Síntese do Encontro de Professores de ET

SÍNTESE DO ENCONTRO PROFESSORES DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA 

 21/04/12 – MATOSINHOS

 

Em conjunto, estivemos 90 professores e representantes das ANAPET (Armando Almeida e Carlos Pinto), da APEVT (Paulo Fernandes) e da FENPROF (Mário Nogueira). Procuramos formas de luta para evitar que a disciplina de ET deixe de constar como obrigatória no currículo. De forma unânime decidimos:
– Enviar uma carta aberta (onde se explica a importância da nossa disciplina no curriculo) subscrita pelos presentes e por personalidades notáveis e entidades representativas que falta dar a assinar.
– Continuar a usar o grupo PROF_ET_Portugal, para promover e facilitar a comunicação entre TODOS os professores de ET; para passar a pertencer a este grupo deve enviar email para fernandompinho@gmail.com
– Fazermo-nos representar, pela ANAPET e pela APEVT no dia 3 de maio, na “Tribuna Pública“ promovida pela FENPROF, à porta do MEC.
– Realizar uma concentração simultânea em frente às DREs (DREN, DREC, DRELVT e DREALG) no dia 4 de maio (6ª feira) pelas 17.30h, em que os representantes da ANAPET entregarão um texto (a defender a nossa causa) aos respetivos Diretores Regionais; os professores de ET apresentar-se-ão “de luto”, com cartazes e com adereços “vistosos” com muita imaginação e originalidade!
– Participar no dia 12 de maio (sábado), no Encontro Nacional promovido pela ANAPET (há possibilidade de solicitar transporte para Lisboa), juntando-nos antes de forma a realizar uma marcha de forma “vistosa” até ao local de realização.
O MEC criou o problema, unidos encontraremos a solução! Vamos mostrar que temos força e que vale a pena LUTAR!

Zelinda Franco

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2012/04/sintese-do-encontro-de-professores-de-et/

8 comentários

Passar directamente para o formulário dos comentários,

    • Jorge on 24 de Abril de 2012 at 20:56
    • Responder

    Finalmente ação!!!

    VAMOS PESSOAL

    Jorge

    • Zelinda on 24 de Abril de 2012 at 21:44
    • Responder

    Obrigada pelo apoio

      • Rosa Olinda Pires on 24 de Abril de 2012 at 23:14
      • Responder

      Olá Zelinda
      És uma lutadora. Estamos contigo

    • Luisa on 24 de Abril de 2012 at 22:09
    • Responder

    Acho que muitos colegas ainda não perceberam que este não é um problema só nosso(ET)…quando esta situação se concretizar efetivamente irão descobrir que os colegas de ET serão colocados/destacados para outras áreas/grupos de recrutamento, para os quais possuem habilitações…acreditem existem várias e muito diversificadas. Porque não assinam a petição online para a obrigatoriedade da Educação Tecnológica no terceiro ciclo?
    Devemos começar a funcionar como um TODO e não como partes, de acordo com os interesses particulares! Só assim mudaremos o rumo da Educação e do Ensino em Portugal!!
    Luísa

      • maria on 25 de Abril de 2012 at 11:04
      • Responder

      estou de acordo

      Nao entendo como a lista de petiçao ainda nao ultrapassou as 5000 assinaturas

      Penso que muitos colegas estão â espera da oferta da escola para lecionar ET e isso vai ser muito complicado enquanto não sair um despacho que obrigue as escolas a utilzar esta “oferta de escola” para meter a ET vai ser impossivel, além do mais o facto de o nº de alunos aumntar por turma vai fazer com que haja menos turmas para lecionar.
      Estou farta ds esmolas que nos querem dar, isso não vai dar para nada, os sindicatos não fazem nadad e as associações tambem não. Nos professores de ET temos de ter mais projeçao quer em jornais quer na televisao e mostrar o que fizeram com a nossa disciplina, tirando-a pura e simplesmente do curriculo.

    • Cruz on 24 de Abril de 2012 at 23:10
    • Responder

    Os colegas de Educação Tecnológica foram vítimas de um golpe baixo , à socapa o MEC tenta acabar com a disciplina.
    É importante este tipo de ações de luta para dar visibilidade à causa justa.

    Força

    • Maria on 27 de Abril de 2012 at 10:41
    • Responder

    Tendo em conta o relatório final da análise dos contributos feita pelo MEC, fica por explicar o que os levou a extinguir ET no 3º ciclo. Pelos vistos todos os contributos são favoráveis à manutençao da disciplina no 3º ciclo.

    cumprimentos
    Maria

    • Artur Manuel Vieira on 1 de Maio de 2012 at 11:24
    • Responder

    Escolhe-se manuais porque a disciplina existe e é oferta da escola.
    A escolha de um manual é dignificante para va disciplina.
    Ao ser adotado deveria ser utilizado.
    Um maior cuidado na planificação de maneira a incluir a consulta e o apoio deste. independentemente do valor proposto por manual ele deveria ser de compra obrigatória (os pais por vezes gastam dibheiro em coisas bem menores).

    Um exemplo de utilização do manual é a procura de informação neste para o trabalho ou para a preparação do aluno num determinado tema para o dia tecnológico em que grupos de alunos apresentam deiversos temas à comunidade educativa (pais, encarregados de educação, professores, assistentes operacionais, alunos, outras esc9olas do agrupamento, podendo mesmo deslocar-se a estas, etc.)

    a disciplina de educação tecnológica tem antecedentes históricos e por isso devemos, eu estou a fazer isso, escrever ao conselho pedagógico no sentido de, pelo menos a disciplina ser a oferta preferencial da escola.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog