As explicações de Nuno Crato

Podem ser acompanhadas aqui a partir das 15 horas.

Irá abrir uma janela do windows media player com o debate na assembleia da república.
Entretanto deixo aqui alguns links para apoiar o acompanhamento do debate que irá incidir na possível manipulação da BR2.

Espero que o debate seja esclarecedor e que o MEC admita algum erro seu e das escolas na BR2 e que não seja atirada a culpa para os professores conforme fez o Sr. Adalmiro, nem que se limite a culpa ao “elevador“.

E que hoje se ponha também um ponto final ao descaramento que tem sido o uso e abuso de critérios absurdos nas ofertas de escola.

A luta de poderes pela autonomia não pode ter como cobaias os professores.

Nota após o debate: Nem uma palavra sobre os critérios usados pelas escolas para a contratação de professores.

Seguir:
arlindovsky
Seguir:

Latest posts by arlindovsky (see all)

Link permanente para este artigo: http://www.arlindovsky.net/2011/09/as-explicacoes-de-nuno-crato/

1 comentário

    • Pah on 30 de Setembro de 2011 at 0:30
    • Responder

    Capacidade de organizaçao, alguem tem? Como é possível aparecerem 20? Apenas e só, 20? Capacidade de organizaço caros colegas… “Venham mais cinco…” Nao abandonemos os colegas corajosos, receosos, amedrontados, perante um plovo gigante, aqueles que estao lá por nós… por eles, se o eles formos nós… é muita força… Sao projectos de vida roubados, sao projectos de carreira roubados, sao qualidades profissionais roubadas, sao justiças conratuais roubadas, é um confundir liberdade com libretinagem, é a minha, a tua, a dos nossos filhos, é-nos tudo roubado… é o medo que se apodera e nós, é o desespero que se apodera de nós… Jesus Cristo chama-nos à atençao com o seu multiplicar dos peixes. Multipliquemo-nos lesados! Multipliquemo-nos, nao para derrotar o polvo (isso nao é nossa intençao), sim para que ele olhe para nós… para os vossos e nossos filhos, pelo direito que temos a nao perder a qualidade educativa que vos e nos formou, pelos direitos dos alunos, pelos direitos dos pais a uma educaçao justa para os filhos, por uma sociedade que necessita justiça no corte de direitos. Sim, tenho medo… mas também nao aceito que me roubem aquilo que conquistei, pelo qual lutei, no fundo aquilo que sou… nem aceito o nao fazer nada…
    Padeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Seguir

Recebe os novos artigos no teu email

Junta-te a outros seguidores:

x
Gosta do Blog