FNE Adere às Lutas de Junho

… e não se demite da negociação.

Aprovadas as iniciativas por UNANIMIDADE e ACLAMAÇÃO.

 

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=Qn7D_tUU2ZY]

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=yMK2wX-_0X0]

arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2013/05/fne-adere-as-lutas-de-junho/

13 comentários

2 pings

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • trill on 21 de Maio de 2013 at 18:35
    • Responder

    assim é que deve ser.

      • trill on 21 de Maio de 2013 at 22:53
      • Responder

      mas essa luta irá muito para além de Junho pois o que estão a propôr aos profs é o desemprego.

        • trill on 21 de Maio de 2013 at 22:59
        • Responder

        O líder da FNE colocou hoje como condições para a não realização da greve a garantia de que não haverá mobilidade especial para professores, que o horário de trabalho não será aumentado e que se mantém a redução da componente lectiva dos docentes mais velhos. “

  1. Não tinha outra solução. Ou isso ou a sobrevivência. Compreendo que não de demita de coiso, só que….desta vez, o difícil vai ser “desaderir”. A FNE pensou nisso?

    • :(... on 21 de Maio de 2013 at 19:08
    • Responder

    Alguém sabe concretamente quais os motivos da greve?, só a mobilidade parece-me mto pouco, para tanta coisa mal…

    1. Onde é que um sistema que reduz o salário para metade durante 18 meses e que depois leva ao despedimento lhe parece mto pouco? Agora é óbvio que aá mais de mal nestas medidas de austeridade, como a não colocação de milhares de contratados, a diminuição de salário e o aumento da carga horária…

    • Pereira da Silva on 21 de Maio de 2013 at 19:31
    • Responder

    Com os milhares de pedidos de aposentação que aguardam homologação da CGA nenhum professor EFETIVO ou QZP vai ter que ir para a MobiLidade.Temos é que garantir que não vai haver aumento de horário letivo e assegurar as reduções para os mais velhos.Ao contrário do que dizem os títulos, afinal a FNE não deu a certeza de aderir à greve aos exames.
    E há outros sindicatos pequenos que também ainda não garantiram a greve às avaliações.

      • :(... on 21 de Maio de 2013 at 19:41
      • Responder

      Pois, era aí que eu queria chegar; um aumento da carga lectiva é que acho uma loucura, não sei quem irá aguentar.

      • João Pestana on 21 de Maio de 2013 at 20:45
      • Responder

      Parece que, faz tempo, andam por aqui pessoas que não deverão ser docentes e cujo interesse é mesmo mitificar as situações e causar ruído colocando uns contra os outros.
      Mais horas de trabalho, mais despedimento, mais precariedade não é boa para NINGUÉM!
      Quais QUADROS quais EXTRA QUADROS?
      ESTOU CANSADO DE QUADROS E EXTRA QUADROS (DETESTO O TERMO POIS PARA MIM SÃO TODOS PROFESSORES CUJA DIFERENÇA FOI A DATA DE FIM DA LICENCIATURA) COM A MANIA!

      • Abílio on 22 de Maio de 2013 at 0:32
      • Responder

      Não é bem assim !… Há imensos professores dos quadros e QZPs que não reuniram as condições para pedirem a aposentação ou entenderam que não o poderiam fazer pois as penalizações iriam pôr em perigo a sobrevivência da família. Todos ESSES estão em perigo!!!

  2. afinal os tais dos brandos costumes também vão . Cambada de oportunistas! Só pensam no seu lugarzito à secretária e depois ainda de põe com interrogações existenciais sobre a adesão à greve. Cresçam!!!

    • Rui Taveiras on 21 de Maio de 2013 at 23:30
    • Responder

    Fogo de artificio da FNE, como sempre, assinará um documento a cantar vitória como sendo um recuo do MEC, mas depois as diferentes interpretações desse texto levarão os professores a ser mais uma vez os bombos da festa dos governos! e assim se vai a luta…

    • Zaratrusta on 22 de Maio de 2013 at 9:10
    • Responder

    Vai uma aposta?

    – Cinco minutos de reunião entre o Dias da Silva e o Crato e a FNE desconvoca a greve;
    – Nenhuma forma de luta terá qualquer adesão. A bananice que atacou os profs está definitivamente instalada. É ouvir as conversas nas salas de professores.

  1. […] confirmada pelo Arlindo, aguardo pela capacidade da ressuscitada Plataforma Sindical conseguir o apoio, ou pelo menos a […]

  2. […] Read more: http://www.arlindovsky.net/2013/05/fne-adere-as-lutas-de-junho/#ixzz2TxDclKDy […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog