«

»

Set 07 2012

Imprimir Artigo

Exercício Matemático Para a Manhã de Hoje

… enviado pelo Bruno Reis e que pode ser discutido na caixa de comentários.

 

 

Como é possível calcular a nota de cada candidato aos concursos de escola, respeitando a lei vigente? Eu não sei e passo a explicar porquê:

Numa determinada CE, o factor “entrevista” está dividido em 4 critérios, valendo: C1 10%; C2 20%; C3 10% e C4 10%.

Terminada a entrevista um candidato com 15 de graduação obtém o máximo de pontuação na entrevista, ou seja 50%.

Agora, alguém é capaz de explicar como se soma uma graduação com uma percentagem, para se chegar à nota final do candidato?

Para se poder somar a graduação à nota da entrevista, teríamos de saber à partida qual é a graduação máxima possível (o que não existe) e assim fazer a conversão para percentagem. Só assim se poderia fazer a soma com a nota da entrevista. Como dependemos de uma coisa inexistente para fazer essa soma, essa soma não pode ser feita!

É como se tentássemos somar a percentagem de laranjas numa árvore com as laranjas que temos num cesto. Ora eu sei lá qual é a percentagem de laranjas que a árvore tem! Eu não posso dizer que 100 laranjas equivale a 100%, pois a árvore pode nunca chegar a dar 100 laranjas ou pode até ultrapassar esse número. Portanto é impossível somar a percentagem de laranjas de uma árvore com as laranjas que eu tenha num cesto.

Assim como é impossível transformar graduação numa percentagem para que possa ser somada à nota da entrevista.

Estou a pensar mal?

Na verdade, poder até se pode somar uma percentagem a um valor absoluto, mas não é o que está a ser feito pelas direccões dos agrupamentos e vai contra o espírito (embriagado) da lei, no entanto respeita a sua letra, ora vejam:

graduação profissional – 20

avaliação da entrevista ou do currículo – 100%

Ora, se cada componente vale metade na nota final teríamos a fórmula:

nota = (20×50%) + (100%x50%) <=>

nota = 10 + 50% <=>

nota = 10 + 0,5 <=>

nota = 10,5

Ou seja, para se aplicar a lei e, já agora, a matemática, a nota de candidatura de um professor com graduação profissional de 20 e com 100% na avaliação da entrevista ou currículo, seria de 10,5. Sim, 10,5! E se assim não for não está a ser respeitada a lei. E não está em nenhuma contratação de escola. Se não está a ser respeitada a lei, isso significa que todas as contratações de escola são ilegais.

 

Obrigado,

Bruno Reis

arlindovsky
Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Comentários

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2012/09/exercicio-matematico-para-a-manha-de-hoje/

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog

Este site utiliza cookies para ajudar a disponibilizar os respetivos serviços, para personalizar anúncios e analisar o tráfego. As informações sobre a sua utilização deste site são partilhadas com a Google. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Fechar