24 de Setembro de 2012 archive

Ponto de Situação dos Recursos Hierárquicos

Pelo que me apercebi da leitura dos comentários dos posts da última semana já foram deferidos alguns recursos hierárquicos.

Na caixa de comentários podem dizer se os recursos relativamente aos DCE com pedidos indeferidos já foram resolvidos e se os recursos relativamente às prioridades da Mobilidade também já estão resolvidos.

Já agora, caso tenham interposto recurso às listas de renovação e da contratação inicial podem também dizer se já tiveram alguma resposta.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2012/09/ponto-de-situacao-dos-recursos-hierarquicos/

O Ponto de Partida dos Sindicatos para a Vinculação

As duas maiores Federações de Sindicatos já anunciaram os seus pontos de partida para a negociação com o MEC que se iniciará no mês de Outubro para a vinculação de Professores Contratados. Ambas indicam um tempo de serviço mínimo de três anos para acederem a esta vinculação “extraordinária”.

Para a FNE, o critério essencial deve ser o mesmo consagrado na “lei geral do país”, garantindo a vinculação “de todos aqueles que ultrapassam três anos sucessivos de contratação”.

Assim, a proposta apresentada pela FENPROF é a seguinte:

– Vinculação extraordinária, com efeitos a 1 de setembro de 2012, de todos os docentes com 3 ou mais anos de serviço que exerceram atividade docente em 2011/2012.

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2012/09/o-ponto-de-partida-dos-sindicatos-para-a-vinculacao/

Sobre a Colocação de Professores na Formação Profissional

Algumas informações sobre a colocação de professores na formação profissional do IEFP:

Tendo em conta a abertura de 60% das vagas para docentes, seria também interessante que grande parte destas vagas pudessem vir a ser ocupadas para servir uma futura vinculação “extraordinária”.

Resumo da reunião com o Presidente e Vice Presidente do IEFP

 

– Haverá lugar a concurso para colocação de professores nas Áreas da Componente Base em data ainda incerta;

– A atual suspensão de início de ações de formação não se deve a este concurso. Está relacionada com o Ministério das Finanças (a situação está a ser resolvida, sem previsão de data);

– Este concurso não afectará a Componente Tecnológica, que permanecerá como até à data;

– O concurso será colocado na plataforma do Ministério da Educação e o início será amplamente divulgado;

– O concurso obedecerá aos moldes das ofertas de escola/ AECS (50% graduação; 50% entrevista).
O tempo de serviço de formação será tido em conta (claro que têm que solicitar que o mesmo seja transformado em dias de serviço para efeitos de graduação), assim como a colaboração mantida com o IEFP.

– Poderão concorrer profissionais com habilitação para a docência, mesmo que não constem das actuais listas de professores do Ministério da Educação. Contudo, terão prioridade os professores que estejam vinculados à função pública e/ ou professores que estejam a receber o subsidio de desemprego;

– Estes novos professores/ formadores terão horário completo (22 horas letivas) e as restantes horas serão para realizar trabalho relacionado com a formação (foi mencionado o SIGO, SGFOR e relacionamento com as empresas);

– Estes professores ocuparão cerca de 60% das vagas, pelo que continuará a haver lugar à contratação de formadores a recibos verdes (que continuará nos mesmos moldes e com o mesmo valor hora);

– Os atuais formadores que tenham ações de formação que se prolonguem após 31 de dezembro (data de término do contrato) e estejam a ministrar alguma UFCD, continuarão até o término da mesma.

– Os professores colocados poderão ter que se deslocar para dar formação em vários locais. Deslocar-se-ão em viatura própria e será pago o equivalente ao transporte público a partir do Centro de Formação ou do seu local de residência, desde que as sessões de formação não sejam na área de residência nem no Centro. Pelo que, no concurso/ seleção de professor/ formador será tida em conta a proximidade ao local de formação.

– Os cursos EFA, como os conhecemos, sofrerão alterações e será dada preferência às Formações Modulares de Curta Duração.

– O regulamento que rege os Cursos de Aprendizagem também será alterado. Os alunos terão provavelmente de realizar os Exames Nacionais e a Prova de Avaliação Final. Esta prova será realizada pelos professores/ formadores e será colocada numa plataforma informática para avaliação e posterior consulta. Pretendem que as ações de formação não funcionem como “vassoura do Ministério da Educação”, mas sim como uma oferta válida.

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2012/09/sobre-a-colocacao-de-professores-na-formacao-profissional/

Agenda Para Sábado no Porto

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2012/09/agenda-para-sabado-no-porto/

Finalmente uma Resposta Oficial Sobre o Tempo de Serviço

Que poderia ter evitado muitas discussões e interpretações diferentes se no dia 31 de Agosto esta informação estivesse cá fora.

Assim, a lista de ordenação definitiva de 31 de Agosto é o termo de comparação com o tempo de serviço declarado pelos candidatos para todas as ofertas de escola do ano letivo 2012/2013, mesmo para as ofertas que abram a partir do dia 1 de Janeiro de 2013.

 

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2012/09/finalmente-uma-resposta-oficial-sobre-o-tempo-de-servico/

Como Promover o Sucesso da Matemática?

– Contratando um professor de Biologia e Geologia!

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2012/09/como-promover-o-sucesso-da-matematica/

Comissão Parlamentar Sobre Concurso de Professores

Secretário de estado João Casanova de Almeida é ouvido em comissão parlamentar sobre o concurso de professores. (18 de Setembro de 2012)

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=WipAcLpbzzk]

Link permanente para este artigo: https://www.arlindovsky.net/2012/09/comissao-parlamentar-sobre-concurso-de-professores/

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog