Uma Lição de Números

A alteração aos números declarados pela Fenprof encontram-se entre parêntesis com os respetivos links para os estudos.

E podia procurar mais estudos para retificar tudo, mas ficam apenas os essenciais. 😀

 

Apesar de colocar mais professores do que em agosto de 2012, MEC deixa sem colocação mais “horários zero” e atira para o desemprego todos os candidatos à contratação!

 

No final de agosto de 2012 já se tinha assistido a uma forte redução das colocações, comparativamente a anos anteriores, confirmando-se, aliás, a tendência que se iniciara em 2011.

Vejamos o total de colocados desde 2010, em final de agosto (mobilidade interna e contratação):

2010

2011

2012

18.315

14.825

9.611

Este ano, de acordo com as listas divulgadas (30 de agosto de 2013), terão sido colocados 10.845 (10826 em 1ª prioridade + 2530 em 2 Prioridade o que dá 13356 colocados) professores e educadores. Isto é, mais 1.234 do que em 2012. O que, no entanto, é surpreendente é que, apesar desse aumento, o MEC deixou sem colocação 2.166 (2185) docentes dos quadros (“horários-zero” em mobilidade interna), enquanto em 2012 tinham ficado por colocar 1.874 (1872).

Mas, este ano, destaca-se ainda o facto de não ter sido colocado qualquer professor para contratação, enquanto em 2012 tinham sido contratados 7.612 (7607)! Ou seja, todos os candidatos à contratação ficaram desempregados, confirmando-se que, na próxima segunda-feira, deverão apresentar-se nos centros de emprego.

Outro dado importante é que, em 2012, o MEC deixou as escolas retirarem do concurso à mobilidade interna, antes das colocações, 9.433 docentes, porém, este ano, apenas foram retirados 5.316 (5117)!

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2013/09/uma-licao-de-numeros/

6 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • isa on 1 de Setembro de 2013 at 21:08
    • Responder

    Arlindo, obrigada pelo excelente trabalho que nos ajuda a todos. Gostava apenas de saber se os cerca de 7600 professores contratados em 2012 corresponde ao número total de renovações e contratação inicial ou se é apenas relativo à contratação inicial. Obrigada mais uma vez.


  1. Os links remetem para os estudos.

    • António on 2 de Setembro de 2013 at 0:31
    • Responder

    Viva! Atenção que ao número de professores não colocados na MI não corresponde necessariamente um número igual de horários zero. Existem casos de professores que concorreram voluntariamente, sabendo que tinham componente letiva na sua escola, mas que pretendiam mudar de escola para se aproximarem da residência, por exemplo…

    • Doraleal on 2 de Setembro de 2013 at 0:46
    • Responder

    Só há uma solução: os professores do quadro devem ir todos para fora do país.Podem ser enviados para:Marte, Antártida;Alasca.Qualquer sítio longe do país e depois vão ser velhos e custar dinheiro à segurança social.Todos os quadros de agrupamento /escola e qzp, tem de ser chutados.Estesw bandidos não fazem nada e ainda recebem dinheiro dos nossos impostos.
    Seguidamente vinculam-se todos os professores contratados nos ditos quadros e com o ordenado do 10ºescalão.
    Sim porque felizmente nenhum bandido do quadro atingiu o 10 º escalão.

      • Pois on 2 de Setembro de 2013 at 11:44
      • Responder

      LOL. IDIOTA!


  2. Sou contratada, mas respeito os colegas do quadro e não gosto que “Doraleal” fale assim, simplesmente é incorreto. Revolte-se contra o Mec…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog