquecido????? Ah, pois não foi contratado pela DGAE, logo são enteados!!!!!!!!!!!!

      E o pessoal do quadro que tem “n” anos de serviço, está desterrado, apostou em obter mais qualificações, está com horário-zero ou quase… como é que fica???????

      CUIDADO com o que andam a reinvendicar para não criarem ainda mais desunião e conflitos com tanta injustiça e cegueira!!!!!!!!!

      Só estou para ver como é que isto vai ficar, pois quem se vai queixar serei eu e mais uns tantos……..

        • Professora on 19 de Janeiro de 2014 at 12:18
        • Responder

        Que saudades dos tempos em que o concurso nacional era anual! Desta forma, era dada a possibilidade a todos de mudarem ou ingressarem nos quadros e até o contrato era anual. Eventuais injustiças eram repostas no ano seguinte. Agora os concursos nacionais são de 4 em 4 anos, passou a existir reconduções de contratados (alguns), ofertas de escola com entrevistas e concursos externos extraordinários anuais!!!!!!!???????

        Estamos a ir no caminho errado!

        Vejam lá se não há nenhuma Diretiva Comunitária que obrigue o MEC a abrir, anualmente (concurso nacional), as vagas correspondentes às necessidades permanentes do sistema? Isto é que resolvia o problema de todos!!! E não ao fim de “x” contratos a contar desde que lhes apeteça e um prof que tenha tido o azar de ter 1 dia a menos fica a ver os outros passarem-lhe à frente, já para não falar dos do quadro que não sei como ficam (agora que todos os anos vão vincular os contratados com x contratos anuais completos)???????????

    • Madalena on 19 de Janeiro de 2014 at 12:03
    • Responder

    Concordo com o 123 plim. Então e os horários zero que entretanto estão noutro grupo para o qual possuem, igualmente, formação, são do quadro e vão ser ultrapassados por contratados com muito menos tempo de serviço? Vêm para a rua e ficam lá professores com menos graduação. Então, que me considerem contratado para poder apanhar um bom lugar de quadro. Lanço o repto a quem estiver nestas condições. Temos que unir-nos e fazer valer os nossos direitos. É uma questão de justiça.

      • Professora on 19 de Janeiro de 2014 at 12:30
      • Responder

      Cara Madalena, não concordo com a sua afirmação “que me considerem contratada”, pois se a colega é do quadro, é do quadro e prontos (já lhe deve bastar os anos em que andou contratada, ou não?). Não vai andar “de cavalo para burro”. Penso que devemos exigir é a possibilidade de também concorrermos às vagas que “agora o MEC descobriu que são permananentes, aliás, são necessidades de médio e longo prazo como sua Excelência(!) lhe chamou”.Isto é, concurso nacional (interno e externo e restantes fases) para todos.

    • THZ on 19 de Janeiro de 2014 at 12:10
    • Responder

    E esses 5 anos caso vá contar para trás nesta entrada de 2000 docentes será contabilizada até 31 de Agosto de 2013 ou de 2014? Eis a questão…

    • neli on 19 de Janeiro de 2014 at 12:42
    • Responder

    Parabéns pelo trabalho! Acho muito injusta esta medida, mas já começo a acostumar-me. Tive horário completo e anual desde 2003/2004, até 2911/2012, altura em que a escola em que me encontrava à seis anos consecutivos agrupou a uma escola secundária e todos os contratados foram excluídos. Claro que nesse ano apanhei “restos” de horários pois tratava-se de ano de recondução! Neste momento, assim como no ano anterior estou com horário temporário, mas para o ano todo….

    • THZ on 19 de Janeiro de 2014 at 13:12
    • Responder

    Sendo q o sindicato dos Açores já veio reclamar a efetivação de 300 professores q reunem os requisitos e imaginando q a Madeira anda +- pelos mesmos numeros, já se chegam aos 2000 q está previsto efetivar.

