«

»

Set 18

Imprimir Artigo

Anos de Serviço por Grupo Disciplinar

Para não andarem a criticar-me por apresentar apenas os dados dos docentes com mais de 10 anos de serviço deixo aqui os quadros com o número de anos de serviço de todos os docentes que se encontram nas listas definitivas de ordenação. O primeiro quadro tem apenas os docentes que concorreram na 1ª prioridade e o segundo quadro os que concorreram na 2ª prioridade.

 

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2012/09/anos-de-servico-por-grupo-disciplinar/

37 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

  1. SF

    Arlindo, obrigado mais uma vez pelo seu trabalho fantástico!!! Muito útil.

       0 likes

  2. JC Narciso

    Caro «colega»: as coisas não deverão ser feitas assim. É a prova que muitos «docentes» gastam o seu precioso tempo com tarefas INÚTEIS. Isto é palha !
    Se quer fazer uma coisa como deve ser deverá fazer listas por grupos, assinalando o tempo de serviço dos professores a contrato e os professores já em quadro. O objetivo será o de verificar, assinalar, denunciar, que muitos dos «contratados» têm mais tempo de serviço do que os seus pseudo-colegas do quadro. Não estou a falar de grupos diferentes, mas sim do mesmo grupo. Isto é grave ! Isto é que precisa de ser denunciado.

       0 likes

    1. pt.

      JC Narciso, eu estou em quadro desde 1997 (ou pseudo-quadro, como quiser, tanto me faz a sua opinião) e ao consultar as listas de ordenação dos contratados do meu grupo verifico que há vários com graduação bem superior à minha. Quer explicar-me porquê? Talvez encontre a resposta em alguns comentários abaixo. Quer explicar-me também onde está a ilegalidade de haver professores contratados com graduação superior à de outros que estão no quadro? Sabe, é que fazer viagens de comboio de Lisboa ao Algarve, nos idos de 1994, levava uma noite inteira… pelas 11 e tal da noite apanhava o barco até ao Barreiro e por volta das 7 e pouco da manhã chegava a Faro. Espero que tenha ficado esclarecido.

         1 likes

      1. JC Narciso

        Tenha juízo. Você revela inexperiência. Todos temos a nossa história… uma mais macabra do que a outra…

           0 likes

        1. pt.

          Não respondeu a nenhuma questão que coloquei. Mas não se incomode. Ah, e obrigado pela recomendação para ter juízo, prometo que me vou esforçar ;)

             0 likes

      2. Musica

        Este JC Narciso deve ser cá um cromo! Para alem de criticar um trabalho absolutamente espetacular e altruísta como este (a ver se o fazia ele), ainda manda bitaites absurdos! Sim, os professores só ficam colocados para escolas para as quais concorreram, camarada! Se calhar tem a ver com as opções de cada um, certo?

           0 likes

  3. Dulcinea

    Que trabalho fantástico.
    Parabéns pela dedicação.

       0 likes

  4. Mel

    Parabéns Arlindo mais uma vez pela ajuda preciosa, assim todos nós teremos uma noção mais precisa de todo este panorama que se avizinha e não é nada tranquilizador.
    Não partilho da opinião do colega JC Narciso, pois esse comentário é que é inútil. Deve pensar um pouco e questionar-se por que razão alguns colegas ainda não está vinculado, pois alguns deles nunca quiseram ir para longe das famílias e não arriscaram vincular a centenas de quilómetros. Mas sou da opinião de que todos os professores que têm pelo menos 3 anos de serviço deveriam vincular, se todo o empregador do privado tem esse dever, então o estado que cumpra a lei.
    Mas o que aqui está em causa é a qualidade do trabalho que o Arlindo tem feito e isso é algo que todos deveriam estar agradecidos.

    Mais uma vez obrigada Arlindo pelo tempo disponibilizado.

       1 likes

  5. jak

    Obrigada Arlindo e gabo-te a paciência… Fogo! A pachorra que tu tens.

       1 likes

    1. Musica

      Realmente! Há com cada cromo neste mundinho…

         0 likes

  6. jak

    E quando refiro a tua paciência, não tem a ver com o teu fabuloso trabalho de recolha e análise de dados.
    :)

       1 likes

    1. Ilídia Pinheiro

      Obrigada ;)

         0 likes

      1. jak

        Então ? Han? de q? :)

           0 likes

        1. Ilídia Pinheiro

          Upss. Era para o Arlindo. Enganei-me na caixa…

             0 likes

  7. Shue

    Contra factos…

       0 likes

  8. Fátima

    Mto obrigada, Arlindo pelo seu trabalho sp tão dedicado! Fantástico!… :) ))

       0 likes

  9. Fátima

    Só uma dúvida… Na primeira tabela, o tempo/ano do estágio/profissionalização tb está incluído no tempo total de serviço? Obrigada!

       0 likes

    1. Shue

      O tempo de serviço inclui o antes e depois da profissionalização, tal qual constam das listas oficiais da DGAE.

         1 likes

  10. Paulo Guinote

    JC NArciso,

    Eu fui um desses contratados com mais tempo de serviço que os do quadro.
    Esperei até ser colocado onde tinha interesse em leccionar e ficar, não onde tivesse de pedir destacamento.

    Não há “pseudo” nada. Apenas há pessoas com diferentes prioridades pessoais e profissionais.
    Perdi dinheiro, mas isso não é o mais importante.
    Entrei no quadro de escola aos 40 anos de idade.
    Paciência.

       1 likes

    1. Shue

      Quem me dera entrar nos quadros aos 40… pelo andar da carruagem nem de bengala.

         1 likes

      1. ana100

        Eu já tenho 43 e pelos vistos nem com vinculação extraordinária me safo! com 100 e muitos há minha frente e perante a conjuntura vou ficar todos os anos a trabalhar sim mas vinculo, nem vê-lo! haja paciência que isto já é demais! IRRA!

           0 likes

      2. ana100

        Eu vou de andarilho e FRALDA.

           0 likes

    2. Fartadisto

      Sou da mesma opinião que o Paulo Guinote.
      Rosária

         0 likes

    3. JC Narciso

      Sr. Paulo, vindo de si até parece que não está a par de nada, do espectro que envolve a Carreira e a Não Carreira. Pois, porque o que aqui está em causa é SOMENTE os que estão na Carreira (progridem, ganham mais, têm direitos… e são apelidados de Professores) e aqueles que estão fora da Carreira (não progridem, são mão de obra barata, não têm os mesmos direitos… e, na verdade, são Docentes Contratados…). Cada um sabe das suas dores e entre pares as regras e os direitosdeveriam ser totalmente iguais.

         0 likes

    4. jak

      @PG- pois.
      E houve uns anos mais afoitos, outros menos e histórias de vida para quem as foi tendo pelo meio. Há quem tenha tido sempre horror aos Destacamentos- fossem eles quais fossem. Imagino que esses, nos quais me incluo, se tenham maioritariamente lixado.

         0 likes

  11. Assistente Tecnico

    Documento que ajuda quem estiver atento… os próximos anos são negros!

    Podemos verificar várias coisas neste mapa. E parece-me que se não for um trabalho rigoroso, a questão da “pseudo-vinculação”, será o final para os restantes contratados. Estejam atentos na discusão pública e negociação com os parceiros sociais….PARTICIPEM!!!

       0 likes

  12. vidinha

    Ok. Os do quadro agora ficam em horário zero. os de menor tempo de serviço ficam sempre em casa, com horário assegurado e com DCE…

       0 likes

  13. Croc

    Logicamente que, se houver uma vinculação extraordinária, o tempo de serviço até 31 de agosto de 2012 terá de ser tido em conta, é um contrato que já foi concluído, é tempo de serviço que já foi adquirido no ano letivo anterior…

       1 likes

  14. tecas

    Concordo inteiramente com Croc. O tempo de serviço até 31 de agosto de 2012 deveria contar!
    Gostaria de saber se o Ministro já começou a reunir com os sindicatos sobre a vinculação, mas parece-me que este tema já está a ser protelado…

       0 likes

  15. tt

    Excelente trabalho.
    Muitos parabéns!

       0 likes

  16. Alexandre

    Arlindo ainda vais parar ao ME… ;-)
    Parabéns e obrigado!!!

       0 likes

  17. Manena

    Parabéns, Arlindo! Excelente trabalho.
    Eu tenho 56 anos e fui ultrapassada por colegas que vinculavam no 1º ciclo e depois davam o salto para o 2º ciclo. Que culpa tenho de não poder ter concorrido ao 1º ciclo?

       0 likes

  18. Manena

    O comentário acima é para responder ao PT.

       0 likes

  19. Alexandra

    Admiro-me como ninguém protesta contra a falácia dos 10 anos. Até hoje o que sempre contou foi a graduação de um candidato e não o seu tempo total de serviço. É verdade que, entretanto, universidades houve (que nem o seu nome me apetece pronunciar e que são tanto públicas como privadas) a diplomar pessoas com 17 valores (independentemente de coisas que são coisas do diabo)
    Mas também é uma coisa do diabo esta obstinação com os 10 anos e não se falar da graduação dos candidatos. Não nos quer explicar porquê Arlindo?

       1 likes

    1. oleg

      Concordo em absoluto. Todas as pessoas que estão neste momento no quadro entraram pela sua graduação. Qual o sentido de agora fazerem esta vinculação dos 10 anos. Quem se lembrou deste nº?
      Alerto todos os contratados com menos de 10 anos de serviço e melhor graduação, que se isto for para a frente, dificilmente voltamos a ter lugar. Dá para perceber pela tabela. Quando se pede a vinculação é um direito que assiste ao público e privado a partir dos 3 contratos seguidos, Quantos de nós tivemos mais de 3, 4, 5 ou mais contratos seguidos para o MEC?

         0 likes

  20. Girassol

    Arlindo…continuo a dizer:Faz um trabalho fantástico,com todo o tipo de grelhas que publica.Estar a pedir que fizesse esta mesma apresentação por grupo claro q era o ideal.Mas,na verdade,não deixa de ser um trabalho e de grande carácter altruísta!!!Quando à manifestação do meu ponto de vista tempo de serviço vs graduação,continuo a ser defensora do tempo de serviço.Quem anda cá há mais tempo a leccionar,numa entrega total à causa,mtas vezes colocando a sua vida profissional à frente da pessoal muitas vezes,quem andou por longe,quem trabalhou em 2 ou mais escolas por ano letivo,deve com todo o direito ser tido em conta.No meu caso pessoal,já ultrapasso os ditos 10 anos de serviço…Porquê 10..?A mim não me compete dizer se está ou mal,o que é certo é que no meio empresarial,ter 3 anos de serviço já foi sinónimo de efetivação para muito boa gente por este país fora……

       0 likes

  21. @bc

    Aqui não há culpados.

    As regras mudam em conformidade “com o vento” . Há que aceitar que algumas vezes seremos beneficiados noutras nem tanto.
    Já agora, também foi bom não ter nascido 18 anos antes das duas guerras mundiais. Se tivesse que escolher preferia ter nascido na década de 50 do séc. passado.

       0 likes

Deixar uma resposta

Follow

Get every new post delivered to your Inbox

Join other followers:

Login