    • Paula Castanho on 19 de Janeiro de 2014 at 13:29
    • Responder

    Arlindo sou o candidato 8229425469 e ano de 2009/10 tive 365 dias, ando à 17 anos com este e tive 11 horários completos e agora sou excluida? Isto é mesmo uma vigarice, vão ser aqueles que não tem tempo de serviço quase nenhum que vão entrar para os quadros?? È triste este país…

    • cristina on 19 de Janeiro de 2014 at 13:34
    • Responder

    Arlindo, o meu número é 3793901491 e este ano fiquei com horario completo, anual em oferta de escola a 4 de outubro… por isso são 4 contratos + 1 (2013/2014) certo?!

    • celia maria inverno cantigas on 19 de Janeiro de 2014 at 14:59
    • Responder

    Olá Arlindo, o meu nome é Célia Cantigas e gostava que me esclarecesse um a grande duvida. Eu sou QZP de Beja de EVT e este ano ainda não obtive colocação , logo estou no mesmo agrupamento em que estive nos últimos a anos transatos. As listas vão saindo e eu continuo nos nao colocados. Que me irá acontecer no próximo ano letivo??Ando muitíssimo preocupada! Gostava muito que me ajudasse a esclarecer esta biggggg duvida. o meu mail é celiacantigas72 @gmail.com, Obg desde já.
    célia

    • ivonecontratada on 19 de Janeiro de 2014 at 15:37
    • Responder

    Oi, Gente! Os cinco horários completos e sucessivos é só a partir de 2015.

    • Odilia on 19 de Janeiro de 2014 at 15:46
    • Responder

    Colegas isto é um engodo do MEC. Eles estão à rasca.

    A diretiva que veio lá de fora dava-lhes algum tempo para arranjarem uma solução. Eles vieram com esta. Objetivo de calarem as pessoas.

    Estamos mais perto, do que nunca, de entalar o crato e este governo.

    Aceitar azeitonas quando temos direito a oliveiras é um erro!!

    • luis miranda on 19 de Janeiro de 2014 at 17:35
    • Responder

    Em 1º lugar temos um concurso extraordinário este ano..Se for necessário outro em 2015. Em 2015 começa a contar o prazo dos 5 anos. O Arlindo com a sua lista está a iludir os professores. Pode haver colegas que agora tem condições, mas com os lugares preenchidos pelos concursos de 2’14 e 2015 não venham a ser colocados em horários completos.


    1. Não tenho a certeza se será apenas em 2015 que começa a contar os cinco anos ou se em 2015 quem entrar no 6º contrato consecutivo fica enquadrado na vinculação falada por nuno crato.


  4. Arlindo no ano letivo 2012/2013 fiquei colocado a 1 de setembro num horário de 19 horas. Entretanto rescindi contrato e fiquei numa OE com um horário anual e completo e válido a partir de 01/09/2013. Pelo que nessa situação podemos concluir que se trata de um contrato anual e completo e sendo assim a lista está errada. Candidato 1294796364.


    1. Errada não está tendo em conta as listas que usei. Mas é claro que cada caso é um caso diferente e podem algumas situações não estar aqui contempladas.

    • Catarina Silva on 19 de Janeiro de 2014 at 20:16
    • Responder

    Arlindo, parabéns e obrigada pelo excelente trabalho, mas surgiu-me uma dúvida… Daqui para a frente quem pode renovar contrato? Os docentes que ficaram colocados em horários completos anuais com efeito a 1 de setembro de 2013 ou quem ficou colocado até 31 de dezembro de 2013 em horário completo anual?

    Cat

    • Adelina on 19 de Janeiro de 2014 at 21:00
    • Responder

    Boa noite Arlindo,
    Sou professora de filosofia, Adelina Maria Alves Oliveira, nº 5027966490, não consto da lista e desde 2009 tenho tido horários completos.
    Obrigado pelo trabalho.


    1. Apenas estão considerados os colocados na CI ou Renovação, como este ano foste colocada apenas na RR2 não apareces colocada neste quadro, mas apenas neste ano letivo.

    • adelina on 19 de Janeiro de 2014 at 23:14
    • Responder

    Arlindo fico com a seguinte dúvida, fui colocada a 12 de setembro, em horário completo, mas uma semana depois aceitei o horário da escola onde me encontro a trabalhar, que também é completo e até 30 de agosto (aproximei 50 Km da residência!). Poderá ter alguma implicação negativa? a nível nacional tenho a posição 16.

    • Susana Carvalho on 20 de Janeiro de 2014 at 0:16
    • Responder

    Olá Arlindo. Sou a candidata 2275842055 e fui colocada em Agosto de 2009 e obtive renovação de contrato até 2012/2013. Mas não me encontro na sua lista! Pode verificar, por favor? Obrigada.

    • Rute on 20 de Janeiro de 2014 at 0:30
    • Responder

    Boa noite, Arlindo!
    Sou a candidata 4306016226 e em 2012/2013 fiquei colocada numa Teip ( Fernando Pessoa), na qual ainda me encontro por renovação. Neste caso são contabilizados os 5 anos, certo? Continuação do excelente trabalho que tem feito.


  5. O regime legal não pode vir a ser este, os sindicatos devem negociar que pelo menos o tempo parcial conte como percentagem do tempo integral

    http://ivogoncalves.wordpress.com/2014/01/19/vinculacao-de-professores-a-falacia-do-tempo-completo/

    • João on 20 de Janeiro de 2014 at 11:36
    • Responder

    Um bom trabalho.
    Para contribuir para a contagem:
    Candidato: 1146435002
    Colocado em 2010-2011 por recurso hierárquico.
    Colocado em 2013-2014 numa Tiep em 30-09-2013

    • Sofia Costa Dias on 20 de Fevereiro de 2014 at 19:57
    • Responder

    É fantástico o trabalho e a dedicação que o Arlindo tem.
    Agradeço por toda a informação atualizada que tem partilhado.
    Por todo o apoio que tem dado à classe docente.
    Muito obrigado e que continue o seu excelente trabalho…

    • Vera on 20 de Fevereiro de 2014 at 20:24
    • Responder

    Boa noite Arlindo. Sou a candidata nº 5167160502, tive 4 contratos consecutivos desde 2009 e este ano letivo (2013/2014) fiquei colocada numa oferta de escola (TEIP) em 30 de setembro com horário completo anual, devido ao concurso ter-se efetuado após as listas de 12 de setembro. Poderei considerar esta última colocação como o 5º contrato consecutivo? Ou deixa de sê-lo por não ter sido colocada nas listas de 12 de setembro? Obrigada e parabéns pelo trabalho desenvolvido.

    • C Sal on 21 de Fevereiro de 2014 at 16:25
    • Responder

    E voltamos ao mesmo………porquê desde 2009…..e os outros antes?
    Quem teve o azar de não ter sido colocado nos últimos tempos devido aos mega agrupamentos e inumeras alterações sem nexo e que se lixa………….

    • C Sal on 21 de Fevereiro de 2014 at 16:30
    • Responder

    Totalmente de acordo…..é só vigarices……..

    • Vitória Vieira on 25 de Setembro de 2014 at 14:29
    • Responder

    Boa tarde Arlindo!

    Eu tenho 5 anos em horário completo, anual. No entanto, o 1º contrato, embora tivesse tido efeitos retroativos na contagem total do tempo de serviço (365 dias), na verdade apenas entrei a dia 10. É possível dizer-me se estou ou não em condições de vincular no próximo ano letivo. Muito obrigada.


  1. […] São 1420 Docentes com Pelo Menos 5 Contratos Anuais e Completos […]


  2. I liked your blog very much.

    I want to thank you for the contribution.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog